manual aluno

of 35 /35

Author: jose-soares

Post on 15-Sep-2015

8 views

Category:

Documents


1 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Manual Aluno

TRANSCRIPT

  • BR/JP Verso 22 : pg. 2

    SUMRIO

    HISTRIA DA AIEC .................................................................................................................................................................................... 4 1.1 Modalidades de cursos oferecidos pela AIEC ......................................................................... 6

    1.1.1 Graduao ...................................................................................................... 6

    1.1.2 Extenso ............................................................................................................ 6

    1.1.3 Ps-Graduao ..................................................................................................... 6

    1.2 Caractersticas da EAD .................................................................................................. 6

    1.2.1 Perl do aluno on-line ............................................................................................. 7

    2 METODOLOGIA ..................................................................................................................................................................................... 8 2.1 Sistemtica de funcionamento ......................................................................................... 8

    2.2 Caractersticas do modelo pedaggico da AIEC ....................................................................... 8

    2.3 Interface humana: tutores, professores, coordenadores, orientadores ............................................. 9

    2.4 Polos .................................................................................................................... 10

    2.4.1 Encontros presenciais ............................................................................................ 10

    3 AMBIENTE DE ESTUDO: A FACULDADE ON-LINE ................................................................................................................... 11 3.1 Frum ................................................................................................................... 11

    3.2 E-mail (correio eletrnico) ............................................................................................ 11

    3.3 Instant Messenger ...................................................................................................... 12

    3.4 WebMeeting AIEC ...................................................................................................... 12

    3.5 Wiki ..................................................................................................................... 12

    4 AVALIAO .......................................................................................................................................................................................... 12 4.1 Provas .................................................................................................................. 12

    4.1.1 Segunda chamada de provas ..................................................................................... 12

    4.1.2 Prazos e procedimentos para reviso das questes de prova ................................................. 13

    4.1.3 Prazos e procedimentos para reviso de notas ................................................................. 14

    4.1.4 Provas/Participao em outros Polos ........................................................................... 15

    4.2 Exerccios ............................................................................................................... 15

    4.3 Atividades .............................................................................................................. 15

    4.4. Critrios de avaliao Bacharelado em Administrao ........................................................... 19

    4.7 Critrios de aprovao ................................................................................................ 21

    5 LIDERANA ......................................................................................................................................................................................... 22

    6 BACHARELADO EM ADMINISTRAO ...................................................................................................................................... 23 6.1 Estudo de caso ......................................................................................................... 23

    6.1.1 Comentrio individual ............................................................................................ 23

    6.1.2 Participao no Encontro Presencial ............................................................................ 23

    7 ATIVIDADES COMPLEMENTARES ............................................................................................................................................... 23

    8 TRABALHO DE CONCLUSO DE CURSO .................................................................................................................................... 24 8.1 Bacharelado em Administrao ....................................................................................... 24

    8.2 Curso Superior de Tecnologia em Gesto Financeira ............................................................... 24

    8.3 Curso Superior de Tecnologia em Anlise e Desenvolvimento de Sistemas ....................................... 25

    9 SECRETARIA ACADMICA .............................................................................................................................................................. 25 9.1 Identidade estudantil .................................................................................................. 25

    9.2 Frequncia, faltas, justificativas de faltas ............................................................................ 25

    9.3 Aproveitamento de crditos ........................................................................................... 27

    9.4 Composio da grade curricular ...................................................................................... 27

    9.4.1 Alunos que possuem crditos concedidos ....................................................................... 27

  • BR/JP Verso 22 : pg. 3

    9.5 Reprovao e dependncia ............................................................................................ 27

    9.6 Banca examinadora .................................................................................................... 28

    9.7 Abandono do curso .................................................................................................... 28

    9.8 Jubilamento ............................................................................................................ 28

    9.9 Transferncia ........................................................................................................... 28

    9.10 Renovao de matrcula ............................................................................................. 28

    9.11 Reingresso ............................................................................................................ 29

    9.12 Solicitao de documentos........................................................................................... 29

    9.13 Alterao de polo ..................................................................................................... 29

    10 BIBLIOTECA ..................................................................................................................................................................................... 29

    11 FINANCEIRO ..................................................................................................................................................................................... 31 11.1 Sistema de pagamento ............................................................................................... 31

    11.2 Descontos / convnios ............................................................................................... 32

    11.3 Bolsas de estudo ...................................................................................................... 32

    11.4 Programa Universidade para Todos - ProUni ...................................................................... 32

    11.5 Cancelamento de matrcula.......................................................................................... 32

    11.6 Trancamento.......................................................................................................... 32

    12 CONCLUSO DO CURSO ................................................................................................................................................................ 33 12.1 Formatura ............................................................................................................. 33

    12.2 Perda de acesso ....................................................................................................... 33

    13 ATENDIMENTO: A QUEM RECORRER ....................................................................................................................................... 33 13.1 Atendimento virtual .................................................................................................. 34

    13.2 Atendimento telefnico e Sistema de Atendimento ................................................................ 34

    13.3 Atendimento presencial .............................................................................................. 34

    14 RECOMENDAES DE CONDUTA .............................................................................................................................................. 34

  • BR/JP Verso 22 : pg. 4

    HISTRIA DA AIEC

    A Faculdade AIEC tem sede na cidade de Braslia-DF, sendo uma unidade de direito privado, mantida pela Associao Internacional de Educao Continuada AIEC, fundada em 16 de setembro de 1999, com o objetivo de implementar, em mbito nacional e internacional, onde houver brasileiros com vontade de estudar,

    cursos de graduao e ps-graduao, na modalidade semipresencial.

    Em 7 de novembro de 2013, por meio da portaria n 566, o MEC renovou o reconhecimento do curso de

    Administrao, alm de autorizar os cursos superiores de Tecnologia em Anlise e Desenvolvimento de Sistemas

    (Portaria n 561) e Tecnologia em Gesto Financeira (Portaria n 562).

  • BR/JP Verso 22 : pg. 5

    A faculdade AIEC possui, tambm, a Certicao ISO 9001:2008, comprovando que, alm de atender aos requisitos nacionais, seu curso de Administrao oferece qualidade internacional e garantia de melhoria

    contnua, seja monitorando ndices de qualidade ou assimilando novas tecnologias.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 6

    1 APRESENTAO

    Com o objetivo de manter um canal de comunicao estreito com seus alunos, a AIEC elaborou este informativo para oferecer orientaes bsicas nas reas acadmica e administrativa.

    As informaes aqui contidas so de grande utilidade no esclarecimento de dvidas comuns no dia a dia do aluno, ajudando-o em sua vida acadmica, portanto, importante conserv-lo para consulta posterior.

    1.1 Modalidades de cursos oferecidos pela AIEC

    1.1.1 Graduao

    Em nvel de graduao, desde 2002, a AIEC oferece o bacharelado em Administrao. Formou sua

    primeira turma de Administradores em dezembro de 2005.

    Em 2014 iniciou a oferta dos cursos superiores de Tecnologia em Gesto Financeira (TGF) e de

    Tecnologia em Anlise e Desenvolvimento de Sistemas (TADS).

    1.1.2 Extenso

    A AIEC oferece cursos de extenso na metodologia a distncia, com o objetivo de atualizao em temas voltados para a rea de administrao de empresas e melhoria do desempenho. uma forma de propiciar novas

    abordagens para estudantes e prossionais interessados em modernizar a sua atuao prossional.

    Os cursos, abertos comunidade em geral, especialmente a empresas interessadas em qualicar e

    atualizar seu corpo de prossionais, so caracterizados por exibilidade quanto ao acesso e horrios de estudo. Os cursos so elaborados e aplicados por prossionais qualificados, familiarizados com os avanos tericos e prticos do universo organizacional.

    Mais informaes a este respeito esto disponveis no link http://universidade.uol.com.br/aiec

    1.1.3 Ps-Graduao

    A AIEC est autorizada pelo Ministrio da Educao a oferecer cursos de PSGRADUAO (lato sensu)

    por meio da Portaria n 1.501, de 26 de maio de 2004.

    1.2 Caractersticas da EAD

    A legislao atual define Educao a Distncia como a modalidade educacional na qual a mediao

    didtico-pedaggica nos processos de ensino e aprendizagem ocorre com a utilizao de meios e tecnologias de informao e comunicao, com estudantes e professores desenvolvendo atividades educativas, em lugares ou tempos diversos.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 7

    A AIEC desenvolveu um sistema de ensino especificamente voltado s exigncias dos alunos que decidem estudar a distncia. Esse sistema fundamenta-se em estudos brasileiros e internacionais, assim como

    na experincia de prossionais especializados. Os recursos tecnolgicos foram escolhidos e implementados com o objetivo de oferecer as melhores condies de aprendizagem.

    1.2.1 Perl do aluno on-line

    A metodologia de educao a distncia torna o estudante mais autnomo, mais responsvel pela

    prpria aprendizagem, portanto, uma metodologia que exige disciplina e motivao. As atividades propostas pela AIEC tambm ajudam a desenvolver o esprito de colaborao e de liderana, pois de profissionais assim que o mercado precisa: autnomos, com alta capacidade para resolver problemas e trabalhar em equipe.

