folha regional de cianorte - edição 548

Download Folha Regional de Cianorte - Edição 548

Post on 30-Mar-2016

269 views

Category:

Documents

18 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Edição 548 da Folha Regional de Cianorte com circulação no dia 08 de abril de 2012

TRANSCRIPT

  • Domingo, 08 de Abril de 2012 - Ano 12 - Edio 548 - R$ 2,00Fone: (44) 3018-2876 - Site: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com

    -*--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Veja matria Completa nas Pgs. 08 e 09

    -------------------------------------------------------------------------------------------------------------Veja matria Completa na Pg. 04 e 05 do Caderno 02

    EDno, JonAS, LAguiLo, gLEiSi E ZEcA EntREgAm 484 cASAS popuLARES

    mdicos cooperados da unimed de cianorterecebem ttulo de Cooperado Ouro

  • Domingo, 08 de Abril de 2012 - Fone: (44) 3018-2876 - Web-Site: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com - Endereo: Av. gois, 871

    A grandeza est no nosso DNAIndstria Metal Mecnica

    www.montinorte.com.br+55 (44) 3631 5015

    MONTINORTEA MELHOR SOLUO EM MUNCKS E GUINDASTES DE CIANORTE

    Fale com a Montinorte

    youtube.com/montinorte1 |44| 3631.5015 contato@montinorte.com.br @montinorte montinorte.wordpress.com www.montinorte.com.br

    @montinorte contato@montinorte.com.br |44| 3631.5015

    montinorte.wordpress.com www.montinorte.com.br

    youtube.com/montinorte1 youtube.com/montinorte1 youtube.com/montinorte1 |44| 3631.5015 contato@montinorte.com.br @montinorte montinorte.wordpress.com www.montinorte.com.br

    @montinorte contato@montinorte.com.br |44| 3631.5015

    montinorte.wordpress.com www.montinorte.com.br

    youtube.com/montinorte1

    @mahceloo

    Conra nossa lista de Guindastes e Muncks Disponveis para locao!Guindaste Modelo PHCapacidade Mx: 90.000 KgGiro: 360Altura de Alcance: 75 Metros

    Guindaste XCMGCapacidade Mx: 30.000 KgGiro: 360Lana Principal: 39,60 MetrosLana Total com Gib: 51,50 Metros

    Guindaste RK 20Capacidade Mx: 20.000 KgGiro: 360.Lana Principal: 20 MetrosLana Total com Gib: 28 Metros

    Guindaste BucyrusCapacidade Mx: 20.000 KgGiro: 360Lana Principal: 20 MetrosLana Total com Gib: 26 Metros

    Munck Usicamp 18.000Capacidade Mx: 9.000 KgGiro: 360Lana Total: 15 Metros

    Munck Usicamp 18.000Capacidade Mx: 9.000 KgGiro: 360Lana Total: 15 Metros

    Munck Usicamp 25.000Capacidade Mx: 12.500 KgGiro: 360Lana Total: 16 Metros

    Munck Rodomaq 35.000Capacidade Mx: 17.500 KgGiro: 360Lana Total: 17,50 Metros

    Munck Rodomaq 25.000Capacidade Mx: 12.500 KgGiro: 360Lana Total: 16 Metros

    Munck Rodomaq 35.000Capacidade Mx: 17.500 KgGiro: 360Lana Total: 17,50 Metros

    Munck Rodomaq 35.000Capacidade Mx: 17.500 KgGiro: 360Lana Total: 17,50 Metros

    Munck Rodomaq 35.000Capacidade Mx: 17.500 KgGiro: 360Lana Total: 17,50 Metros

  • Domingo, 08 de Abril de 2012 - Fone: (44) 3018-2876 - Web-Site: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com - Endereo: Av. gois, 871

    Foi o tpico jogo de um time s. O Cianorte FC dominou toda a partida, mas no conseguiu marcar e em-patou em 0 a 0 com o Paranava na tarde de hoje. O jogo realizado No estdio Albino Turbay foi vlido pela stima rodada do segundo turno do Paranaense 2012.

    O Paranava se defendeu tanto que passou quase o primeiro tempo todo no campo de defesa, inclusive com o atacante Edenlson recuado no campo de defesa. Por isso o go-leiro cianortense Fabricio fez uma nica defesa na primeira etapa.

    J no segundo tempo o tcnico Paulo Turra colocou o Leo do Vale jogando a maior parte do perodo com quatro atacantes Henrique, Netinho, Pablo e Vinicus que per-deram diversas oportunidades de

    gol. Faltou pouco para o time cia-nortense marcar, enquanto o Para-nava dava chutes e torcia para o jogo acabar.

    poLmicA - O jogo terminou com um lance polmico: a bola sobrou na rea para Jackson e quando ia finalizar livre, a arbitragem marcou impedimento. Jogadores e comisso cianortense reclamaram bastante porque a zaga do Paranava daria condies para o lance seguir.

    cLASSiFicAo - Com o empate o Cianorte soma 32 pontos na classi-ficao geral, empatado com o Ara-pongas, que fica frente no critrio de desempate com maior nmero de vitrias. O prximo jogo do Leo do Vale neste domingo contra o lder Coritiba, em Curitiba, a partir das 19hs30min.

