jovens gestores

Download Jovens Gestores

Post on 19-Jan-2017

30 views

Category:

Business

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • #17O DESAFIO DO JOVEM GESTOR NO BRASIL

  • NDICE

    1.

    2.

    3.

    4.

    5.

    6.

    7.

    Apresentao

    Quem o jovem gestor

    Os desafios do jovem gestor

    Conflito de geraes

    Trabalho por uma causa

    Iniciativas

    Sobre a FNQ

    Empresas Juniores

    A misso de fazer o projeto acontecer

    Empreendedorismo

  • Apresentao

    A publicao "Os desafios do jovem gestor no Brasil" faz parte da srie de e-books, desenvolvida pela Fundao Nacional da Qualidade (FNQ), com o objetivo de auxiliar aqueles que buscam ampliar e atualizar seus conhecimentos na rea de gesto organizacional, seja por meio da leitura de materiais ou de capacitao.

    Destaque entre os assuntos de interesse do pblico e da Fundao, o tema dessa publicao foi decidido de forma colaborativa com nossos leitores, por meio de uma enquete realizada no portal.

    Esse e-book apresenta indicadores sobre a atuao do jovem frente da gesto das organizaes brasileiras. Para que o leitor possa compreender os principais diferenciais e os desafios encontrados no mercado, a publicao apresenta iniciativas que contribuem para o desenvolvimento de uma gesto integrada entre vrias geraes.

    Esperamos que voc tenha uma boa leitura e sinta-se estimulado a continuar o seu processo de capacitao, por meio de nossos cursos, eventos e grupos de discusso. Para isso, acesse o portal: www.fnq.org.br.

    Esta publicao contou com a participao da diretora de Desenvolvimento da Rede da Confederao Brasileira de Empresas Juniores (Brasil Jnior), Julietty Quinupe, da Confederao Nacional dos Jovens Empresrios (Conaje), da coordenadora do Ncleo de Estudos e Conhecimento da FNQ (NEC), Giovana Salmazo Ribeiro, da colaboradora da rea de Relacionamentos com Clientes e Parceiros da FNQ, Natlia Costa e da equipe de comunicao da Fundao.

    3

  • Quem o jovem gestorbrasileiro?Uma pesquisa realizada pela Confederao Nacional dos Jovens Empresrios (Conaje), em 2016, revela que 71% dos jovens empreendedores brasileiros so do sexo masculino, possuem entre 26 e 30 anos e tm curso superior completo.

    Mais centrados e dispostos a encontrar o equilbrio entre as atividades profissionais e a vida pessoal, os jovens investem em seus sonhos e buscam resultados rpidos. No entanto, eles ainda encontram algumas barreiras no mercado tradicional. Por isso, no so raros os casos daqueles que investem em um negcio prprio visando ao empreendedorismo.

    Dispostos a superar estigmas da sociedade, os jovens comeam a desenvolver, na maioria das vezes, projetos de relevncia econmica e social durante a graduao. De acordo com a diretora de desenvolvimento da Brasil Jnior, Julietty Quinupe, eles tm a oportunidade de colocar em prtica a teoria aprendida em sala de aula com as aes que realizam. Precisamos formar empreendedores comprometidos e capazes de transformar o nosso Pas, comenta.

    Ela ainda explica que os egressos das universidades precisam ser empreendedores em suas reas de atuao. Queremos que eles provoquem microrrevolues

    4

    71%DOS JOVENSEMPREENDEDORES so do sexo masculino

    tem entre 26 e 30 anos

    concluram o Ensino Superior

    Fonte: Conaje (2016)

  • Quem o jovem gestorbrasileiro?no ambiente em que esto inseridos, no fiquem alienados e, muito menos, acomodados com a realidade que encontraro no mercado, refora Julietty.

    Empresas juniores

    Diante de tantos desafios, as empresas juniores - associaes civis e educacionais sem fins lucrativos estimulam, durante a graduao, o desenvolvimento dos estudantes em suas reas de atuao e interesse.

    A ideia surgiu na Frana, em 1967, quando os alunos da Lcole Suprieure des Sciences Economiques et Commerciales (ESSEC) procuravam uma maneira de aplicar, na prtica, os conhecimentos vistos na universidade e entrar em contato com o mercado de trabalho ainda na graduao. Assim, nasceu o Movimento Empresa Jnior (MEJ), que chegou ao Brasil em 1987 e, desde ento, conta com uma participao mdia de dez mil jovens brasileiros por ano.

    Com o objetivo de catalisar esse tipo de iniciativa no Pas, surgiu a Brasil Jnior, que promove atividades em rede entre as empresas juniores para estimular o seu desenvolvimento e o retorno de resultados para a sociedade.

    A formao empreendedora desses jovens gestores gera impacto social, econmico e acadmico de forma cclica, sendo hoje um dos principais movimentos de empreendedorismo universitrio do Brasil.

    5

  • Os desafios do jovem gestor

    Cheios de fora de vontade, proatividade, comprometimento e engajamento, os jovens tm o desafio de sair das zonas de conforto para impactar e gerar valor no s para o mercado comandado por executivos renomados, mas, principalmente, para a sociedade.

