departamento de matem£œtica e ci£¾ncias experimentais grupo subsistemas...

Download Departamento de Matem£Œtica e Ci£¾ncias Experimentais Grupo Subsistemas terrestres e manuten£§££o da

Post on 20-Jun-2020

1 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Departamento de Matemática e Ciências Experimentais

    Grupo Disciplinar Cód. (520)

    Fafe

    Julho 2019

    PLANO CURRICULAR DISCIPLINAR DE

    CIÊNCIAS NATURAIS—8º ANO / 2019-2020

    AGRUPAMENTO ESCOLAS PROFESSOR CARLOS TEIXEIRA

    Código 150502

    ANUAL ADOTADO E MATERIAL

    OBRIGATÓRIO

    ESTÃO DE TEMPOS LETIVOS

    INOPSE PROGRAMÁTICA E GESTÃO DE

    UNIDADES CURRICULARES

    RTICULAÇÕES CURRICULARES

    VALIAÇÃO DOS ALUNOS

    LANIFICAÇÃO DE UNIDADES (MÉDIO

    PRAZO)

    Ciências Naturais

  • Elaboração da planificação a médio prazo

    Domínio: Terra – um planeta com vida

    Subdomínio: Sistema Terra ̶ Da célula à biodiversidade 1º Período

    Objetivos/descritores Conteúdos Estratégias Avaliação Aulas

    Compreender as condições próprias da Terra que a tornam o único planeta com vida conhecida no Sistema Solar.

     Identificar a posição da Terra no Sistema Solar, através de representações esquemáticas.

     Explicar três condições da Terra que permitiram o desenvolvimento e a manutenção da vida.

     Interpretar gráficos da evolução da temperatura, da energia solar e do dióxido de carbono atmosférico ao longo do tempo geológico.

     Descrever a influência da atividade dos seres vivos na evolução da atmosfera terrestre.

     Inferir a importância do efeito de estufa para a manutenção de uma temperatura favorável à vida na Terra.

    Compreender a Terra como um sistema capaz de gerar vida.

     Descrever a Terra como um sistema composto por subsistemas fundamentais (atmosfera, hidrosfera, geosfera, biosfera).

     Reconhecer a Terra como um sistema.

     Argumentar sobre algumas teorias da origem da vida na Terra.

     Discutir o papel da alteração das rochas e da formação do solo na existência de vida no meio terrestre.

     Justificar o papel dos subsistemas na manutenção da vida na Terra.

     Condições da Terra que permitem a existência de vida.

     A Terra no Sistema Solar.

     Condições da Terra favoráveis à vida.

     Evolução da atmosfera.

     O efeito de estufa e a vida na Terra.

    A Terra como um sistema.

     Subsistemas fundamentais.

     Origem da vida na Terra.

     Rochas, solo e vida no meio terrestre. Subsistemas terrestres e manutenção da

    vida.

     Exploração de apresentações.

     Resolução de fichas de

    trabalho.

     Exploração do manual.

     Resolução de atividades do

    manual.

     Elaboração de mapas de

    conceitos.

     Elaboração de pesquisas.

     Elaboração de reflexões.

     E-portefólio.

     Resolução de atividades do

    Caderno do Aluno.

     Atividades laboratoriais.

     Aula de campo.

     Utilização de outros recursos

    digitais (websites, software,

    fotografia, etc.).

     Observação direta dos

    alunos: interesse

    demonstrado; qualidade da

    participação nas atividades;

    capacidade crítica e aporte

    de opiniões; criatividade;

    mobilização de saberes.

     Relatórios das atividades

    laboratoriais e aula de

    campo.

     Pesquisas e reflexões.

     Nível de execução de

    trabalhos de casa.

     E-Portefólio.

     Ficha formativa.

     Ficha sumativa.

    18

    Ações interdisciplinares

  • Domínio: Terra – um planeta com vida (Continuação)

    Subdomínio: Sistema Terra ̶ Da célula à biodiversidade

    Objetivos/descritores Conteúdos Estratégias Avaliação Aulas

    Compreender a célula como unidade básica da biodiversidade existente na Terra.

     Reconhecer a célula como unidade básica dos seres vivos.

     Distinguir células procarióticas de células eucarióticas, com base em imagens fornecidas.

     Identificar organismos unicelulares e organismos pluricelulares, com base em observações microscópicas.