    Para melhor aproveitar o que a AIEC tem a oferecer, necessrio ao estudante:

    administrar o seu tempo;

    realizar as atividades propostas, individuais e em grupo;

    saber trabalhar em grupo colaborativamente, mas mantendo sua independncia;

    interagir com diferentes meios e pessoas, construindo novas relaes;

    ter capacidade de se adaptar a um ambiente que se modifica rapidamente, absorvendo, com

    dinamismo, informaes e construindo novos conhecimentos;

    ter habilidade para uso do computador e da internet;

    tomar iniciativas, sabendo identificar e solucionar problemas.

    Vrios estudos tm procurado analisar o perfil das pessoas que estudam a distncia. Alm do exerccio de atividades prossionais e o distanciamento geogrfico entre o estudante e a instituio de ensino, existem

    outros aspectos que caracterizam os alunos on-line, tais como:

    procuram os cursos a distncia motivados pela necessidade de atualizao e formao

    profissional;

    constituem um pblico exigente, demonstram preocupao com o resultado de seus trabalhos

    e provas e assumir falhas com maior naturalidade;

    passaram longo perodo sem realizar estudos formais e, por isso mesmo, apresentam

    insegurana em certas situaes, mas muita vontade de superar as dificuldades;

    precisam dar ateno aos familiares ao mesmo tempo em que estudam;

    so estimulados, em muitas ocasies, pela prpria famlia;

    tm mente aberta para novas ideias e perspectivas.

    A exibilidade do curso da AIEC elemento facilitador, mas o resultado depende de empenho e

    disciplina, pois aprender a aprender o mais importante para o profissional do futuro.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 8

    2 METODOLOGIA

    2.1 Sistemtica de funcionamento

    A AIEC adota a metodologia semipresencial, isto , o aluno realiza atividades via internet (a distncia) e atividades presenciais.

    Ao matricular-se, o aluno recebe uma senha de acesso ao portal, que funciona como uma escola on-line,

    ou seja, no o aluno que vai s aulas, mas a escola vem ao aluno por meio da internet. No portal, esto disponveis, alm do contedo, todas as orientaes para um bom rendimento, bem como as ferramentas que sero utilizadas durante o curso.

    Cada disciplina dividida em unidades temticas que apresentam os textos bsicos em mdulos e leituras adicionais. Os mdulos so preparados para o estudo individual, com ilustraes, glossrio e links1 para

    outras pginas. Enquanto estuda, o aluno pode testar sua compreenso por meio de exerccios corrigidos imediatamente, consultar o glossrio, anotar seus comentrios e elaborar resumos em espao reservado para isso.

    Em cada perodo estabelecida uma agenda para cada uma das disciplinas, com a finalidade de auxiliar o aluno na organizao de seus estudos. A agenda relaciona mdulos, atividades de aplicao e provas s

    respectivas datas de execuo ou entrega. Seguindo essa agenda o aluno distribui adequadamente o seu tempo de estudo de forma a obter um bom resultado.

    A partir das agendas individuais, o sistema de ensino compe, dinamicamente, a Agenda Unificada na qual o aluno identifica as atividades a realizar no ms e o contedo a estudar para a prxima prova de todas as disciplinas.

    Os professores ou coordenadores de disciplina esto distantes geograficamente, mas se fazem presentes por meio da internet, com o objetivo de atender s dvidas dos alunos por meio de correio eletrnico (e-mail) e

    do frum da disciplina.

    Alm dos professores, o aluno tem o apoio de orientadores acadmicos, que acompanham seu rendimento virtualmente, auxiliando-o em seu programa de estudo e durante a realizao do TCC (Trabalho de Concluso de Curso).

    Os alunos se renem, periodicamente, sob a orientao do tutor presencial, para a realizao das provas presenciais.

    2.2 Caractersticas do modelo pedaggico da AIEC

    O modelo pedaggico da AIEC pressupe que o aluno seja o elemento central do processo educativo. Por

    esse motivo, procura fornecer-lhe todo o apoio necessrio para que, de forma autnoma, disciplinada e organizada, ele prprio evolua de maneira flexvel e efetiva no desenvolvimento e aprimoramento de suas competncias pessoais e prossionais.

    Durante o curso, o aluno tem momentos de estudo individual e tambm em grupo. O trabalho individual consiste principalmente em ler, realizar exerccios de autoavaliao, pesquisar, elaborar resumos ou resenhas,

    coletar dados, redigir comentrios sobre casos ou artigos, atividades que so, em grande parte, realizadas on-

    1 Link significa atalho, caminho ou ligao. De origem inglesa, essa palavra entrou na lngua portuguesa por via de redes de computadores (em especial a internet), servindo para designar ligaes de um texto com outras pginas da internet.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 9

    line. Boa parte dos estudos neste curso ocorre de forma individual e cada aluno desenvolve sua prpria estratgia de estudo. Algumas estratgias so mais eficazes que outras, pois cada pessoa tem uma maneira

    particular de construir o conhecimento, por isso, interessante analisar a forma como estudamos e sempre procurar aperfeio-la.

    Os trabalhos em grupo, alm de promoverem a interao da turma, desenvolvem vrias habilidades exigidas no mercado de trabalho, tais como: esprito de equipe, organizao, atividades colaborativas, diviso de tarefas e responsabilidades, liderana, saber ouvir, partilhar ideias, conviver com opinies divergentes, dentre

    outras.

    2.3 Interface humana: tutores, professores, coordenadores, orientadores

    dado ao aluno todo apoio para que evolua de forma flexvel e efetiva no desenvolvimento e aprimoramento de suas competncias pessoais e profissionais. Assim que, na AIEC, encontramos um modelo complexo de diviso de responsabilidades entre:

    professores especialistas, que selecionam e escrevem o contedo de uma disciplina;

    pedagogos, que assessoram o especialista na organizao das atividades didticas adequadas a cada disciplina e aos encontros presenciais e tambm supervisionam a elaborao dos recursos para instruo;

    profissionais de informtica e programao visual, que produzem os recursos didticos para o curso;

    professores, que mantm contato com o aluno no modo virtual, orientando a aprendizagem e esclarecendo as dvidas sobre o contedo, propondo e corrigindo atividades e elaborando as provas;

    tutor presencial responsvel pela conduo das atividades presenciais (prova, estudo de caso e Trabalho de Concluso de Curso), estimulando os alunos no desenvolvimento de competncias humanas

    (relacionar-se com o outro, liderar e atuar em equipe, criticar e receber crticas) e conceituais (gerar solues criativas para problemas complexos; ter viso estratgica, compreender a empresa de forma sistmica e integrada).

    orientador acadmico responsvel pelo acompanhamento dos graduandos no ambiente virtual, estimulando o processo pedaggico de ensino/aprendizagem e auxiliando na interao, entre os alunos

    e os grupos, mantendo os contatos virtuais e atendendo a cada aluno.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 10

    2.4 Polos

    comum alunos de cursos a distncia sentirem-se solitrios durante os estudos. Visando diminuir tal sentimento e, ao mesmo tempo, estimular a interao e auxiliar o aluno, a AIEC organizou, em todo o Pas, pontos de encontro para as turmas: os polos, os quais funcionam como uma base de apoio para o aluno. Veja o

    endereo dos polos no site da AIEC.

    Nesses locais, o tutor est disponvel nos dias dos encontros para prestar orientaes ao aluno e ele o

    responsvel por organizar os encontros presenciais, aplicar as avaliaes e apoiar os discentes nas dificuldades referentes aos trabalhos em equipe.

    Ao se inscrever para o vestibular, o aluno vinculado ao polo mais prximo de sua residncia, vnculo este que permanece durante todo o curso. permitido ao aluno transferir-se para outro polo ou, em caso de viagem, participar dos encontros presenciais e realizar as provas em outro polo que no o seu. Para isso,

    consulte os procedimentos Mudana de Polo e Provas em outros Polos.

    Cada polo possui um conjunto bsico de livros, o que proporciona aos alunos acesso ao material

    bibliogrfico nos encontros presenciais. A solicitao desse material realizada no Ambiente do Aluno e a cada encontro presencial, os alunos fazem o emprstimo e a devoluo das obras consultadas.

    2.4.1 Encontros presenciais

    Os encontros presenciais mensais so realizados nos polos e contemplam a realizao das provas e, para os alunos do bacharelado em Administrao, o debate dos Estudos de Caso ou as apresentaes dos Trabalhos de

    Concluso de Curso.

    Para realizao dos encontros presenciais, considerado o horrio local, devendo efetuar eventuais

    ajustes em decorrncia da adoo do horrio de vero por alguns Estados brasileiros.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 11

    3 AMBIENTE DE ESTUDO: A FACULDADE ON-LINE

    A AIEC disponibiliza uma faculdade on-line, que oferece os mesmos recursos de uma instituio

    presencial. Na pgina http://www.aiec.br, o aluno acessa o curso, digitando, nos campos correspondentes, seus dados pessoais login e senha fornecidos no ato da matrcula. Alm do contedo do seu curso, o aluno tem disposio vrios recursos de comunicao, para interao entre alunos, professores e orientadores, os quais so

    apresentados a seguir.

    3.1 Frum

    O frum um espao para discutir assuntos pertinentes ao curso, postar mensagens, contribuir no desenvolvimento de atividades, dentre outros. uma ferramenta assncrona, isto , o aluno acessa quando e

    onde puder, pois os comentrios permanecem armazenados e disponveis para todos os participantes. Desta forma, o participante pode ler no s sua opinio, mas tambm a de outros alunos, como se estivesse discutindo o assunto em sala de aula.

