reforma do sabado

Download Reforma do sabado

Post on 09-Jul-2015

2.516 views

Category:

Documents

1 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

“Os seus sacerdotes violentam a minha lei, e profanam as minhas coisas santas; não fazem diferença entre o santo e o profano, nem discernem o impuro do puro; e de meus sábados escondem os seus olhos, e assim sou profanado no meio deles.” Ezequiel 22:26.

TRANSCRIPT

  • DESCANSOU, ABENOOU ESANTIFICOU

    E havendo Deus acabado no diastimo a obra que fizera, descansou no stimo dia de toda a sua obra, que tinha feito. E abenoou Deus o dia stimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera. Gnesis 2:2-3.

    Porque em seis dias fez o Senhor oscus e a terra, o mar e tudo que neles h, e ao stimo dia descansou; portanto abenoou o Senhor o dia do sbado, e o santificou. xodo 20:11.

  • O SENHOR NOS SANTIFICAE tambm lhes dei os meus sbados, para que servissem de sinal entre mim e eles; para que soubessem que eu sou o Senhor que os santifica. Ezequiel 20:12.

    PARA SANTIFICARMOS O SBADOE santificai os meus sbados, e serviro de sinal entre mim e vs, para que saibais que eu sou o Senhor vosso Deus. Ezequiel 20:20.

    DIFERENA ENTRE O SANTO E O PROFANOOs seus sacerdotes violentam a minha lei, e profanam as minhas coisas santas; no fazem diferena entre o santo e o profano, nem discernem o impuro do puro; e de meus sbados escondem os seus olhos, e assim sou profanado no meio deles. Ezequiel 22:26.

  • A REFORMA E O SBADO

    E os que de ti procederem edificaro as antigas runas; e levantars os fundamentos de gerao em gerao; e chamar-te-o reparador das roturas, e restaurados de veredas para morar. Se desviares o teu p do sbado, de fazeres a tua vontade no meu santo dia, e chamares ao sbado deleitoso, e o santo dia do Senhor, digno de honra, e o honrares no seguindo osteus caminhos, nem pretendendofazer a tua prpria vontade, nemfalares as tuas prprias palavras.Isaas 58:12-13.

  • Enfrentando o mundo como reformadores, devem mostrar que a Lei de Deus a base de toda reforma duradoura. Em termos claros e distintos, devem apresentar a necessidade da obedincia a todos os Seus mandamentos. Constrangidos pelo amor de Cristo, devem com Ele cooperar na edificao dos lugares antigamente assolados, levantando os fundamentos de muitas geraes. Devem ser reparadores das roturas, restauradores das veredas para morar. Por seu testemunho deve o Sbado do quarto mandamento apresentar-se como uma testemunha: um constante memorial de Deus, para atrair a ateno e despertar perguntas que dirijam o esprito dos homens para o Seu Criador. EGW, 3TS, pg. 19.

    H maior santidade no Sbado do que lhe atribuem muitos que professam observ-lo. O Senhor tem sido grandemente desonrado por parte dos que no tm observado o Sbado conforme o mandamento, quer na letra, quer no esprito. Ele sugere uma reforma da observncia do Sbado. EGW, 3TS, pg. 20.

  • NOSSO PROCEDIMENTODURANTE A SEMANA

    Lembra-te do dia do sbado, para o santificar. xodo 20:8.

  • Durante toda a semana nos cumpre ter em mente o Sbado e fazer a preparao indispensvel, a fim de observ-lo conforme o mandamento. No devemos observ-lo simplesmente como objeto de lei. Devemos compreender suas relaes espirituais com todos os negcios da vida.Todos os que considerarem o Sbado um sinal entre eles e Deus, revelando que Ele o Deus que os santifica, ho de representar condignamente os princpios de Seu governo. Praticaro dia a dia os estatutos de Seu reino, orando continuamente a Deus para que a santificao do Sbado sobre eles repouse. Cada dia tero a companhia de Cristo, exemplificando-Lhe a perfeio de carter. Dia a dia sua luz refulgir para outros em boas obras.

  • Em tudo quanto se relaciona com a obra de Deus, as primeiras vitrias devem ser alcanadas na vida domstica. A que deve comear a preparao para o Sbado. Durante toda a semana compete aos pais lembrar que seu lar precisa ser uma escola em que os filhos sejam preparados para o Cu. Sejam justas as suas palavras. Expresso alguma, que aos filhos no convm ouvir, dever proceder de seus lbios. Seja o esprito mantido livre de toda irritao. Durante a semana devem os pais proceder como em presena de Deus, que lhes deu os filhos para serem educados para Ele. Educai no lar a pequena igreja de modo a, no Sbado, estar preparada para render culto a Deus no Seu santurio.

  • Todas as manhs e tardes apresentai a Deus vossos filhos como Sua herana remida com sangue. Ensinai-lhes que seu principal dever e privilgio amar e servir a Deus.EGW, 3TS, pgs. 20 e 21.

    Quando o Sbado desta forma lembrado, as coisas temporais no influiro sobre o exerccio espiritual de modo a prejudic-lo. Nenhum servio atinente aos seis dias de trabalho ser deixado para o Sbado. Durante a semana, teremos o cuidado de no exaurir as energias com trabalho fsico a ponto de, no dia em que o Senhor repousou e Serestaurou, estarmos fatigados demais para tomar parte no Seu culto. Embora a preparao para o Sbado deva prosseguir durante toda a semana, a sexta-feira o dia por excelncia da preparao. EGW, 3TS, pg. 21.