    Para isso, preciso superar as adversidades e transformar a teoria vista em sala de aula em projetos reais, que formem lderes e gerem resultados para a organizao e o seu entorno. Com a misso de chamar a ateno de empreendedores por meio de ideias inovadoras, os jovens passaram a agir para resolver os seus problemas. Hoje, o jovem no quer apenas sair da universidade e ter um emprego que d estabilidade. Ele quer empreender e ter, de fato, resultados que ajudaro a sociedade de alguma forma, comenta Julietty.

    A misso de fazer o projeto acontecer

    Alguns investimentos, no entanto, so imprescindveis para que os novos projetos aconteam e sejam desenvolvidos no mercado. Diante da falta de incentivo para atividades empreendedoras de jovens no ensino formal, da alta carga tributria e da ausncia de linhas de crdito especficas para a abertura do primeiro negcio, fundamental investir no desenvolvimento de um modelo de gesto voltado para a excelncia.

    De acordo com a pesquisa da Conaje, grande parte dos jovens que j empreende no se sente 100% preparado para a gesto, apesar do alto nvel de escolaridade. Dentre os pontos de dificuldades apontados no estudo, destacam-se:

    6

    30% possuem dificuldades de gesto financeira

    25% possuem dificuldadesno planejamento

    12% possuem dificuldadesno marketing

    30% possuem dificuldades de gesto de pessoas

    5% possuem outrasdificuldades

    Fonte: Conaje (2016)

  • Os desafios do jovem gestor

    Apesar da complexidade e das dificuldades encontradas, 12,34% das empresas juniores brasileiras j adotam algum modelo de gesto, de acordo com os dados do Relatrio 2015 de Censo & Identidade da Brasil Jnior. Dessas, 65% utilizam o Modelo de Excelncia da Gesto (MEG), da FNQ, para estruturar o seu negcio.

    Empreendedorismo jovem

    Mesmo com o potencial de revolucionar o mercado, os jovens ainda precisam de estmulos para aliar a vontade de investir a um trabalho autntico e de relevncia social e econmica. No Brasil, no existe cultura empreendedora de base, afirma Fernando Milagre, presidente da Conaje.

    Ainda faltam aparatos tericos, programas de capacitao e acompanhamento com consultorias para que os novos negcios saiam do papel. De acordo com a pesquisa da Conaje, hoje, 86% dos jovens brasileiros no esto preparados para empreender. Apesar disso, 57% deles participam de entidades representativas de jovens empreendedores para aprimorar a gesto de sua empresa.

    7

    destes:

    12,45% UTILIZAM ALGUM MODELO

    65% UTILIZAM O MEG

    11% UTILIZAM A ISO

    24% UTILIZAM OUTROS MODELOS

    Fonte: Censo & Identidade da Brasil Jnior - 2015

  • Os desafios do jovem gestor

    Buscando iniciativas que promovam o seu desenvolvimento pessoal e profissional, os jovens empresrios passam a gerar empregos e renda para o Pas. Eles transformam a vida de muitas famlias que no teriam empregos suficientes na iniciativa pblica, lembra Milagre. Sua liderana frente de seus negcios, por si s, gera reflexos sociais muito positivos, complementa.

    frente de muitas micro e pequenas empresas, a juventude tem explorado suas caractersticas de inovao dentro do negcio e tem levado crescimento s organizaes. Sobretudo em um momento de crise, a criatividade para manter o negcio sustentvel e competitivo muito importante e o jovem tem demonstrado isso, finaliza Milagre.

    8

  • Conflito de geraes

    As empresas tm estruturado a transio entre as geraes de forma cada vez mais profissional e planejada, com o objetivo de melhorar seus resultados e seu clima organizacional. Nesse cenrio, os gestores perceberam que a produtividade e a qualidade das atividades desenvolvidas so muito maiores quando vrias geraes trabalham juntas e respeitam-se no ambiente corporativo.

    Em tempos em que a concorrncia se multiplica no mercado, o jovem surge com inovao e dinamismo para as organizaes. Hoje, eles so muito mais inquietos e prontos para assumir responsabilidades, querem fazer diferena e mudar o ambiente em que esto inseridos, afirma Julietty.

    O tradicionalismo e a experincia obtida com o tempo tambm so muito importantes para se manter a cultura de uma empresa. Por isso, essencial que haja uma integrao entre todas as reas da organizao. As geraes anteriores tm, em suas mos, a histria da empresa, de cada processo, do fornecedor e do cliente. Se o jovem conseguir unir suas habilidades e novos conhecimentos cultura organizacional j existente, a empresa s tem a ganhar, reitera Milagre.

    9

  • Trabalho por uma causa

    Os jovens trabalham por um Pas mais empreendedor e precisam que as organizaes se movimentem, sejam mais competitivas e cresam a cada ano, lembra Julietty. Cada vez mais, os novos profissionais tm se dedicado a causas e no, s instituies. Para eles, fundamental equilibrar as relaes pessoais, profissionais e sociais. preciso fazer a diferena e contribuir para a construo de uma nao melhor.

    Os profissionais j entendem que no adianta olhar apenas para a prpria empresa. O ambiente de negcios no Brasil t