apostila - cinesioterapia - mobilização articular joelho e perna

of 8 /8
Joelho ARTICULAÇÃO TIBIOFEMURAL: Graus de liberdade osteocinemáticos: 2 movimentos: - Flexão/Extensão - Rotação Ligamentos: Ligamento colateral medial Ligamento colateral lateral Ligamento cruzado anterior Ligamento cruzado posterior Ligamento oblíquo Ligamento oblíquo arqueado Tipo de Articulação: Sinovial Anatomia da Superfície Articular: Ovóide Fêmur: Convexo Tíbia: Côncava Posição de repouso articular: 25 ° flexão Posição Tensionada Extensão completa e rotação externa Padrão de restrição capsular: Flexão > Extensão Tração: J OBJETIVO : - Aumentar a mobilidade intra-articular na articulação tíbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento geral na articulação tíbio-femural; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrição para as estruturas articulares. J POSICIONAMENTO: 1. O paciente está sentado, com o joelho para fora da maca; 2. A articulação é colocada na posição de repouso; 3. O fisioterapeuta se posiciona próximo aos pés do paciente, de frente para o joelho; 4. As duas mãos seguram a tíbia proximal pelo lado medial e lateral; J TÉCNICA : 1. As duas mãos movem a tíbia distalmente.

Author: suzanaruiz

Post on 31-Jul-2015

1.939 views

Category:

Documents


57 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Joelho

ARTICULAO TIBIOFEMURAL:Graus de liberdade osteocinemticos: 2 movimentos: Ligamentos: - Flexo/Extenso - Rotao Ligamento colateral medial Ligamento colateral lateral Ligamento cruzado anterior Ligamento cruzado posterior Ligamento oblquo Ligamento oblquo arqueado Sinovial Ovide Fmur: Convexo Tbia: Cncava 25 flexo Extenso completa e rotao externa Flexo > Extenso

Tipo de Articulao: Anatomia da Superfcie Articular: Posio de repouso articular: Posio Tensionada Padro de restrio capsular:

Trao:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento geral na articulao tbio-femural; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. O paciente est sentado, com o joelho para fora da maca; A articulao colocada na posio de repouso; O fisioterapeuta se posiciona prximo aos ps do paciente, de frente para o joelho; As duas mos seguram a tbia proximal pelo lado medial e lateral;

J TCNICA :

1.

As duas mos movem a tbia distalmente.

Deslizamento Dorsal (1 possibilidade):J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de flexo do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito dorsal; A articulao colocada na posio de repouso; O fisioterapeuta se posiciona prximo aos ps do paciente, de frente para o joelho; A mo que estabiliza d suporte ao fmur pelo lado dorsal. A mo que manipula segura a tbia proximal pelo lado ventral.

J TCNICA :1. 2. A mo que estabiliza mantm o fmur na posi o. A mo que manipula desliza a tbia no sentido dorsal .

Deslizamento Dorsal (2 possibilidade):J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de flexo do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. O paciente est em decbito dorsal; As articulaes do quadril e do joelho so fletidas em 90, e o tornozelo do paciente colocado sob o ombro do terapeuta; O fisioterapeuta se posiciona sentado ao lado da maca; As duas mos so colocadas na regio ventral da tbia proximal, pelos lados medial e lateral.

J TCNICA :1. As duas mos deslizam a tbia dorsalmente .

Deslizamento Ventral (1 possibilidade):J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de extenso do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. O paciente est sentado, com a perna para fora da maca; A articulao colocada na posio de repouso; O fisioterapeuta se posiciona prximo aos ps do paciente, de frente para o joelho; As duas mos seguram a tbia proximal pelo lado dorsal.

J TCNICA :1. As duas mos deslizam a tbia no sentido ventral.

Deslizamento Ventral (2 possibilidade):J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de extenso do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito dorsal; A articulao tbio-femural colocada perto da amplitude restrita de extenso; O fisioterapeuta se posiciona ao lado da maca; A mo que estabiliza colocada sobre a superfcie ventral da tbia proximal; A mo que manipula colocada sobre a face ventral do fmur distal.

J TCNICA :1. A mo que manipula desliza o fmur dorsalmente .

Deslizamento Ventral (3 possibilidade):J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de extenso do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito ventral; A articulao tbio-femural colocada perto da amplitude restrita de extenso; O fisioterapeuta se posiciona ao lado da maca; A mo que estabiliza colocada sobre a superfcie ventral do fmur distal; A mo que manipula colocada sobre a face dorsal da tbia proximal.

J TCNICA : 1. A mo que estabiliza mantm o fmur na posio;2. A mo que manipula desliza a tbia ventralmente .

Deslizamento Lateral:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento geral da articulao tbio-femural; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito dorsal ou sentado; A articulao tbio-femural colocada na posio de repouso; O fisioterapeuta se posiciona na ponta da maca , de frente para o joelho do paciente. O joelho do paciente colocado entre o brao e o tronco do profissional; A mo que estabiliza segura o fmur distal pelo lado lateral; A mo que manipula segura a tbia proximal pelo lado medial.

J TCNICA : 1. A mo que estabiliza mantm o fmur na posio;

2.

A mo que manipula desliza a tbia proximal no sentido lateral..

Deslizamento Medial:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-femural; - Aumentar a amplitude de movimento geral da articulao tbio-femural; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito dorsal ou sentado; A articulao tbio-femural colocada na posio de repouso; O fisioterapeuta se posiciona na ponta da maca, de frente para o joelho do paciente. O joelho do paciente colocado entre o brao e o tronco do profissional; A mo que estabiliza segura o fmur distal pelo lado medial; A mo que manipula segura o lado lateral do joelho, na linha articular.

J TCNICA : 1. A mo que estabiliza mantm o fmur na posio;

2.