     Enunciar as principais características das células animais e das células vegetais, com base em observações microscópicas.

     Descrever os níveis de organização biológica dos seres vivos.

    Compreender os níveis de organização biológica dos ecossistemas.

     Apresentar uma definição de ecossistema.

     Descrever os níveis de organização biológica dos ecossistemas.

     Usar os conceitos de estrutura, de funcionamento e de equilíbrio dos ecossistemas numa atividade prática de campo, próxima do local onde a escola se localiza.

    A célula como unidade básica da biodiversidade.

     Diversidade da vida.

     Célula ̶ a base da vida.

     Organização biológica dos seres vivos.

     Exploração de

    apresentações.

     Resolução de fichas de

    trabalho.

     Exploração do manual.

     Resolução de atividades

    do manual.

     Elaboração de mapas de

    conceitos.

     Elaboração de pesquisas.

     Elaboração de reflexões.

     E-portefólio.

     Resolução de atividades

    do Caderno do Aluno.

     Atividades laboratoriais.

     Aula de campo.

     Utilização de outros

    recursos digitais (websites,

    software, fotografia, etc.).

     Observação direta dos

    alunos: interesse

    demonstrado; qualidade

    da participação nas

    atividades; capacidade

    crítica e aporte de

    opiniões; criatividade;

    mobilização de saberes.

     Relatórios das atividades

    laboratoriais e aula de

    campo.

     Pesquisas e reflexões.

     Nível de execução de

    trabalhos de casa.

     E-Portefólio.

     Ficha formativa.

     Ficha sumativa.

    Ações interdisciplinares

    Ciências físico-químicas: indicar que a matéria é constituída por corpúsculos submicroscópicos (átomos, moléculas e iões) com base na análise de imagens fornecidas, obtidas experimentalmente.

  • Domínio:Sustentabilidade na Terra

    Subdomínio: Ecossistemas

    Objetivos/descritores Conteúdos Estratégias Avaliação Aulas

    Analisar as dinâmicas de interação existentes entre os seres vivos e o ambiente.

     Descrever a influência de cinco fatores abióticos (luz, água, solo, temperatura, vento) nos ecossistemas.

     Apresentar exemplos de adaptações dos seres vivos aos fatores abióticos estudados.

     Testar variáveis que permitam estudar, em laboratório, a influência dos fatores abióticos nos ecossistemas.

     Concluir acerca do modo como as diferentes variáveis do meio influenciam os ecossistemas.

     Relacionar as alterações do meio com a evolução ou extinção de espécies.

     Prever a influência dos fatores abióticos na dinâmica dos ecossistemas da região onde a escola se localiza.

    Organização biológica dos ecossistemas.

     O ecossistema.

     Organização dos ecossistemas.

     Estrutura, funcionamento e equilíbrio

    dos ecossistemas.

    Dinâmicas de interação entre seres vivos e

    ambiente.

     Fatores abióticos: as relações com o

    meio.

     Influência da temperatura nos

    ecossistemas.

     Influência da água nos ecossistemas.

     Influência da luz nos ecossistemas.

     Influência do solo nos ecossistemas.

     Influência do vento nos ecossistemas.

     Alterações no meio e evolução das

    espécies.

     Os fatores abióticos e os ecossistemas

    em Portugal.

     Exploração de apresentações.

     Resolução de fichas de

    trabalho.

     Exploração do manual.

     Resolução de atividades do

    manual.

     Elaboração de mapas de

    conceitos.

     Elaboração de pesquisas.

     Elaboração de reflexões.

     E-portefólio.

     Resolução de atividades do

    Caderno do Aluno.

     Atividades laboratoriais.

     Aula de campo.

     Utilização de outros recursos

    digitais (websites, software,

    fotografia, etc.).

     Observação direta dos

    alunos: interesse

    demonstrado; qualidade da

    participação nas atividades;

    capacidade crítica e aporte

    de opiniões; criatividade;

    mobilização de saberes.

     Relatórios das atividades

    laboratoriais e aula de

    campo.

     Pesquisas e reflexões.

     Nível de execução de

    trabalhos de casa.

     E-Portefólio.

     Ficha formativa.

     Ficha sumativa.

    8

    Ações interdisciplinares

    Ciências físicas e químicas:

    . Compreender que as reações químicas ocorrem a velocidades diferentes, que é possível modificar e c