examinai as escrituras - ezequiel a malaquias

Download Examinai as Escrituras - Ezequiel a Malaquias

Post on 15-Jun-2015

2.362 views

Category:

Spiritual

9 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. J. S i d l o w B a x t e r examinai as escrituras E z e q u e I a M a I a q u a s

2. examinai as escrituras Por meio de um estudo sistemtico e progressivo, o Dr. Baxter "examina" a Palavra de Deus numa srie de lies bsicas e amplamente interpretativas, abrangendo desde o livro de Ezequiel at Malaquias. Este livro no um comentrio versculo por versculo nem tambm uma srie de anlises e esboos. Antes, um completo panorama dos eventos, lugares e pessoas que formam o contedo desse grupo de livros. Pastores, seminaristas, professores e estudantes da Bblia em geral encontraro aqui uma riqueza de material para mensagens, lies e estudos particulares. Ningum poder terminar esta srie de lies e continuar a mesma pessoa. Todo estudante receber um benefcio vitalcio e ser infinitamente abenoado com estes estudos prticos e envolventes. J. Sidlow Baxter um australiano de Sydney, tendo crescido na Inglaterra. Ele no somente um pregador de habilidade espantosa; antes de tudo, um professor de capacidade comprovada por milhares de pessoas que j tiveram oportunidade de ouvi-lo. Recebeu o grau de Doutor em Teologia pelo Seminrio Batista Central, em Toronto, no Canad. ISBN 85-275-0198- 3. examinai as escrituras 4. examinai as escrituras 1 G n e s s a Jo s u 2 J u z e s a E s t e r 5 J a L a m e n t a e s 4 E z e q u e I a M a Ia q u a s 5 P E R o d o llNTERbbliCO E OS E v A N Q E l k o S 6 A t o s a A p o c A l i p s E 5. examinai as escrituras J. S i d l o w B a x t e r Tracuo dE NEyd SiQUEiRA 6. E de J. Sidlow Baxter Ttulo do original: Explore the Book Traduzido da edio em 1 volume de 1960, publicada pela Zon< "an Publishing House (Grand Rapids, Michigan, E ) Publkado no Brasil com a devida autorizao eiL'nm todos os direitos reservados por S o cied ad e Pr'JGiosA E dies V ida N ov a, Jaca Postal 21486, So Paulo, SP. 04698-970 Proibida a reproduo por quaisquer meios (mecnicos, eletrnicos, xerogrficos, fotogrficos, gravao, estocagem em banco de dados, etc.). Permitida a reproJu; o parcial somente em citaes breves em obras, crlicas ou resenhas, com indicao de fonte. Printed in Brazil / Impresso no Brasil Coordenao de produo R obinson M alk om es Reviso F abiani M ed eiro s Reviso de provas A las P a u la d e A lm eid a Diagramao R o g e r L. M alk o m es e J a n e te D. C e le stin o Capa M e lo d y P ie r a tt Dados internacionais de catalogao na publicao (CIP) (Cmara Brasileira do Livro, SP, Brasil) Baxter, J. Sidlow Examinai as Escrituras : Ezequiel a Malaquias, v. 4 / J. Sidlow Baxter ; traduo Neyd Siqueira. So Paulo : Vida Nova, 1995. Obra em 6 v. Bibliografia. ISBN 85-275-0199-6 (obra completa) ISBN 85 275-0198-8 (v. 4) 1. Bblia. A.T. - Introdues 2. Bblia. A.T. - Ezequiel - Comentrios 3. Bblia. A.T. - Malaquias - Comentrios I. Ttulo. cdd-224.407 94-4419 J |u g -4 2 4 .9 0 7 ndices para catlogo sistemtico 1. Comentrios : Profetas maiores : Livros profticos : Antigo Testamento 224.407 2. Comentrios : Profetas menores : Livros profticos : Antigo Testamento 224.907 c 7. CONTEDO PREFCIO DO AUTOR............................................................................7 PREFCIO EDIO EMPORTUGUS.............................................9 EZEQUIEL............................................................................................ 11 Lies 78 a 81 DANIEL ................................................................................................ 57 Lies 82 a 85 OSIAS. JOEL E AMS.................................................................... 99 Lies 86 a90 OBADIAS. JONAS E MIQUIAS ...................................................153 Lies yl a 96 NAUM, HABACUQUE E SOFONIAS.............................................223 Lies 97 a 99 AGEU, ZACARIAS E MALAQUIAS...............................................257 Lies 100 a 103 8. PREFCIO DO AUTOR QUASE todas as sees compreendidas neste curso bblico foram apresentadas em minhas palestras bblicas das noites de tera-feira na Capela Charlotte de Edimburgo, na Esccia, justificando assim sua forma em tom de conversa, em certas partes. No so ensaios escritos, mas foram palestras preparadas para serem proferidas em pblico, e julguei mais acertado deix-las em seu molde original, acreditando que h certas vantagens prticas nisso. Peo que sejam tolerantes neste aspecto, especialmente se os olhos exigentes de algum conhecedor ou diletante literrio passarem sobre elas em sua forma impressa agora estabelecida. Alm do mais, em vista de estes estudos terem sido preparados sem inteno de ser publicados mais tarde, tomei em vrias partes a liberdade permitida a um pregador, mas no a um escritor, apropriando-me dos escritos de outros. S espero que minha admi rao no me tenha levado a aproximar-me demais da ameaadora fronteira do plgio. Se isso aconteceu, sinto-me aliviado com a certeza de que s pode ter sido em relao a autores que no