tipo 2 - psicólogo

Download Tipo 2 - Psicólogo

Post on 07-Jan-2017

221 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • MINISTRIO PBLICO DO ESTADO DE ALAGOAS

    ProvaProva Objetiva de Conhecimento Especfico

    CADERNO DE QUESTES

    1. Este Caderno de Questes2. Assine neste Caderno de Questes e

    CNH etc.).

    3. Antes de iniciaretiqueta da banca

    4. Ao ser autorizado o incio da prova, verifique se a numerao dacorretas. Verifique tambm, se contm

    cada, caso contrrio comunique imediatamente ao Fiscal.

    5. Voc dispe de tranquilidade, mas

    questes objetivas. Voc somente poder sair em definitivo do Local de Prova aps decorridas

    (trs horas) do seu incio.

    6. Na Folha de Respostaescolhido.

    7. Em hiptese alguma lhe ser concedida outra Folha de Respostas.8. Preencha a Folha de Respostas

    Respostas, pre

    modelo:

    9. Ser atribudo o valor ZERO questo que contenha na Folha de Respostas de questes objetivas: dupla marcao, marcao rasurada ou emendada, no preenchida totalment

    sido transcrita.

    10. A correo da prova objetiva ser efetuada de forma eletrnica e considerandocontedo da Folha de Respostas

    11. Caso a Comisso julgue uma questo como sendo nula, os pontos sero atribudos todos os candidatos.

    12. No ser permitida qualquer espcie de consulta.13. Ao terminar a prova,

    de Respostas e

    14. Nas salas que apresentarem apenas 1 (um) fiscal de sala, os 03 (podero ausentar

    N. do doc. de identificao

    Alagoas, 22 de janeiro de 2012.

    PROVA TIPO

    2

    MPE-A

    L/2

    012

    CARGO (superior

    MINISTRIO PBLICO DO ESTADO DE ALAGOASPROCURADORIA-GERAL DE JUSTI

    CONCURSO PBLICO ESTADUAL

    Prova Objetiva de Conhecimento Bsico eProva Objetiva de Conhecimento Especfico

    CADERNO DE QUESTES

    Caderno de Questes somente dever ser aberto quando for autorizado pelo Fiscal.

    neste Caderno de Questes e coloque o nmero do seu documento de identificao (RG,

    Antes de iniciar a prova, confira se o tipo da prova do Caderno de Questes

    etiqueta da banca e da Folha de Respostas.

    Ao ser autorizado o incio da prova, verifique se a numerao das questes e a paginao esto

    corretas. Verifique tambm, se contm 100 (cem) questes objetivas com 5 (cinco) alternativas

    cada, caso contrrio comunique imediatamente ao Fiscal.

    Voc dispe de 4h30min (quatro horas e trinta minutos) para fazer esta prov

    tranquilidade, mas controle seu tempo. Esse tempo inclui a marcao da

    questes objetivas. Voc somente poder sair em definitivo do Local de Prova aps decorridas

    (trs horas) do seu incio.

    Folha de Respostas, confira seu nome, nmero do seu documento de identificao

    Em hiptese alguma lhe ser concedida outra Folha de Respostas.

    Folha de Respostas utilizando caneta esferogrfica de tinta azul ou preta. Na Folha de

    , preencha completamente o crculo correspondente alternativa escolhida, conforme

    Ser atribudo o valor ZERO questo que contenha na Folha de Respostas de questes objetivas:

    dupla marcao, marcao rasurada ou emendada, no preenchida totalment

    sido transcrita.

    A correo da prova objetiva ser efetuada de forma eletrnica e considerando

    Folha de Respostas.

    Caso a Comisso julgue uma questo como sendo nula, os pontos sero atribudos todos os

    No ser permitida qualquer espcie de consulta.

    Ao terminar a prova, devolva ao Fiscal de Sala este Caderno de Questes

    e assine a Lista de Presena.

    Nas salas que apresentarem apenas 1 (um) fiscal de sala, os 03 (trs) ltimos candidatos somente

    podero ausentar-se do recinto juntos, aps a assinatura da Ata de Encerramento de provas.

    INSTRUES GERAIS

    de identificao (RG, CNH etc.): Assinatura do(a) candidato(a):

    superior):

    Psiclogo

    MINISTRIO PBLICO DO ESTADO DE ALAGOAS GERAL DE JUSTIA

    ESTADUAL

    Objetiva de Conhecimento Bsico e Prova Objetiva de Conhecimento Especfico

    somente dever ser aberto quando for autorizado pelo Fiscal.

    o nmero do seu documento de identificao (RG,

    Caderno de Questes o mesmo da

    s questes e a paginao esto

    questes objetivas com 5 (cinco) alternativas

    (quatro horas e trinta minutos) para fazer esta prova. Faa-a com

    inclui a marcao da Folha de Respostas das

    questes objetivas. Voc somente poder sair em definitivo do Local de Prova aps decorridas 3h

    documento de identificao e cargo

    utilizando caneta esferogrfica de tinta azul ou preta. Na Folha de

    encha completamente o crculo correspondente alternativa escolhida, conforme

    Ser atribudo o valor ZERO questo que contenha na Folha de Respostas de questes objetivas:

    dupla marcao, marcao rasurada ou emendada, no preenchida totalmente ou que no tenha

    A correo da prova objetiva ser efetuada de forma eletrnica e considerando-se apenas o

    Caso a Comisso julgue uma questo como sendo nula, os pontos sero atribudos todos os

    Caderno de Questes, juntamente com a Folha

    trs) ltimos candidatos somente

    se do recinto juntos, aps a assinatura da Ata de Encerramento de provas.