    Cada disciplina mantm pelo menos um frum aberto, por tempo determinado, e o aluno convidado a apresentar trabalhos e comentrios sobre assuntos diversos relacionados s disciplinas.

    O frum de disciplina apresenta diversos temas para trabalhos especficos associados s atividades, no qual o professor interage com a turma, emitindo informaes ou orientaes coletivas e estimulando o debate entre os alunos e a realizao dos trabalhos, deixando, no entanto, os alunos desenvolverem suas prprias

    reflexes, sem sua interferncia direta. O professor dever intervir diretamente no momento da concluso do debate, expondo as abordagens mais importantes e fechando a discusso sobre o tema. A postagem da verso

    final deve ser feita nica e exclusivamente no Sistema de Atividades. Dentro do frum de disciplina, h o tema de Avisos e Dvidas, que utilizado para interaes de ordem geral com os professores, como boas-vindas, informaes adicionais sobre reas da Administrao e orientaes ou discusses sobre o contedo de cada

    disciplina.

    Eventualmente podero ser criados novos fruns para atividades especficas.

    3.2 E-mail (correio eletrnico)

    um recurso que deve ser aproveitado ao mximo. Durante o estudo, o aluno no deve guardar suas dvidas, deve envi-las imediatamente ao professor, por esse motivo possvel acessar o e-mail de qualquer pgina de estudo.

    importante consultar a caixa de mensagens diariamente, pois em seu e-mail que o aluno recebe informaes sobre quaisquer alteraes de eventos ou datas relacionadas ao curso. Dentre os vrios recursos

    disponveis, os mais utilizados sero o de LER uma mensagem e o de ENVIAR nova mensagem.

    As mensagens trocadas por e-mail devem restringir-se a questes de carter individual. Se voc tiver

    uma dvida que merea ser compartilhada com os demais alunos da turma, publique-a no frum. Mas, lembre-se: o e-mail deve ser usado exclusivamente para comunicaes relativas ao curso.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 12

    3.3 Instant Messenger

    O Instant Messenger uma ferramenta de mensagem instantnea e est disponvel exclusivamente para os alunos. mais um recurso para interao e troca de ideias entre os colegas e um grande auxlio na realizao das atividades em grupo.

    Ao acessar o ambiente virtual, o aluno pode visualizar os colegas da turma que esto on-line e, ao clicar sobre o nome do colega, abre-se uma janela para dilogo. Caso o aluno queira estudar sem ser interrompido, essa

    ferramenta apresenta a opo de desconectar.

    3.4 WebMeeting AIEC

    uma ferramenta que funciona em tempo real e permite que duas ou mais pessoas, que esto em locais diferentes, possam ver e ouvir uns aos outros como se estivessem reunidos em um nico local. Voc pode usar o WebMeeting Aiec para fazer reunies e discutir as atividades em grupo.

    3.5 Wiki

    O wiki uma ferramenta para edio colaborativa de documentos. Apenas o lder ou o vice-lder podem

    criar um novo documento, mas os demais membros do grupo podero edit-lo. uma ferramenta excelente para realizao de trabalhos em grupo, pois permite a vrios usurios editarem um mesmo texto e posteriormente visualizar as diferentes verses.

    4 AVALIAO

    4.1 Provas

    Durante o semestre, o aluno dos cursos de graduao realiza 4 (quatro) provas, que so aplicadas a

    partir do 2 encontro presencial, sendo esse processo conduzido com rigor pelo tutor presencial, garantindo que os horrios sejam cumpridos (seguindo horrio estabelecido no site) e que todas as orientaes da Secretaria

    sejam atendidas. A seguir, algumas observaes importantes:

    essa avaliao feita por disciplina e seu registro divulgado, no site, 9 (nove) dias teis aps

    sua realizao;

    os alunos s podero sair da sala com o caderno de provas uma hora aps o incio dessa. Caso

    termine a prova antes de uma hora, o aluno deve esperar na sala ou sair sem o caderno;

    dada a tolerncia de 15 minutos, aps o horrio marcado para o incio das provas, para ingresso

    de alunos retardatrios.

    4.1.1 Segunda chamada de provas

    O aluno que faltar a uma avaliao ou que no obtiver nota satisfatria pode realizar a segunda

    chamada de provas. Essa solicitao deve ser realizada por meio do ambiente do aluno, em APOIO ACADMICO Solicitao de 2 Chamada.

    O prazo para solicitao de at 10 (dez) dias aps a data da prova no realizada. A nova prova ser realizada no Encontro Presencial subsequente. O sistema considera, para efeito de clculo da mdia mensal, a maior nota obtida entre as duas provas.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 13

    A 2 Chamada da 4 Prova realizada no 6 Encontro Presencial encontro exclusivo para 2 Chamada. Esse encontro realizado no final de semana seguinte ao ltimo encontro (5 Encontro), no sendo necessria a

    solicitao via Sistema de Atendimento.

    Consulte o calendrio acadmico para saber as datas previstas para realizao das provas.

    4.1.2 Prazos e procedimentos para reviso das questes de prova

    Em funo dos diferentes polos e aplicao de provas em dias e/ou horrios distintos, a AIEC possui, atualmente, tipos de provas diferenciados (A e B).

    A divulgao dos gabaritos d-se s 22h do domingo do Encontro Presencial (horrio de Braslia). Os alunos que discordarem de uma ou mais questes podem solicitar, at as 23h59min da quarta-feira seguinte, uma anlise da resposta divulgada. As solicitaes devem ser encaminhadas via Sistema de Atendimento, pelo

    link Avaliao. Aps esse prazo, no ser mais possvel entrar com recurso.

    Os recursos, que devem contemplar uma nica questo de prova por ocorrncia, devem ser individuais, devidamente embasados e apresentados com o correto preenchimento dos itens (n de prova, disciplina, e n da questo). As ocorrncias recebidas so encaminhadas aos respectivos professores, os quais analisam o questionamento do aluno e do um retorno, via Sistema de Atendimento, em geral, no prazo mximo de

    48h.

    Para reviso da

    questo

  • BR/JP Verso 22 : pg. 14

    4.1.3 Prazos e procedimentos para reviso de notas

    Caso o aluno no concorde com a nota de prova divulgada no site, em funo do gabarito que acredita ter

    marcado, as solicitaes de reviso devem ser encaminhadas, via Sistema de Atendimento, para a Secretaria, pelo link Reviso de Notas.

    Todas as solicitaes devem apresentar um embasamento que justifique o pedido. A solicitao de

    Reviso de Notas vinculadas leitura dos cartes de resposta pode ser solicitada at 15 dias aps a data de realizao das provas. Aps este prazo, no ser mais aceita a reviso de nota.

    Para reviso de nota

  • BR/JP Verso 22 : pg. 15

    4.1.4 Provas/Participao em outros Polos

    permitido ao aluno, eventualmente, participar dos encontros presenciais e realizar as provas em outros polos, desde que seja feita a comunicao Secretaria, via Sistema de Atendimento, com 15 (quinze) dias de antecedncia. Esse procedimento imprescindvel, uma vez que nem todos os polos possuem alunos

    cursando todos os perodos, assim, a Secretaria tomar as devidas providncias para enviar as provas adequadas ao polo desejado.

    Ao comparecer ao encontro presencial em outro polo, o aluno dever apresentar a identidade estudantil ou documento de identidade no incio das atividades. A sua assinatura deve ser registrada no campo Alunos de outros polos.

    Esse procedimento somente pode ser realizado em carter excepcional, no devendo o aluno participar de todos os encontros presenciais fora de seu polo de origem.

    4.2 Exerccios

    Os exerccios de cada disciplina representam uma maneira de os alunos verificarem o seu rendimento no

    estudo e se prepararem para as provas aplicadas no encontro presencial.

    Para um melhor aproveitamento, os exerccios devem ser realizados conforme a agenda de cada

    disciplina, considerando o perodo previsto para o estudo de cada mdulo. Neste caso, a nota obtida ser acrescida de bnus de at 20 pontos, por exemplo, uma nota 50 passar para 70. Fora desse prazo, o limite para a realizao dos exerccios o dia do encontro presencial correspondente, at as 23h59, horrio de Braslia, mas esses no

    recebero bnus.

    Os exerccios podem ser feitos quantas vezes o aluno considerar necessrias e prevalecer a maior nota obtida dentro dos prazos limite.

    Vale ressaltar que os exerccios realizados antes do 1 Encontro Presencial no so contabilizados.

    4.3 Atividades

    As atividades so trabalhos mensais propostos pelos professores para cada disciplina (com exceo dos trabalhos de concluso de curso). As atividades podem ser realizadas em grupo ou individualmente em funo da especificao do docente. Independente de a atividade proposta ser individual, em dupla ou em grupo,

    importante que cada aluno poste sua contribuio no frum da disciplina, a qual poder ser visualizada pelos demais colegas do grupo, permitindo, assim, que haja interao e que se promova um debate entre os alunos. A postagem no frum de carter obrigatrio e a avaliao de cada contribuio ser individual e integrar a

    composio da nota final da atividade mensal. O frum um espao para a livre discusso dos alunos durante a construo da atividade e deve ocorrer sem a interferncia dos professores, que apenas avaliam o desempenho dos alunos. Tanto as contribuies no frum como as postagens no Sistema de Atividades so necessrias para a

    devida atribuio das notas, visto que ambas as notas so independentes e desenvolvem habilidades especficas e, portanto, so avaliadas com critrios diferenciados. Mesmo para o aluno que eventualmente esteja sozinho em um grupo, a postagem no frum indispensvel para a vinculao da nota de participao e composio da nota

    final da atividade.

