modernismo america latina

Download Modernismo america latina

Post on 12-Apr-2017

13 views

Category:

Education

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Modernismo na Amrica Latina

Modernismo na Amrica Latina PAS III

Caractersticas gerais Negao do arte bastante europia de anos anterioresValorizao da cultura local Influncias de movimentos europeus Rompimento com academias Divulgao de idias, propostas e manifestos em revistas de arte como a Klaxon, Antropofgica, etc.Impacto das revolues mexicana e russa

Jos Clemente Orozco Mexicano (1883-1949)Cursou agronomia e arquitetura por presso da famliaEstudou artes e seguiu trabalhando com ilustraes, caricaturas e pinturasMuralista Pintura idealista e para o povo Usava como referncia os trabalhos maias e astecas Trabalhou ao lado de Diego Rivera e Davi Alfaro Siqueiros Imagens extremamente emotivas e muitas vezes violentasSe influenciou pelos barrocos em termos de composio

Dioses del mundo moderno (1932)

PAS UnB 3 Etapa (2013)

Respostas11 C 12 C13 C

Torres Garca Montevidu, Uruguai 1874 - 1949 Durante a juventude se muda com a famlia para a Espanha onde integrou um grupo de intelectuais que retomava aspectos da antiguidade clssica. Neste perodo pinta diversos murais em Barcelona com influncia clssica. Trabalha coletivamente com o arquiteto Antnio Gaud na elaborao de vitrais para a igreja Sagrada Famlia, sendo que este no aprecia seu trabalho influenciado por artistas de diversas vanguardas europiasDe volta ao Uruguai procura desenvolver uma arte da Amrica do Sul, trabalhando sem parar com pintura, palestras, lecionando e escrevendo sobre arte Cria o Universalismo Construtivo

Norte ao sul,

Tenho dito Escola do Sul porque, na realidade, nosso norte o Sul. No deve haver norte, para ns, seno por oposio ao nosso Sul. Por isso agora colocamos o mapa ao contrrio, e ento j temos uma justa ideia de nossa posio, e no como querem no resto do mundo. A ponta da Amrica, desde j, prolongando-se, aponta insistentemente para o Sul, nosso norte.Torres Garcia, 1941

Constructivo con campana (1932)

PAS UnB 3 Etapa (2013)

Respostas 38 C 39 - E

Semana de arte moderna de 22Anita Malfatti expe em 1917 suas pinturas e recebe forte crtica de Monteiro Lobato no jornal A crtica estimula artistas a se posicionarem e a produzirem e discutirem abertamente arte moderna. A partir dessas discusses organizam uma semana de arte moderna que abrange as artes visuais, a msica e o teatro, considerada um marco na arte brasileira. Os artistas produziam influenciados pelas vanguardas europias mas com os olhos voltados para a cultura brasileira.Deu origem ao MovimentoPau-Brasil, o Movimento Verde-Amarelo, o Grupo da Anta, e o Movimento Antropofgico.

Portinari Nasce em Brdosqui, em 1903, em uma fazenda de caf no interior de So Paulo, filho de imigrantes italianos. Falece no Rio de Janeiro, em 1962. Pintor, gravador, ilustrador e professor.Recebe apenas instruo primria e aos 15 anos vai para o Rio de Janeiro estudar pintura. Portinari pintou os painis Guerra e Paz (14m x 10m) em nove meses, aps quatro anos de estudos preparatrios (cerca de 180).Guerra e Paz foi instalado no hall de entrada da sala da Assemblia Geral, em 1957, o espao mais importante da sede da ONU de Nova Iorque.

PAS UnB 3 Etapa (2012)

Respostas11 E 12 - X

Francisco Galeno

(Parnaba, 1957) Piauiense radicado em Braslia passou pelo teatro, msica e futebol antes de se estabelecer nas artes visuaisFoi convidado para pintar o interior da igrejinha, anteriormente pintado pelo artista moderno Alfredo Volpi. Artista contemporneo com forte relao com trabalhos modernos

Arquitetura Funcionalidade Novos materiais disponveis ex.: concreto armado, estruturas de ferro e vidro.Pouca ornamentao Linhas curvas (Niemeyer) Construo de Braslia

BeijdromoProjeto de Joo filgueiras LelNome oficial: Memorial Darcy Ribeiro Ideia inicial do prprio Darcy Ribeiro, como espao de convivncia entre estudanteBaseado nas construes dos povos indgenas do xinguProjeto executado foi a terceira verso apresentada pelo arquitetoRelao com disco voadorSe assemelha arquitetura modernista da cidade

PAS UnB 2014

painel de azulejos FE Criado por Luis Humberto Martins PereiraArquiteto e fotgrafo Trabalhou em colaborao com Athos Bulco, P. E. Salles Gomes e Alfredo Ceschiatti.Trabalhou na criao do conjunto arquitetnico da Faculdade de Educao da UnB.

Glenio Bianchetti Nasce em1928 (Brasil, Rio Grande do Sul, Bag)Pintor, Desenhista, Gravador, Tapeceiro, Professor de artes plsticas, Ilustrador Professor da UnB entre 1962 e 65, sendo reintegrado novamente em 1988. Colabora na criao do Museu de Arte de Braslia a partir de 1970Integra em 1940 o Grupo de Bag e em 1947 o Clube de Gravuras de Porto AlegreRetrata cotidiano das classes mais pobres, trabalhos e costumes regionais influenciado pelo expressionismo Trabalha com grande contraste, sem a presena de cinzas.A partir de 1960 se dedica mais a pintura, retratando paisagens e naturezas mortas e, a partir da dcada de 70, se dedica imagens mais abstratas com grandes reas de cor e influncia do cubismo

Jogo do osso

Glnio Bianchetti. Jogo do osso. Xilogravura. 1955.

Helio Oiticica Nasce em1937 e falece em 1980, no Rio de Janeiro

Filho de artistas e com av anarquista Vai morar no morro da mangueira em determinado momento Inicia suas pesquisar de forma concreta e vai ampliando seus trabalhos para o espao Integrou o grupo Frente e o grupo Neoconcreto Trouxe o espectador para dentro da obra, incialmente com instalaes como Tropiclia, as quais o artista chamava de penetrveis, e depois com seus Parangols.

Tropiclia Tropiclia

Hlio Oiticica. Tropiclia. Instalao. 1967

Parangols