esto mais conos co. Minha gratidojamais ser excessiva para com os caro John Kitto, de tempos idos (e, para muitos, obsoleto), John Urquhart, A. T. Pier son, Sir Robert Anderson, G. Campbell Morgan e outros da mesma tradio evanglica. Todos eles foram mestres em seus dias e a seu prprio modo. A todos eles, e a essa incomparvel obra composta, o Pulpit Commentary [Comentrio de Plpito], devo minha gratido permanente e presto minha homenagem. Entretanto, no todo, este curso bblico basicamente resultado de meu estudo pessoal, e aceito de bom grado a responsabilidade por ele, crendo que d verdadeira honra Bblia como aPalavra de Deus inspirada, em cada uma de suas partes. Que Deus possa empreg-lo graciosamente em um ministrio til para muitos que vivem e trabalham na seara de seu amado Filho, nosso Senhor e Salvador. J. S. B. 9. PREFCIO EDIO EM PORTUGUS Esta a quartaparte de Examinai as Escrituras, uma coleo de seis volumes. Esta coleo surgiu em decorrncia do desejo do Pastor J. Sidlow Baxter de oferecer, com lies atraentes e prticas, um co nhecimento bblico bsico aos membros da Capela Charlotte, em Edimburgo, na Esccia. O autor teve a feliz idia de preparar os estu dos de modo completo para os membros daquela igreja, comeando com Gnesis e terminando em Apocalipse, sem escrever apenas mais um comentrio. O autor lana um alicerce agradvel e seguro para quem deseja apresentar-se como obreiro (ou membro da igreja) que no tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade (2 Tm 2.15). Neste volume, o Pastor Baxter discorre sobre temas palpitantes con tidos de Ezequiel a Malaquias. Ele apresenta uma abordagem bastante prtica e convidativa, sem ser maante. Baxter informa, mas no can sa, e escreve com muita compreenso do texto, interpretando-o com li es aplicveis vida. Os que procuram uma leitura edificante ou querem ensinar a Pala vra, tero mais auxlio do que poderiam esperar. Este volume no um comentrio que se prende a detalhes que no fazem nenhuma diferen a. Sempre sugestivo, Baxter tem uma facilidade extraordinria de descobrir e organizar a mensagem do texto. Ele prepara um prato espiritual que d gua na boca, pois um pastor, no um telogo ou professor de seminrio que se isola em umatorre de marfim. Em lies muito assimilveis, ele fornece informaes bem esclarecedoras que les que tm pouco mais de uma vaga lembrana do contedo destes livros profticos daBblia. Temos convico de que a popularidade gozada por esta obra em ingls ser a mesma que se verificar na suaedio em portugus. RUSSELLP. SHEDD, Ph.D. 10. EZEQUIEL (1) LioW 78 11. NOTA: Para este estudo, leia todo o livro de Ezequiel uma vez, mas sem tentar l-lo apressadamente numa sentada. Leia os captulos agru pados como segue: Primeiramente, os captulos de 1 a 3, refletindo sobre a viso inicial e o chamado do profeta. Em segundo lugar, os captulos de 4 a 24, observando que todos se referem a Jerusalm. Em terceiro, os captulos de 25 a 39, observando que se referem principalmente ao futuro e ao destino dos vrios povos gentios. Em quarto, os captulos de 40 a 48, que so bastante separados e ocupam-se inteiramente daviso do ltimo templo e da cidade. A suma dela (da soberania de Deus) repousa nesta proposio, a sa ber, que o grande Deus, bendito para sempre, tem poder e direito absoluto de domnio sobre suas criaturas, a fm de aniquil-las como lhe aprouver. ELISHACOLES, APracticalDiscourse ofGods Sovereignty. 12. EZEQUIEL (1) EM NOSSA srie de estudos, chamamos a ateno para o fato de que doze dos livros profticos so pr-exlicos e cinco, ps-exlicos. Os cinco ps-exlicos so: Ezequiel, Daniel, Ageu, Zacarias e Malaquias. Todos os outros pertencem ao perodo que precede a queda de Jeru salm e o exlio dos judeus na Babilnia, exceto, naturalmente, Jere mias, o ltimo dos profetas pr-exlicos que na verdade viveu parates temunhar esse trgico evento, e escreveu suas Lamentaes como um triste registro do acontecimento. O profeta Ezequiel d-nos um novo ponto de partida. Seu livro, como o de Daniel, que o segue, foi escrito no perodo aps haver ini ciado o exlio dos judeus na Babilnia. Tanto Ezequiel como Daniel, porm, foram levados cativos para a Babilnia alguns anos antes do cerco final e saque de Jerusalm em 587 a.C. pois houve duas pequenas deportaes anteriores de judeus cativos para a Babilnia, como vemos em 2 Reis 24.8-16, Jeremias 24.1 e Daniel 1.1-4. Esses foram os primeiros frutos daquela ceifa do cativeiro, que no final os babilnios colheram at o ltimo gro. A pessoa de Ezequiel Ezequiel, como Jeremias, era sacerdote e profeta (1.3). Foi um dos dez mil cativos levados para a Babilnia porNabucodonosor na poca em que Zedequias, o ltimo rei de Jud, comeou o triste reinado de 11 anos em Jerusalm. Essa deportao est registrada em 2 Reis 24.11-18. Considerando-se que tenha coincidido com a ascenso de Zedequias, deve ter ocorrido 11 anos antes da queda definitiva de Jeru salm, pois a derrocada aconteceu no dcimo primeiro ano do reinado de Zedequias. Sabemos que Ezequiel deve ter estado entre os dez mil, porque ele mesmo nos conta, em 40.1, que cato