    O frum um rico ambiente de discusso acadmica e permite que o grupo ou o aluno desenvolva melhor a verso final da atividade, a qual dever ser postada imperativamente, no Sistema de Atividades pelo lder do grupo, caso a atividade seja em dupla/grupo, ou pelo aluno, caso seja individual. A partir do momento

    em que a verso final da atividade postada no Sistema de Atividades, no ser mais permitido ao professor

  • BR/JP Verso 22 : pg. 16

    pontuar as contribuies individuais no frum. Ateno! At o momento da postagem da verso final diferente de at o prazo final da postagem da atividade. No caso de uma eventualidade, que impea a postagem da atividade pelo lder, o vice-lder dever assumir tal responsabilidade, sob pena de todos os demais integrantes serem prejudicados pelo atraso ou pelo no envio da atividade. Os lderes e os vice-lderes devero ficar atentos marcao dos integrantes do grupo que participaram da atividade. Caso o lder ou vice-lder se esquea de

    marcar um ou mais nomes, ele ser responsabilizado e os demais alunos sero prejudicados no momento do lanamento das notas. Justificativas de esquecimento na marcao dos participantes da atividade no sero aceitas para pedido de reviso de nota.

    No Tutorial do Sistema de Atividades os alunos tm todas as informaes necessrias para a realizao de cada atividade: prazos de entrega, objetivos, metodologia, critrios de avaliao etc., sendo, portanto,

    fundamental que o aluno leia com ateno as instrues apresentadas.

    A nota de contribuio de cada aluno pelas mensagens postadas no frum de autonomia do professor e os critrios utilizados baseiam-se na relevncia do texto apresentado, assim como pela comparao com as

    demais contribuies postadas nos fruns dos diversos polos. , portanto, uma anlise subjetiva, que envolve aspectos variados, especficos de cada atividade em cada disciplina e a referida nota no est sujeita reviso. A discusso no frum das atividades, e consequente avaliao das contribuies discentes, no deve ter como base

    unicamente as atividades em si, mas tambm os conceitos bsicos do contedo referentes a cada atividade, discusso esta que os professores propem por meio de temas na abertura de cada frum de atividade.

    Uma simples mensagem de abertura de discusso, a compilao do apresentado pelos demais integrantes do grupo, a reformulao de ideias de outros grupos ou ainda a colagem de textos da Internet no constituem parmetros para atribuio de nota por parte do docente. Efetivamente, indispensvel a

    apresentao de ideias prprias para que o professor possa atribuir uma nota de contribuio no frum. Em caso de constatao de plgio e/ou cpia de livros, Internet etc., a nota dada pelo professor deve ser zero.

    importante que cada aluno procure participar da melhor forma possvel no intento de propor contribuies que auxiliem o grupo na elaborao da verso final da atividade. E, alm disso, cada aluno pode e deve contribuir o maior nmero de vezes possvel, assim, maior ser a possibilidade de apresentar novas ideias e

    argumentos e obter uma melhor avaliao do professor.

    Caso o aluno, nas atividades individuais, ou o lder (ou vice-lder), nas atividades em grupo, no postar

    os trabalhos at as 23h59min do dia previsto em cada atividade, o sistema permitir o envio em at 48h aps o prazo, mas, automaticamente, o valor da nota da atividade corrigida pelo professor ser reduzido em 30% independentemente do motivo (exceo feita a casos envolvendo Boletim de Ocorrncia Policial, que devero ser

    devidamente comprovados aps abertura de processo via sistema de atendimento e que envolvam, simultaneamente o lder e o vice-lder). Os alunos podero visualizar alertas de atividades no postadas e cujos prazos esto para expirar. Ao postar a atividade, o aluno (lder ou vice-lder) ter uma hora para eventuais

    ajustes (erro na marcao de participantes, erro no arquivo anexado...), desde que no ultrapasse o prazo final de entrega de atividade. Aps o prazo de uma hora da postagem, no sero mais permitidas alteraes, excees

    feitas s solicitaes dos prprios professores. Aps o perodo de 48h subsequente ao prazo final da entrega da atividade, o sistema no mais permitir

    o envio da atividade. A data e horrio a serem considerados para envio das atividades so sempre os de Braslia, independentemente de fuso horrio e horrio de vero. O relgio oficial dos servidores da AIEC automaticamente ajustado com o www.ntp.br (network time protocol) e pode ser consultado pelos alunos para

    evitar atrasos no envio das atividades.

    No prprio sistema de atividades, os alunos recebero o feedback do professor e a respectiva nota at o

    dia do encontro presencial. As notas (e comentrios) podero, eventualmente, ser alteradas ou zeradas se houver comprovao de plgio e/ou cpia.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 17

    As solicitaes de reviso e/ou insero de notas de atividade (verso final do trabalho postado no Sistema de Atividades e/ou participao postada no frum) devero ser encaminhadas at a tera-feira seguinte

    ao Encontro Presencial do respectivo ms. As solicitaes devero ser feitas unicamente via Sistema de Atendimento, no link Atividades, especificando, de forma clara, a disciplina, o nmero da atividade questionada, o nome do grupo do aluno e o devido embasamento que justificaria a solicitao de reviso de nota.

    Aps esse prazo, no ser mais possvel entrar com pedido de reviso.

    Ateno: pontos importantes

    As atividades mensais podem ser realizadas em grupo, dupla ou individualmente, de acordo com as normas da AIEC.

    As atividades so compostas por uma etapa individual e outra em grupo. Ambas as etapas so

    necessrias no processo de ensino-aprendizagem, pois desenvolvem habilidades diferenciadas, portanto as notas so independentes.

    Pedagogicamente o frum um espao para a livre discusso dos alunos sem a interferncia dos

    professores que apenas avaliam o desempenho dos alunos. E a nota de contribuio de cada aluno pelas mensagens postadas no frum de autonomia do professor e os critrios utilizados baseiam-se na relevncia do texto apresentado, assim como pela comparao com as demais contribuies

    postadas nos fruns dos diversos polos. , portanto, uma anlise subjetiva que envolve aspectos variados, especficos de cada atividade em cada disciplina.

    As discusses no frum das atividades, e consequente avaliao das contribuies discentes, no devem se basear unicamente nas atividades em si, mas nos conceitos bsicos do contedo referentes a cada atividade, discusso esta que os professores propem por meio de temas na abertura de cada

    frum de atividade. Atividades que contemplam clculo em sua resoluo tero os fruns divididos por grupos. Mesmo

    nas disciplinas de exatas, ou nas realizadas de forma individual, a contribuio obrigatria.

    As atividades a serem realizadas individualmente devem ser postadas por cada aluno. A postagem da contribuio individual de cada aluno para cada atividade obrigatria e ser

    avaliada pelo professor e contar como parte integrante na composio da nota final da atividade

    mensal.

    Contribuies no frum que foram copiadas da Internet e/ou outras fontes no podem ser

    pontuadas.

    Simples mensagens de abertura de discusso, concordncia com contribuies anteriores ou a

    compilao do apresentado pelos demais integrantes do grupo no constituem parmetros para atribuio de nota de participao por parte do docente.

    Os professores devem incentivar a discusso das atividades no frum e a verso final dever ser postada unicamente via Sistema de Atividades.

    No caso das atividades em grupo, apenas o lder e o vice-lder tm acesso postagem das atividades.

    Um deles dever postar a verso final da atividade no Sistema de Atividades j discutida por todos os integrantes no frum da disciplina. Caso ocorra uma eventualidade com o lder que o impea de

    postar a atividade, o vice-lder dever assumir tal responsabilidade. As atividades podem ser cobradas nas provas mensais correspondentes. Os alunos podero visualizar alertas de atividades no postadas e cujos prazos esto para expirar.

    A partir do momento que a verso final postada no Sistema de Atividades, no ser mais permitido ao professor pontuar as contribuies individuais no frum. Apenas as contribuies postadas no frum at o momento da postagem da verso final sero consideradas para efeito de nota. Ateno! At o momento da postagem da verso final diferente de at o prazo final da postagem da atividade.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 18

    Os lderes e os vice-lderes devero ficar atentos marcao dos integrantes do grupo que participaram da atividade. Caso o lder ou vice-lder se esquea de marcar um ou mais nomes, ele

    ser responsabilizado e os demais alunos sero prejudicados no momento do lanamento das notas. Justificativas de esquecimento na marcao dos participantes da atividade no sero aceitas para pedido de reviso de nota. A nota de frum no est sujeita reviso

    Os alunos devem anexar um arquivo apenas se solicitado ou autorizado pelo professor. Caso contrrio a atividade deve ser apresentada no campo especfico do Sistema de Atividades. Reserva-se o direito ao professor de no aceitar ou retirar pontos das atividades no enviadas de acordo com

    as orientaes especificadas por ele. de responsabilidade do lder (ou vice-lder) verificar se a atividade anexada a que deve

    realmente ser encaminhada ao professor. Trocas de arquivos ou arquivos corrompidos no sero

    argumentos vlidos para pedido de envio aps o prazo final de entrega. A atividade anexada deve estar apenas em um dos seguintes formatos: .doc, .docx, .xls, .xlsx, .ppt,

    .pptx, .pps, .ppsx, .txt, .pdf, .odt e .rft.