    Boa Prova!

    Voc confia no resultado!

  • Concurso MPE-AL 2012

    Psiclogo

    CONHECIMENTO BSICO

    Portugus

    As questes de 1 a 6 referem-se ao texto abaixo.

    As perspectivas mais sombrias sobre a sustentabilidade do planeta no levam em conta a extraordinria capacidade de recuperao da natureza e a do prprio ser humano para superar as adversidades. A Terra j passou por cinco grandes extines em massa, e a vida sempre voltou com ainda mais fora. Disse revista VEJA a gegrafa Susana Hecht, professora de planejamento urbano da Universidade da Califrnia e especialista em desenvolvimento sustentvel:Terra so limitados, temos de tomar cuidado para no acabar com eles, ainda mais porque no existe perspectiva de quando poderemos colonizar outro astro. S que a natureza tem um enorme poder de se reabilitar e a humanidade dispe de tempo para usar a tecnologia em favor de um desenvolvimento sustentvel.

    Enquanto se procuram solues para o equilbrio entre o crescimento populacional e preservao dos recursos, a natureza manda suas mensagens de socorro. A espaonave Terra uma generosa arca de No, mas ela tem limites

    (Revista VEJA, n. 44, 2 de novembro/2011, p. 132).

    1. A opinio de Susana Hecht, transcrita no texto, admite essencialmente

    A) a existncia do equilbrio a partir dos pressupostos holsticos inerentes prpria forma de recuperao da natureza.

    B) que o uso de tecnologia j efetivo na consecuo de um planeta sustentvel.

    C) que os recursos naturais podem ser extinguveisestratgias de recomposio que apontam para a sustentabilidade.

    D) a exequibilidade do projeto de colonizao de outro astropela humanidade.

    E) que a humanidade dever extinguir os recursos naturais do planeta.

    2. O ltimo pargrafo traz como informao correta a seguinte assertiva:

    A) no trecho Enquanto se procuram solues possvel singularizar o verbo sem causar-lhe dano semsubverses norma culta da lngua.

    B) os elementos metafricos espaonave e arca de No so constituintes expressivos que se complementam para a formao imagtica da Terra na sua condio de astro que vaga e acolhe.

    C) a ideia de equilbrio, conforme consta no pargrafo, no se remete dicotomia crescimento demogrfico e preservao dos recursos.

    D) por uma perspectiva semntica, a ltima orao do pargrafo retoma o sentido da anterior para provocarcarter de finalidade.

    E) a orao A natureza manda suas mensagens de socorro est deslocada no perodo, visto que no mantm uma relao de afinidade com a anterior.

    Prova tipo 2

    BSICO

    se ao texto abaixo.

    As perspectivas mais sombrias sobre a sustentabilidade do planeta no levam em conta a extraordinria capacidade de

    e a do prprio ser humano para . A Terra j passou por cinco grandes a vida sempre voltou com ainda mais

    fora. Disse revista VEJA a gegrafa Susana Hecht, professora de planejamento urbano da Universidade da Califrnia e especialista em desenvolvimento sustentvel: Os recursos da

    ado para no acabar com eles, ainda mais porque no existe perspectiva de quando poderemos colonizar outro astro. S que a natureza tem um enorme poder de se reabilitar e a humanidade dispe de tempo para usar a tecnologia em favor de um desenvolvimento

    Enquanto se procuram solues para o equilbrio entre o e preservao dos recursos, a

    natureza manda suas mensagens de socorro. A espaonave Terra uma generosa arca de No, mas ela tem limites.

    de novembro/2011, p. 132).

    A opinio de Susana Hecht, transcrita no texto, admite

    a existncia do equilbrio a partir dos pressupostos holsticos inerentes prpria forma de recuperao da natureza.

    o uso de tecnologia j efetivo na consecuo de um

    que os recursos naturais podem ser extinguveis; porm, h estratgias de recomposio que apontam para a

    a exequibilidade do projeto de colonizao de outro astro

    que a humanidade dever extinguir os recursos naturais do

    O ltimo pargrafo traz como informao correta a seguinte

    o trecho Enquanto se procuram solues possvel lhe dano semntico nem

    s elementos metafricos espaonave e arca de No so constituintes expressivos que se complementam para a formao imagtica da Terra na sua condio de astro que

    forme consta no pargrafo, no se remete dicotomia crescimento demogrfico e preservao

    or uma perspectiva semntica, a ltima orao do pargrafo retoma o sentido da anterior para provocar-lhe o

    a manda suas mensagens de socorro est deslocada no perodo, visto que no mantm uma

    3. Se a limitao dos recursos da Terra est relacionada ideia de uma possvel escassez, ento, que

    A) os recursos so finitos.

    B) os recursos so parcos.

    C) os recursos so exguos.

    D) os recursos so