    Leo do Vale domina, mas empata com paranava

    Luiz, Claudemir e filhos Ciatec sempre ao lado do Leo do Vale

    Pepeu, Fabricio, Quebradinho, Vani e torcedores Ed Wilson, Silvio Rogerio, Dr. Reginaldo Godoy (Pales-trante), Valtinho, Belo e Renilson

    Dr. Zanzarini e ChoquinhoMarcos e Jos Filho (Ciapel)

    Laguilo e Ademar Gimenes

  • Domingo, 08 de Abril de 2012 - Fone: (44) 3018-2876 - Web-Site: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com - Endereo: Av. gois, 871

    LEIA MAIS em www.paodejuda.com.br www.ministeriomenorah.com.br

    ESTUDOS BBLICOS DIRIOS S 08 E AS 13:30 HORAS EM http://www.paodejudacachoeira.com.br/aovivo.html

    o quE cRiSto pRA mim

    minhA SEmAnA

    A impoRtnciA Do SEu SoRRiSo DEputADo RomRio

    pScoA, REDEno, AtituDE E outRAS coiSAS

    Colaborao: Dr. Wagner DestfanoCirurgio Dentista - CRO 10637

    Izaura Aparecida Tomaroli VarellaAdvogada e Professora - e-mail: iatvarella@uol.com.br

    ViA SAcRA Do ARiStEo pioVESAn

    Quer ver seu texto publicado no Espao Literrio? simples! Basta envi-lo no email: folhadecianorte@gmail.com Ou entreg-lo na Folha

    Regional de Cianorte, Av. Gois, 871 CEP 87200-270 Centro - Cianorte - PR

    O deputado federal Romrio (PSB-RJ) parece ter comprado uma briga com parte dos colegas. Em entrevista a Renata Betti, publicada nas pginas amarelas de VEJA (edio 2261 - 21 de maro de 2012), o ex-artilheiro criticou o funcionamento da Cmara. Para ele, a maioria dos deputados no esto dispostos a pegar no batente, e disse ...eles no querem saber de nada. A carapua serviu. Indignados, alguns parlamentares protesta-ram na Tribuna, inclusive se tem notcia de andamento de um movimento para que Romrio faa a retratao. Romrio, enquanto jogador de fute-bol sabia que na regra normal do jogo (90 minutos, prorrogao), existem jogadores, rbitro, bandeiras, reservas, tcnicos, enfim, uma comunidade presente no espetculo, portanto, jogava dentro de regras conhecidas e transparentes. Embora no futebol, existem picaretas e pilantragem, evi-dente que a crtica feita de forma genrica, para o Congresso, ainda que de forma franca, incomoda muita gente, muito mais, quando afirmou na entrevista ... De fora, todo mundo acha que l no alto est a nata da nata, mas isso balela. O que mais tem no andar de cima gente que no se coa para nada, quando no sai por a se metendo em pilantragem (Revis-ta Veja p. 18). Denota-se que nosso atleta, est indignado com o ambiente parlamentar. No obstante a exceo, existem parlamentares que efetiva-mente dedicam ao seu trabalho, esto preocupados com temas nacionais, portanto, talvez a crtica do Baixinho foi generalizada, ou seja, excesso de franqueza, podemos assim considerar. Todavia, o teor da entrevista, sobre o Congresso Nacional, deixa o eleitor preocupado, mais ainda o cidado, esperando que naquele local se debatam temas nacionais relevantes para o pas, para a populao. No entanto, o que se tem notcia, pela entrevista de Romrio, que no existem debates com raciocnio, capaz de trans-formar ideias em projetos efetivos, que possam melhorar a vida da popu-lao brasileira. Ainda, pode-se dizer e relevar a coragem tida pelo Depu-tado Romrio de dizer a verdade, que real, evidente. O debate atual no Congresso, gira em torno de Copa do Mundo, pois o momento prprio, onde em vrias obras, esto sendo injetados recursos pblicos (dinheiro do povo), estamos em 2012, em plenas eleies municipais, onde, alm do dinheiro, est em jogo o poder poltico. Deputado Romrio, esperamos que suas idias, pensamentos e denncias, no passem despercebidas pe-los demais parlamentares, no fiquem no esquecimento, que passem os parlamentares (que se sentiram ofendidos com a entrevista), no mnimo a se preocupar daqui em diante, em discutir e debater os direitos sociais garantidos pela Constituio, alm de outros temas relevantes para a so-ciedade. Tambm, que, questes sociais e temas relevantes, arguidos e prometidos em discursos eleitorais, sejam aviventados, no por fora de manifestao popular, clamor pblico, movimento liderado por entidades de classe e da sociedade civil organizada e sim pela prpria iniciativa par-lamentar, dando prova e a razo de ser representante do povo.

    Altimar Pasin de Godoy. Advogado. Mestre em Direito.

    Hoje domingoDia de conversar comer pipoca

    Ver o filme: O saci fumando o cachimboCom minha amiga Maricota.

    Amanh segundaDia de ir para a escola

    Na aula da professora RaimundaNingum pode jogar bola.

    Depois de amanh tera um dia importanteVou revirar a cabea

    Na incrvel roda gigante.

    Depois vem a quartaUm dos dias mais legais

    Na aula da professora MartaFaremos pesquisas nos jornais.

    Quando chega quintaIrei brincar, irei pintar

    Depois de usar as tintasCom as cores, vou sonhar...

    Nossa como demorou!Mas enfim, a sexta-feira chegou

    dia de dormir tardeNo sbado terei tranqilidade

    O sbado um dia especialVou me divertir, que alegria

    Tive uma idia genialBrincar com palavras, fazer poesia.

    Brenda Massulo Biagi

    Carregamos muitas expectativas em nosso corao, achando que a ao de Deus se restringe a concretiz-las. Mas pensar desta forma diminuir Deus e querer us-Lo somente para benefcio prprio. Para outras pessoas, Deus um banco que sempre tem dinheiro no caixa. Essa outra viso distorcida.

    Por causa disso, Jesus indagou aos discpulos quem eles diziam que Ele era. Em Mt 16:13-17 diz: Chegando Jesus ao territrio de Cesaria de Filipe, pergunt