    Aps o prazo indicado pelo professor, as atividades podero ser ainda postadas no Sistema de Atividades nas 48 horas seguintes, mas automaticamente pelo sistema a nota atribuda pelo professor ser reduzida em 50%, independentemente do perodo de atraso.

    Ao postar a atividade, o aluno (lder ou vice-lder) ter 1(uma) hora para eventuais ajustes (erro na marcao de participantes, erro no arquivo anexado...), desde que no ultrapasse o prazo final de

    entrega de atividade. Aps o prazo de 1(uma) hora da postagem, no sero mais permitidas alteraes, excees feitas s

    solicitaes dos prprios professores.

    Em caso de solicitao de reenvio, apenas o aluno que postou a atividade (lder ou vice-lder) ter o acesso para o reenvio.

    Os professores no so obrigados a pedir um reenvio. Esta apenas uma opo caso o professor veja

    o pedido do reenvio a tempo ou simplesmente queira autorizar tal ao. A obrigao recai unicamente ao grupo de ser o responsvel pelo correto envio do trabalho solicitado.

    Caso um professor solicite o reenvio da atividade, o aluno dever efetu-lo at o prazo limite

    previsto de cada atividade. Caso o aluno poste at 48 horas depois do prazo, a nota ser automaticamente reduzida em 50%, mesmo sendo um reenvio de arquivo. E, aps este prazo, o Sistema de Atividades estar bloqueado e a nota ficar zerada.

    A data e horrio a serem considerados para envio das atividades sempre os de Braslia, independentemente de fuso horrio e horrio de vero.

    O relgio oficial dos servidores da AIEC, que automaticamente ajustado com o www.ntp.br

    (network time protocol), pode e deve ser consultado pelos alunos para que no haja atrasos no envio das atividades. possvel ainda ao aluno ajustar o relgio de seu prprio computador com o relgio dos servidores da AIEC.

    Os professores de cada disciplina devem corrigir as atividades enviadas e dar um feedback individual a cada trabalho recebido, orientando os alunos nos erros detectados na correo.

    A nota e o feedback de todas as atividades devem ser encaminhados impreterivelmente aos alunos at a sexta-feira anterior ao encontro presencial, 23h59 (dia de prova).

    Em caso de no entrega de uma atividade ou de constatao de cpia e/ou plgio (Internet, livro, de

    outro grupo,...), a nota atribuda deve ser 0,0 (zero). No caso de cpia e/ou plgio, no ser mais permitida ao aluno a possibilidade do aluno reenviar um novo trabalho.

    As notas a serem inseridas no Sistema de Atividades devero ir de 0,0 a 10, podendo fazer uso da casa decimal (ex.: 5,7).

    As notas no Sistema de Atividades podem ser dadas aos grupos, duplas ou de forma individual. Tambm possvel atribuir uma nota ao grupo e modificar a(s) nota(s) de um ou mais integrantes

    em funo das orientaes repassadas pelo lder (pouca ou nenhuma participao do aluno x). imperativo que o professor no atribua nota a um aluno cujo lder do grupo tenha explicitado a no participao do mesmo na elaborao da atividade.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 19

    Caso o aluno queira solicitar uma reviso de nota de atividade (verso final do trabalho postado no Sistema de Atividades e/ou participao postada no frum), ele dever postar uma ocorrncia, com

    a devida argumentao, para Reviso de Notas de Atividades, unicamente via Sistema de Atendimento pelo link Reviso das Notas. Tais solicitaes devem ser encaminhadas at a tera-feira seguinte ao Encontro Presencial do respectivo ms. Aps esse prazo, no ser mais possvel

    entrar com pedido de reviso. Caso o aluno possua um argumento vlido para justificar e comprovar o atraso (Boletim de

    Ocorrncia Policial), ele prprio dever postar uma ocorrncia para a Gesto dos Professores,

    unicamente via Sistema de Atendimento pelo link Solicitaes de Envio Fora do Prazo. Atestado mdico no se aplica nas atividades.

    4.4. Critrios de avaliao Bacharelado em Administrao

    A avaliao do desempenho escolar feita por disciplina e o rendimento escolar do aluno verificado em cada semestre letivo, compreendendo a frequncia, participao e o aproveitamento.

    Assim, a avaliao da aprendizagem em cada disciplina realizada sob quatro aspectos:

    1 perodo

    Nota %

    Prova 55

    Atividade Individual (2 por disciplina) 20

    Exerccio 20

    Frum (discusso da atividade) 5

    2 ao 6 perodos

    Nota %

    Prova 55

    Estudo de caso Virtual (4 geral) 5

    Estudo de caso Presencial (4 geral) 5

    Exerccio 15

    Atividade em grupo (4 por disciplina) 15

    Frum (discusso da atividade) 5

    7 ao 8 perodos (disciplinas normais)

    Nota %

    Prova 55

    Apresentao do TCC 15

    Exerccio 10

    Atividade em grupo (4 por disciplina) 15

    Frum (discusso da atividade) 5

    7 ao 8 perodos (TCC)

  • BR/JP Verso 22 : pg. 20

    Nota %

    Apresentao do TCC 30

    TCC (em grupo) 70

    Somente os alunos regularmente matriculados podero realizar provas. Os alunos que no estiverem regularmente matriculados no tero direito aos pontos atribudos em atividades presenciais e virtuais realizadas antes de sua efetivao de matrcula.

    4.5 Critrios de avaliao Curso Superior de Tecnologia em Gesto Financeira

    A avaliao do desempenho escolar feita por disciplina e o rendimento escolar do aluno verificado

    em cada semestre letivo, compreendendo a frequncia, participao e o aproveitamento.

    Assim, a avaliao da aprendizagem em cada disciplina realizada sob quatro aspectos:

    1 perodo

    Nota %

    Prova 55

    Atividade Individual (2 por disciplina) 20

    Exerccio 20

    Frum (discusso da atividade) 5

    2 perodo em diante

    Nota %

    Prova 55

    Atividade em grupo (4 por disciplina) 20

    Exerccio 20

    Frum (discusso da atividade) 5

    8 perodo

    Nota %

    TCC (em grupo) 100

    Somente os alunos regularmente matriculados podero realizar provas. Os alunos que no estiverem

    regularmente matriculados no tero direito aos pontos atribudos em atividades presenciais e virtuais realizadas antes de sua efetivao de matrcula.

    4.6 Critrios de avaliao Curso Superior de Tecnologia em Anlise e Desenvolvimento de Sistemas

  • BR/JP Verso 22 : pg. 21

    A avaliao do desempenho escolar feita por disciplina e o rendimento escolar do aluno verificado em cada semestre letivo, compreendendo a frequncia, participao e o aproveitamento.

    Assim, a avaliao da aprendizagem em cada disciplina realizada sob quatro aspectos:

    1 perodo

    Nota %

    Prova 55

    Atividade Individual (2 por disciplina) 20

    Exerccio 20 Frum (discusso da atividade) 5

    2 perodo em diante

    Nota %

    Atividade individual (4 por disciplina) 20

    Frum 5

    Exerccios 20

    Prova 55

    Somente os alunos regularmente matriculados podero realizar provas. Os alunos que no estiverem

    regularmente matriculados no tero direito aos pontos atribudos em atividades presenciais e virtuais realizadas antes de sua efetivao de matrcula.

    4.7 Critrios de aprovao

    Ao final do semestre, as notas so convertidas em menes, conforme quadro abaixo:

    Meno Valor

    A 9.0 a 10.0

    B 7.0 a 8.9

    C 5.0 a 6.9

    D 3.0 a 4.9

    E 1.0 a 2.9

    SR Sem rendimento (at 0,9)

    O aluno aprovado na disciplina em que obtiver meno final mnima C (mdia aritmtica das 4 notas mensais igual a 5 ou superior), desde que tenha, no mnimo, 50% (cinquenta por cento) de frequncia sobre o total

    do nmero de encontros presenciais.

    Aps o fechamento do semestre, que ocorre normalmente uma semana aps o 6 encontro presencial,

    todas as notas so convertidas em menes. Assim, essas notas no esto disponveis aos alunos. aconselhvel que durante o semestre o aluno salve em seu computador todas as notas obtidas ao longo do perodo letivo.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 22

    5 LIDERANA

    A cada semestre, cada grupo de alunos coordenado por um lder. Essa prtica visa ao exerccio da

    habilidade de liderana de grupo, valor caro ao modelo educacional da AIEC. Um vice-lder tambm ser escolhido pelo grupo e exercer a funo do lder, caso este se encontre indisponvel por alguma razo particular. No semestre seguinte, o vice-lder poder tornar-se o lder do grupo.

    Benefcios

    Exercitar a capacidade de liderana;

    Exercitar a capacidade de sntese;

    Exercitar as funes bsicas da administrao no pequeno grupo;

    Contribuir para o desenvolvimento dos alunos e para o autodesenvolvimento.

    Atribuies do lder

    1. Promover, por meio da participao nas atividades, a motivao da equipe e contribuir para a integrao dos membros. Para tanto fundamental:

    a) Coordenar o estudo e a realizao das atividades do grupo garantindo a sua realizao;

    b) Estimular as discusses das atividades no frum;

    c) Apresentar as concluses das atividades no Sistema de Atividade;

    d) Assegurar o cumprimento da agenda de atividades pelo grupo;

    2. Administrar eventuais conflitos;

    3. Estar atento s dificuldades e necessidades de cada colega de equipe e procurar junto com a equipe

    desenvolver aes que promovam o apoio mtuo;

    4. Solicitar ajuda do orientador acadmico para solucionar dificuldades surgidas no grupo.

    O lder recebe um incentivo financeiro de at 10% de desconto, a ser aplicado sobre a ltima

    mensalidade do semestre, como forma de reconhecimento ao desempenho de seu papel. O orientador acadmico o responsvel pela avaliao das lideranas que ter como critrios as atribuies supracitadas.