  • O DIA POR EXCELNCIADA PREPARAO

    E, chegada a tarde, porquanto era o dia da preparao, isto , a vspera do sbado, Mar. 15:42.

  • Na sexta-feira dever ficar terminada a preparao para o Sbado. Tende o cuidado de pr toda a roupa em ordem e deixar cozido o que houver para cozer. Escovai os sapatos e tomai vosso banho. possvel deixar tudo preparado, se tomar isto como regra. O Sbado no deve ser empregado em consertar roupa, cozer alimento, nem em divertimentos ou quaisquer outras ocupaes mundanas. Antes do pr-do-sol, ponde de parte todo trabalho secular, e fazei desaparecer os jornais profanos. Explicai aos filhos esse vosso procedimento e induzi-os a ajudarem na preparao, a fim de observar o Sbado segundo o mandamento. EGW,3TS, pg. 22.

    A sexta-feira o dia de preparao. O tempo pode ser ento dedicado a fazer os necessrios preparativos para o Sbado, a pensar e falar sobre isto. Coisa alguma que possa aos olhos do Cu ser considerada transgresso do santo Sbado, deve deixar-se por dizer ou fazer, para ser dita e feita no Sbado. EGW, OC, pg. 529.

  • O PR-DO-SOL MARCAO LIMITE DO DIA

    Sbado de descanso vos ser; ento afligireis as vossas almas; aos nove do ms tarde, de uma tarde a outra tarde, celebrareis o vosso sbado.Levtico 23:32.

  • Antes do pr-do-sol, todos os membros da famlia devem reunir-se para estudar a Palavra de Deus, cantar e orar. A este respeito estamos necessitados duma reforma, porque muitos h que se esto tornando remissos. Temos que confessar as faltas a Deus e uns aos outros. Devemos tomar disposies especiais para que cada membro da famlia possa estar preparado para honrar o dia que Deus abenoou e santificou. EGW, 3TS, pg. 23.

    Vi que, no decurso do vero passado, o esprito que prevaleceu foi a ganncia de obter o mximo possvel deste mundo. Os mandamentos de Deus no foram guardados. Com a mente servimos Lei de Deus, mas a mente de muitos estava a servio do mundo. E enquanto suas mentes estivessem ocupadas com as coisas da Terra, servindo-se a si mesmas, no podiam servir Lei de Deus. O Sbado no tem sido observado. Para alguns, a obra dos seis dias adentra at o stimo dia. Uma hora, e at mais, tm sido subtradas do incio e do trmino do Sbado. EGW, 1TI, pg. 174.

  • O QUE FAZER E O QUE NO FAZER DURANTEO SBADO

    Levantar-se mais cedo: Para de manh anunciar a tua benignidade, e todas as noites a tua fidelidade; Salmos 92:2.

  • No deveis perder as preciosas horas do Sbado, levantando-vos tarde. No Sbado a famlia deve levantar-se cedo. Despertando tarde, fcil atrapalhar-se com a refeio matinal e a preparao para a Escola Sabatina. Disso resulta pressa, impacincia e precipitao, dando lugar a que a famlia se possua de sentimentos imprprios desse dia. Destarte profanado, o Sbado torna-se um fardo, e sua aproximao ser para ela antes motivo de desagrado do que de regozijo.

    EGW, 3TS, pg. 23.

  • Ir igreja:

    E, chegando a Nazar,onde fora criado, entrou num dia de sbado, segundo o seu costume, na sinagoga, e levantou-se para ler. Lucas 4:16.

  • Deus ensina que devemos congregar-nos em Sua casa, a fim de cultivar as qualidades do amor perfeito. Com isto os habitantes da Terra sero habilitados para as moradas celestiais que Cristo foi preparar para os que O amam. L no santurio de Deus, reunir-se-o, ento, Sbado aps Sbado e ms a ms para participarem dos mais sublimes cnticos de louvor e ao de graas, entoados em honra dAquele que est assentado no trono, e ao Cordeiro, eternamente. EGW, 3TS, pg. 34.

    Devem os pais e mes tornar uma regra que seus filhos assistam ao culto pblico no Sbado. EGW, OC, pg. 530.

  • Ficar em casa ou sair para contemplar as obras da Criao:

    Mas o stimo dia o sbado do Senhor, teu Deus; no fars nenhuma obra, nem tu, nem teufilho, nem tua filha, nem o teuservo, nem a tua serva, nem oteu animal, nem o teu estrangeiro,que est dentro das tuas portas.Porque em seis dias fez o Senhoros cus e a terra, o mar e tudoque neles h, e ao stimo diadescansou; portanto abenoouo Senhor o dia do sbado, e osantificou. xodo 20:10-11.

  • A Escola sabatina e o culto de pregao ocupam apenas uma parte do Sbado. O tempo restante poder ser passado em casa e ser o mais precioso e sagrado que o Sbado proporciona. Boa parte desse tempo devero os pais passar com os filhos. Em muitas famlias, os filhosmenores so abandonados a si prprios, a fim de se entreterem como melhor puderem. Abandonadas a si mesmas, as crianas em breve ficam inquietas e comeam a brincar ou ocupar-se de coisas ilcitas. Deste modo o Sbado perde para elas sua importncia sagrada. Quando faz bom tempo, devero os pais sair com os filhos a passeio pelos campos e matas. Em meio s belas coisas da Natureza, expliquem-lhes a razo da instituio do Sbado. Descrevam-lhes a grande obra da criao de Deus.

    EGW, 3TS, pg. 24.