    Observaes:

    Os grupos devem ser formados por 2 a 6 membros, dependendo do perodo e do curso. No so

    permitidos grupos com mais de 6 membros.

    Nos eventuais casos de alunos lderes de grupos em apenas uma ou duas disciplinas, a liderana no ter

    direito ao incentivo acima mencionado.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 23

    6 BACHARELADO EM ADMINISTRAO

    6.1 Estudo de caso

    O estudo de caso um mtodo de ensino-aprendizagem que trabalha uma situao problema particular de forma a ilustrar a aplicao prtica de conceitos ou teorias. Trata-se de uma oportunidade para

    desenvolvimento das habilidades humanas (ou relacionais) em funo da possibilidade de ouvir e debater ideias contraditrias.

    6.1.1 Comentrio individual

    Cada aluno deve baixar o caso pelo Sistema de Caso, de

    posse do texto, deve fazer uma leitura atenta, redigir um comentrio sobre o caso, conforme as orientaes contidas no documento, e enviar pelo mesmo sistema at 23h59 da quarta-feira anterior ao

    encontro presencial. O feedback ser dado ao aluno, tambm por meio do Sistema de Caso, at 23h59 da sexta-feira posterior ao encontro presencial.

    Esse comentrio torna o aluno mais apto a participar da discusso presencial e possibilita uma primeira pontuao.

    6.1.2 Participao no Encontro Presencial

    A participao do aluno nas discusses do caso no encontro presencial tambm pontuada. O tutor

    observa a contribuio de cada aluno, seus comentrios e ideias expostas, alm do respeito s opinies.

    A nota de participao publicada no link minhas notas em at 5 dias aps cada encontro.

    Algumas dicas importantes:

    Contribua com suas ideias e comentrios sobre o tema em estudo. Seu tutor presencial precisa saber o que voc est aprendendo e como est integrando as novas informaes ao seu conhecimento prvio.

    Fique atento s ideias de seus colegas. A dvida ou sugesto de um aluno pode ajudar a turma toda.

    Seja alegre, mas polido, um ambiente respeitoso indispensvel para o bom rendimento do processo de aprender.

    7 ATIVIDADES COMPLEMENTARES

    As Atividades Complementares constituem um componente curricular obrigatrio, de 60 horas, e

    possibilitam, por avaliao, o reconhecimento de habilidades, conhecimentos, competncias e atitudes do aluno, adquiridos fora do ambiente acadmico. Tem como objetivo estimular a prtica de estudo independente, visando uma progressiva autonomia profissional e intelectual do aluno.

    A carga horria de 60 horas dessa disciplina pode ser integralizada ao longo de dois anos (no curso de Administrao, entre o quarto semestre e o stimo). Nesse perodo, o aluno escolhe e realiza suas atividades de

    forma independente, a partir de um elenco de temas sugeridos pela Faculdade AIEC. Alm do elenco sugerido, a Faculdade se prope a analisar propostas de alunos para novos temas que, se aprovados, podero ser aceitos e

  • BR/JP Verso 22 : pg. 24

    at mesmo inseridos no elenco. Para cada atividade sugerida definido o nmero de horas que sero vlidas para a disciplina Atividades Complementares.

    A avaliao de cada atividade complementar e a concesso das respectivas horas depende da anlise do relatrio e dos comprovantes apresentados pelo aluno Secretaria. Para facilitar a entrega, a Faculdade habilitou

    um sistema para interao com a secretaria, ou seja, entrega dos documentos e feedback. importante que o relatrio seja bastante claro e completo para possibilizar a anlise correta.

    No penltimo perodo do curso sero somadas as horas obtidas e, caso o aluno no tenha conseguido o total de 60 horas, ter ainda possibilidade de realizar uma ou mais atividades complementares no decorrer do ltimo perodo, para fins de complementao.

    As Atividades Complementares no devem ser confundidas com a prtica de estgio curricular supervisionado, alm disso, no pode ser aproveitado como atividade complementar o contedo de qualquer

    outra unidade curricular ou componente curricular do mesmo curso.

    8 TRABALHO DE CONCLUSO DE CURSO

    8.1 Bacharelado em Administrao

    O Trabalho de Concluso de Curso (TCC) para os alunos do curso de Administrao realizado em duas

    etapas, no 7 (TCC1) e 8 (TCC2) semestres, e possui carter obrigatrio.

    promovido em empresas de pequeno ou mdio porte e compreende a realizao do alinhamento dos

    aspectos tericos pertinentes s diferentes reas da Administrao, verificados em sala de aula, com a prtica administrativa da empresa.

    O objetivo principal do TCC sedimentar conhecimentos, habilidades e aptides, por meio de exerccio sistemtico de anlise e avaliao de situaes administrativas setoriais e globais. Durante o TCC, o aluno tem contato com problemas de ordem prtica, desenvolvendo sua capacidade crtica de apontar solues e propor

    melhorias.

    A viso global de uma organizao produtiva, a descrio de suas caractersticas e a possibilidade de

    interagir como consultor possibilitam experincia nova e enriquecedora aos alunos. Para os mais hbeis e experientes, o TCC oferece ainda uma possibilidade de ao: a consultoria em administrao, consoante ao objetivo da AIEC, que formar administradores com viso global e capazes de identificar e retificar problemas

    das mais variadas estruturas, contribuindo para o total sucesso do empreendimento.

    O guia do TCC, com todas as informaes necessrias sua realizao, est disponvel aos alunos a partir

    do 7 semestre (TCC1).

    8.2 Curso Superior de Tecnologia em Gesto Financeira

    O Trabalho Final (TF) do curso superior de Tecnologia em Gesto Financeira tem carter obrigatrio e deve ser direcionado ao futuro campo de atuao profissional, preferencialmente nas reas de Finanas. Pode

    envolver a elaborao de pesquisa bibliogrfica e virtual sobre o temas importantes de cada rea, entrevista com gestores financeiros de organizaes pblicas ou particulares quanto realizao de servios financeiros da organizao ou outras atividades definidas pelo corpo docente. Deve ser elaborado e apresentado em relatrio

    escrito conforme modelo definido pela AIEC.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 25

    Um guia orientador estar disponvel aos alunos devidamente matriculados na disciplina Trabalho Final.

    8.3 Curso Superior de Tecnologia em Anlise e Desenvolvimento de Sistemas

    O Trabalho Final (TF) do curso superior de Tecnologia em Anlise e Desenvolvimento de Sistemas constitui o fechamento do curso e de carter obrigatrio. Pode envolver, a critrio do professor orientador, a

    elaborao de pesquisa bibliogrfica e virtual sobre tema importante da rea ou entrevista com gestores em TI, bem como a elaborao de programa ou sistema para atividades organizacionais. Em todos os casos, dever ser apresentado documento conclusivo em padres coerentes com as normas relacionadas, onde sero valorizadas a

    estrutura, consistncia e excelncia do trabalho. A apresentao do TF dever seguir todas as normas estruturais de uma monografia, obedecendo o rigor dos critrios cientficos de pesquisa e formatao definidos pela AIEC.

    Um guia orientador estar disponvel aos alunos devidamente matriculados na disciplina Trabalho Final.

    9 SECRETARIA ACADMICA

    9.1 Identidade estudantil

    O aluno AIEC recebe de seu tutor presencial a identidade estudantil com o selo de autenticidade. A

    identidade estudantil confeccionada em apenas uma via, que dever ser utilizada enquanto houver vnculo com a Instituio. O selo trocado anualmente.

    Em caso de perda ou extravio, o aluno pode requerer 2 via, sem qualquer nus, ao setor de Secretaria.

    9.2 Frequncia, faltas, justificativas de faltas

    O semestre composto de 05 (cinco) encontros presencias. Em cada encontro, o aluno recebe uma presena/falta. Para aprovao, obrigatria a presena em, no mnimo, 50% dos encontros presenciais.

    Os alunos que cursam dois ou mais perodos simultaneamente devero necessariamente participar, para efeito de frequncia e pontuao, do encontro de ambos os perodos para a realizao das provas, e da atividade

    referente ao estudo de caso e/ou Trabalho de Concluso de Curso no encontro do perodo mais avanado. No 1 encontro presencial, os alunos ingressantes no semestre vigente, que cursam dois ou mais perodos simultaneamente, devero participar juntamente com a turma do 1 perodo e os alunos antigos, ou seja, j eram

    alunos da Faculdade AIEC devero participar do 1 encontro presencial na turma do seu perodo mais avanado.

    Os alunos do curso de bacharelado em Administrao, que cursam somente Trabalho de Concluso de

    Curso I ou Trabalho de Concluso de Curso II devero, necessariamente, participar, para efeito de frequncia e pontuao, do 1 encontro juntamente com a turma do 7 ou 8 perodo, de acordo com seu perodo, e dos demais encontros durante a atividade de Trabalho de Concluso de Curso, do 7 ou 8 perodo, de acordo com

    seu perodo.

    A frequncia do aluno registrada mediante a assinatura da Lista de Participao nos encontros

    presenciais e pode ser vericada no link Acompanhamento de Faltas. Os alunos que no estiverem regularmente matriculados no dia do encontro presencial no recebem presena.

    A atualizao das presenas do 1 encontro presencial realizada pelo tutor presencial em at 5 dias aps o encontro.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 26

    A atualizao das presenas do 2 ao 6 encontro, relativas s provas, decorre dos registros dos cartes de prova realizados em at 09 dias teis aps o encontro presencial.

    A solicitao de Reviso de Faltas pode ser apresentada at 15 dias aps a data de realizao do encontro presencial. Aps este prazo, no ser mais aceito a reviso de faltas.

    As faltas originadas por tratamento excepcional podem ser justicadas, desde que seja apresentado um documento comprobatrio Atestado Mdico contendo CRM, CID (Cdigo Internacional de Doenas),

    assinatura e carimbo do mdico pelo qual o aluno foi atendido. So passveis de tratamento excepcional (amparado pelo Decreto-Lei n 1.044/69, pela Lei n 6.202/75 ou pela Lei n 9.394/96): gravidez, enfermidades graves, incapacidade fsica, doenas de natureza infecciosa, recuperao de cirurgias.

    As faltas ocorridas por motivo de trabalho ou por qualquer outro compromisso pessoal no sero justicadas.

    Para justificar suas faltas, o aluno imprime, em seu ambiente de estudo, o Formulrio de Justificativa de Falta e o encaminha Secretaria Acadmica por e-mail ([email protected]), acompanhado do original ou cpia do atestado, em at 15 dias aps o ltimo encontro presencial.

    Ao final do semestre, o aluno que possuir atestado mdico vlido no perodo determinado pode realizar uma prova e/ou trabalhos para justificativa de faltas abrangendo todo o contedo do semestre letivo, para

    recuperar os conceitos e justificar as faltas.

    O aluno reprovado por falta dever fazer um trabalho e, se for reprovado por nota, dever fazer uma

    prova. O contedo da prova cumulativo ao semestre, e seu resultado somado s demais notas obtidas ao longo do semestre para composio da Meno Final, para aqueles alunos que justificarem por atestado mdico. O prazo para divulgao do resultado de at 09 dias teis aps a realizao da prova.

    Os alunos que faltarem a 1 (um) encontro presencial ou mais encontros no consecutivos, e justificarem por atestado mdico, tero direito a substituir somente a nota de prova.

    Os alunos que faltarem a 2 (dois) ou mais encontros consecutivos, com dias corridos, e justificarem por atestado mdico tero direito a substituir a nota de prova, nota de estudo de caso e de atividades de todos os

    encontros perdidos e amparados pelo atestado mdico. Caso o aluno j possua nota de atividade/nota de estudo

  • BR/JP Verso 22 : pg. 27

    de caso, ter validade a maior nota obtida ou nota da prova de dispensa mdica ou a nota anterior de atividade/tutor.

    9.3 Aproveitamento de crditos

    O aluno matriculado na AIEC pode requerer aproveitamento de crditos de disciplinas que j tenha

    cursado em outra IES. Para tanto, deve encaminhar o formulrio de Solicitao de Aproveitamento de Crditos, disponvel no ambiente do aluno, acompanhado de original ou cpia autenticada do Histrico Escolar e cpia simples do Contedo Programtico das disciplinas cursadas.

    O aproveitamento de crditos em disciplina que o aluno tenha sido aprovado ser deferido nos casos em que e s s a disciplina cursada, independentemente de denominao, seja compatvel em carga horria, em no

    mnimo 50%, e contedo em no mnimo 75% exigido pela AIEC para a disciplina pretendida. Os documentos para anlise de aproveitamento de crditos devem ser enviados at 10 (dez) dias aps a realizao do 1 Encontro Presencial do semestre.

    9.4 Composio da grade curricular

    O aluno que no possuir crditos concedidos deve cursar as disciplinas na sequncia em que esto

    dispostas na grade curricular da AIEC.

    9.4.1 Alunos que possuem crditos concedidos

    Havendo crditos concedidos, faz-se um ajuste na grade curricular, partindo do 1 perodo at o perodo

    mais distante com crdito concedido, respeitando as seguintes regras:

    podem ser acrescentadas disciplinas do perodo subsequente, at o limite de seis disciplinas por

    semestre;

    em ambos os perodos, deve haver crdito concedido, caso contrrio, no permitido o avano;

    o aluno pode deixar de cursar at duas disciplinas, avanando para o perodo subsequente;

    encerrado o perodo em que possua crdito concedido, o aluno deve seguir a grade fechada, conforme currculo.

    Em caso de reprovao, a grade proposta ser desconsiderada e ser montada nova grade.

    Alteraes de grade somente sero aceitas at a data do segundo encontro presencial.

    9.5 Reprovao e dependncia

    Para ser aprovado no perodo, o aluno no pode ser reprovado em mais de duas disciplinas. Em caso de reprovao, o aluno pode cursar at duas disciplinas em regime de dependncia, simultaneamente ao perodo seguinte, para o qual ser mantido o seu acesso no Sistema AIEC a essas disciplinas. Entretanto, caso haja

    reprovao em trs ou mais disciplinas, o aluno deve cursar somente aquelas nas quais foi reprovado, no podendo avanar para o perodo seguinte.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 28

    Caso seja reprovado duas vezes em uma mesma disciplina, o aluno pode ser jubilado da faculdade e o ingresso s pode ser feito mediante realizao de novo vestibular.

    9.6 Banca examinadora

    A legislao atual (LDB, no seu Artigo 47, 2) permite ao aluno abreviar a durao do seu curso, ou

    seja, deixar de cursar alguma disciplina, desde que demonstre extraordinrio aproveitamento nos estudos e notrio saber acerca dos contedos da disciplina, exceto nas disciplinas TCC I e II. A apurao das habilidades e das competncias realizada por meio de Banca Examinadora, mediante avaliaes especficas estabelecidas

    pela Instituio.

    O aluno deve enviar para a Secretaria da AIEC, juntamente com o Formulrio de Solicitao de Banca

    Examinadora, disponvel no ambiente do aluno, os documentos que comprovem o conhecimento referente ao contedo das disciplinas para as quais estiver solicitando a Banca Examinadora. O valor para cada disciplina

    referente a uma mensalidade do semestre vigente.

    O aluno poder realizar uma prova com todo o contedo do semestre, devendo ser aprovado com

    meno mnima C.

    9.7 Abandono do curso

    A no renovao de matrcula para um semestre caracteriza abandono de curso. O aluno que

    abandonar o curso est obrigado a quitar as mensalidades at o encerramento do perodo letivo em que

    esteve matriculado. Caracterizado o abandono, o aluno perde o vnculo com a instituio.

    9.8 Jubilamento

    O jubilamento o desligamento ou o afastamento do aluno por descumprimento das normas curriculares previstas no regimento interno da AIEC, como, por exemplo, ter sido reprovado duas vezes numa

    mesma disciplina.

    9.9 Transferncia

    O aluno pode solicitar transferncia para outra IES, a qualquer semestre, dentro dos prazos estipulados para transferncia discente.

    Para tal processo, deve ser encaminhado Secretaria o original do Formulrio de Sada. Para que a sada seja concedida, as mensalidades de todos os semestres frequentados devem estar quitadas at a data da solicitao, no podendo o aluno ter nenhuma pendncia com a AIEC, inclusive com a Biblioteca. Aps o

    recebimento da solicitao por parte da Secretaria, o prazo para enviamos os documentos de 10 dias teis.

    9.10 Renovao de matrcula

    Todos os alunos matriculados na AIEC devem renovar a matrcula para o semestre seguinte, sendo admitida a pendncia em, no mximo, 2 (duas) disciplinas. Essa regra vlida para todos os alunos que estejam

    aprovados ou no nas disciplinas do semestre letivo. A documentao de matrcula do aluno deve estar completa.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 29

    Para tanto, o aluno deve procurar o tutor presencial no dia do encontro, ou a Secretaria da AIEC, at a data do ltimo encontro presencial, para assinar o contrato de renovao de matrcula. Somente aps a entrega

    do contrato, o pagamento poder ser efetuado.

    Alunos com pendncia financeira somente podero renovar a matrcula aps a efetivao do pagamento

    da semestralidade, ou negociao dos dbitos junto Tesouraria.

    Os alunos que no renovarem a matrcula no prazo estipulado em calendrio da AIEC perdem o vnculo

    com a faculdade, sendo considerados em situao de abandono.

    9.11 Reingresso

    O reingresso o retorno do aluno aos estudos. permitido a todos aqueles que se encontram na situao de abandono ou alunos com o perodo de trancamento j vencido.

    Para o reingresso, necessrio que o aluno esteja em dia com sua situao. O aluno deve imprimir o formulrio de reingresso, disponvel no site, e envi-lo, juntamente com o contrato de prestao de servios devidamente assinado, Secretaria Acadmica da Faculdade. O caso ser analisado quanto documentao

    enviada e quanto possibilidade de insero do aluno no semestre e, caso seja aprovado, o boleto fica disponvel no site.

    9.12 Solicitao de documentos

    A Secretaria emite declarao de matrcula, que comprova o vnculo do aluno com a Instituio, e o

    histrico escolar a todos os alunos interessados que solicitarem. A solicitao deve ser feita pelo link de apoio ao estudante declarao de matrcula. Os documentos, aps aprovados pela Secretaria Acadmica, ficaro disponveis nesse mesmo local para impresso.

    O documento solicitado enviado via Correios por carta simples, com prazo estipulado pelos Correios entre 7 a 10 dias teis.

    O prazo para liberao e envio pelos Correios de 48 horas teis.

    9.13 Alterao de polo

    O aluno pode solicitar alterao de polo a qualquer momento, desde que haja o respectivo perodo no

    polo solicitado. necessrio o aluno encaminhar uma solicitao de alterao de polo via Sistema de Atendimento.

    Caso o aluno solicite transferncia do polo do Brasil para o exterior ou vice e versa, necessrio que o aluno envie o original do contrato de prestao de servios devidamente assinado com os valores do polo de

    destino.

    10 BIBLIOTECA

    Para realizao do emprstimo de livros da Biblioteca da AIEC, o aluno deve efetuar o login e senha de acesso, disponvel na tela principal do site.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 30

    Depois de efetuado o login, o aluno deve acessar o link Biblioteca, conforme indicao no ambiente Apoio ao Estudante.

    O acervo de livros, correspondente ao perodo em curso e suas respectivas disciplinas, est disponvel no site.

    Para visualizao dos livros, o aluno deve selecionar a disciplina e os livros desejados, inserir o ttulo e

    efetuar a confirmao da solicitao do emprstimo.

    O prazo de emprstimo dos livros de um encontro presencial at o encontro subsequente.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 31

    Para devoluo das obras, o aluno dever entregar o material ao tutor presencial responsvel pelo polo. Caso o aluno deseje permanecer com os livros, dever realizar nova solicitao de emprstimo.

    O aluno responsvel pela obra emprestada, enquanto estiver em posse dela e, em caso de extravio, ele deve arcar com a reposio imediata.

    A renovao da matrcula est condicionada devoluo de todos os livros emprestados pela Biblioteca da AIEC.

    11 FINANCEIRO

    11.1 Sistema de pagamento

    O pagamento das mensalidades escolares deve ser efetuado por meio de boleto bancrio ou dbito em conta.

    Os boletos no so enviados para a residncia do aluno. Esto disponveis no ambiente virtual, podendo ser impressos a qualquer momento. Para os alunos que so correntistas do Banco do Brasil, h tambm

    a opo de dbito em conta.

    Os pagamentos efetuados at a data estipulada pela faculdade tm desconto de pontualidade. Os

    pagamentos realizados aps a data do vencimento esto sujeitos cobrana de multa, acrescidos de juros e correo monetria.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 32

    11.2 Descontos / convnios

    A AIEC firmou convnios com diversas empresas em todo o Brasil para a concesso de descontos aos alunos que pertenam a seu quadro de funcionrios. O aluno pode verificar a relao de empresas conveniadas junto Faculdade.

    A Faculdade AIEC est sempre aberta a parcerias, portanto, as empresas que estejam interessadas em oferecer formao superior de qualidade aos seus funcionrios podem entrar em contato mediante e-mails e

    telefones divulgados no site.

    11.3 Bolsas de estudo

    A AIEC promove um programa de incentivo, oferecendo descontos especiais para alunos que possuem familiares (pai, lho, irmo e cnjuge) estudando na faculdade. Os descontos variam conforme cada caso.

    11.4 Programa Universidade para Todos - ProUni

    A AIEC tambm participa do Programa Universidade para Todos (ProUni), programa criado pelo Governo Federal. Por meio do ProUni, o aluno contemplado com bolsas de estudo integrais ou parciais em

    instituies de educao superior privadas. As bolsas podem ser concedidas a estudantes de cursos de graduao e sequenciais de formao especfica e so destinadas a brasileiros de baixa renda, sem diploma de nvel superior.

    11.5 Cancelamento de matrcula

    O aluno pode solicitar, a qualquer momento, o cancelamento de sua matrcula. A solicitao deve ser feita por meio de carta, com firma reconhecida em cartrio. Esse ato obriga o aluno quitao das mensalidades escolares at o ms do cancelamento.

    11.6 Trancamento

    O aluno que pretende interromper temporariamente os estudos pode efetuar o trancamento de sua

    matrcula, desde que esteja regularmente matriculado e com a documentao de matrcula completa. A solicitao deve ser feita por meio de carta, com rma reconhecida em cartrio. Esse ato no desobriga o aluno quitao das mensalidades escolares vencidas at o ms da solicitao do trancamento.

    O trancamento tem validade de dois semestres, podendo ser renovado por mais um semestre, desde que o aluno faa o pedido de reabertura da matrcula por meio do contrato de prestao de servios, o pagamento da

    rematrcula e o requerimento formal de prorrogao do trancamento, situao que somente ser deferida na ausncia de dbitos anteriores. O prazo de trancamento se encerra no ltimo dia til que antecede o 3 encontro presencial.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 33

    12 CONCLUSO DO CURSO

    12.1 Formatura

    A Colao de Grau o evento que ocorre, oficialmente, uma vez a cada semestre nos polos, em data preestabelecida no Calendrio Escolar. Podem colar grau os alunos do 8 perodo do Bacharelado em

    Administrao, 4 perodo do Curso de Tecnologia em Gesto Financeira e 5 perodo do Curso de Tecnologia em Anlise e Desenvolvimento de Sistemas, que obtiverem aprovao em todas as disciplinas.

    A falta de Colao de Grau impede a AIEC de fornecer o diploma ao formando.

    Ser ainda estipulada nova data para Colao de Grau Extraordinria aos alunos que, por algum motivo,

    no puderem comparecer Colao oficial.

    12.2 Perda de acesso

    Logo aps o fechamento do semestre, o qual se d, em geral, uma semana aps o 6 encontro presencial, o recm-formado no ter mais acesso ao ambiente do aluno, perdendo, assim, todos os e-mails e contedos das

    disciplinas. Ento, aconselhvel que o aluno salve em seu computador os itens que julgar interessantes e faa o download das disciplinas.

    13 ATENDIMENTO: A QUEM RECORRER

    Alm do tutor presencial, do orientador acadmico e do professor de cada disciplina, o aluno pode contar ainda com equipes especializadas em nossa sede, em Braslia e em outras localidades, para auxili-lo, via

    sistema on-line, telefone ou pessoalmente.

  • BR/JP Verso 22 : pg. 34

    13.1 Atendimento virtual

    O aluno tem disposio um Sistema de Atendimento, pelo qual pode fazer comentrios, elogios,

    solicitaes, crticas, mantendo um contato direto com os setores da AIEC.

    A ocorrncia registrada imediatamente, tendo o prazo de at 48 horas para ser respondida.

    Dependendo da natureza da solicitao, tal prazo poder ser estendido.

    As respostas devem ser lidas no prprio Sistema de Atendimento.

    13.2 Atendimento telefnico e Sistema de Atendimento

    A AIEC mantm o compromisso de atender ao aluno com prontido, assegurando-lhe o menor tempo de

    espera do outro lado da linha.

    Para agilizar o atendimento, o aluno pode entrar em contato com a rea que deseja, por meio do

    telefone (55 61) 3403-0000 e via sistema de atendimento:

    13.3 Atendimento presencial

    O aluno pode ser atendido na sede da AIEC, em Braslia, de segunda sexta-feira das 8h s 18h e aos sbados das 8h s 12h, no seguinte endereo: SIG Quadra 1, lotes 375,385,395, Edifcio Platinum 3 andar Braslia-DF.

    14 RECOMENDAES DE CONDUTA

    O ensino a distncia requer especicidades, e uma das necessidades bsicas para o bom desenvolvimento das atividades de ensino-aprendizagem fundamenta-se na boa relao professor-aluno. Embora este relacionamento esteja fundado no carter virtual, no qual alunos e professores no desenvolvem um contato

    presencial, a AIEC prima pelo bom desempenho na conduta de ambos. Solicita-se, assim, aos alunos, tutores e professores qu e guardem uma postura acadmica, na qual o respeito seja o elemento bsico no processo de

    ensino.

    A linguagem a ser utilizada no mbito virtual, por vezes, no condizente com a postura esperada, em

    especial pela distncia fsica entre os interlocutores, ou mesmo em funo das distores provocadas pela expresso das palavras escritas sem a associao de gestos e entonaes das expresses orais. Porm, a AIEC no permite que manifestaes de grosseria, desrespeito e desacato se faam presentes. de fundamental

    importncia que o relacionamento entre alunos/alunos, alunos/orientadores e alunos/professores seja reflexo de um ambiente no qual os valores bsicos de uma cultura que valoriza a educao estejam sempre presentes.

    Outro elemento de recomendao de conduta diz respeito ao plgio em atividades propostas pela Faculdade AIEC. Todas as citaes, diretas ou indiretas, devem, absolutamente, ter a devida meno da fonte, seja ela de livros, revistas, jornais, artigos ou internet. necessrio, tambm, que se faa a correta referncia a

    trabalhos de outros colegas, caso eles sejam utilizados ou mencionados. Em caso de comprovao de plgio e/ou cpia, a orientao da AIEC a todos os professores e colaboradores da equipe pedaggica que a nota da atividade seja automaticamente zerada, sem a possibilidade de recurso ou de nova oportunidade de entrega, independente da apurao da responsabilidade da(s) parte(s) envolvida(s).

  • BR/JP Verso 22 : pg. 35