A mo que manipula desliza a tbia proximal no sentido medial.

ARTICULAO PATELOFEMURAL:Graus de liberdade osteocinemticos: 2 movimentos: Ligamentos: Tipo de Articulao: Anatomia da Superfcie Articular: Posio de repouso articular: Posio Tensionada Padro de restrio capsular: - Flexo/Extenso - Deslizamentos medial/lateral Ligamento Patelofemural Sinovial Ovide Patela: Convex a Fmur: Cncavo Extenso completa Flexo completa Flexo > Extenso

Deslizamento Cranial:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao patelo-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de extenso do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. O paciente est em decbito dorsal; O joelho colocado levemente em flexo sobre uma toalha dobrada; A mo que manipula colocada com o espao membranoso ou com A regio hipotnar da mo sobre a superfcie caudal da patela; A mo que direciona o movimento colocada sobre a mo que manipula.

J TCNICA : 1. A mo que manipula desliza a patela em sentido cranial;

2.

A mo que direciona o movimento controla a posio da mo que manipula;

Deslizamento Caudal:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao patelo-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de flexo do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. O paciente est em decbito dorsal; O joelho colocado levemente em flexo sobre uma toalha dobrada; A mo que manipula colocada com o espao membranoso ou com a regio hipotnar da mo sobre a superfcie cranial da patela; A mo que direciona o movimento colocada sobre a mo que manipula.

J TCNICA : 1. A mo que manipula desliza a patela em sentido caudal;

2.

A mo que direciona o movimento controla a posio da mo que manipula;

Deslizamento Medial:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao patelo-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de flexo do joelho; - Aumentar o trajeto medial da patela na ADM do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. O paciente est em decbito dorsal; O joelho colocado levemente em flexo sobre uma toalha dobrada; Coloca-se os polegares ou a regio hipotnar das duas mos sobre a superfcie lateral da patela;

J TCNICA : 1. As duas mos deslizam a patela em sentido medial;

Deslizamento Lateral:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao patelo-femural; - Aumentar a amplitude de movimento de flexo do joelho; - Aumentar o trajeto lateral da patela na ADM do joelho; - Diminuir a dor no joelho; -Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. O paciente est em decbito dorsal; O joelho colocado levemente em flexo sobre uma toalha dobrada; Coloca-se os polegares ou a regio hipotnar das duas mos sobre a superfcie medial da patela;

J TCNICA : 1. As duas mos deslizam a patela em sentido lateral;

Perna

ARTICULAO TIBIOFIBULAR P ROXIMAL:Graus de liberdade osteocinemticos: 2 movimentos: Ligamentos: Tipo de Articulao: Anatomia da Superfcie Articular: Posio de repouso articular: - Deslizamento cranial/caudal - Deslizamento ventral/dorsal Ligamento Tibiofibular posterior Ligamento Tibiofibular anterior Sinovial Ovide Tbia: Convexa Fbula: Cncava 25 de flexo de joelho, 10 de flexo plantar

Deslizamento Dorsal da Cabea da Fbula:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-fibular proximal; - Reduzir uma falha de posicionamento ventral da fbula; - Diminuir a dor na parte lateral superior da perna; - Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito dorsal, com o joelho posicionado em um travesseiro; A articulao tbio-fibular proximal est em posio de repouso. O profissional est ao lado do paciente, de frente para o joelho. A mo que estabiliza segura a perna pelo lado m edial. Coloca-se a regio hipotnar da mo, que manipula, sobre a superfcie ventral da cabea da fbula.

J TCNICA : 1. A mo que estabiliza mantm a perna na posio; 2. A mo que manipula desliza a fbula proximal em sentido dorsal.

Deslizamento Ventral da Cabea da Fbula:J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-fibular proximal; - Reduzir uma falha de posicionamento dorsal da fbula; - Diminuir a dor na parte lateral superior da perna; - Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito ventral, com o p apoiado em um travesseiro; A articulao tbio-fibular proximal est em posio de repouso. O profissional est do lado no afetado do paciente, de frente para o joelho. A mo que estabiliza segura a perna pelo lado medial. Coloca-se a regio hipotnar da mo, que manipula, sobre a superfcie dorsal da cabea da fbula.

J TCNICA : 1. A mo que estabiliza mantm a perna na posio; 2. A mo que manipula desliza a fbula proximal em sentido ventral.

ARTICULAO TIBIOFIBULAR D ISTAL:Graus de liberdade osteocinemticos: 2 movimentos: Ligamentos: - Deslizamento cranial/caudal - Deslizamento ventral/dorsal Ligamento Tibiofibular posterior Ligamento Tibiofibular anterior Membrana Interssea Sindesmose Ovide Tbia: Convexa Fbula: Cncava 10 de flexo plantar, 5 de inverso

Tipo de Articulao: Anatomia da Superfcie Articular: Posio de repouso articular:

Deslizamento Ventral da Tbia ou da Fbula (depende do que se quer mobilizar):J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-fibular distal; - Aumentar a amplitude de movimento de dorsiflexo do tornozelo; - Diminuir a dor na parte lateral inferior da perna; - Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito dorsal, com a perna para fora da maca; A articulao tbio-fibular distal est em posio de repouso. O profissional est na ponta da maca, de frente para o tornozelo do paciente. A mo que estabiliza segura a tbia (ou a fbula). A mo que manipula colocada sobre o outro osso (tbia ou fbula).

J TCNICA : 1. A mo que estabiliza mantm um dos ossos na posio; 2. A mo que manipula desliza a tbia (ou a fbula) distal em sentido ventral.

Deslizamento Dorsal da Tbia ou da Fbula (depende do que se quer mobilizar):J OBJETIVO:- Aumentar a mobilidade intra-articular na articulao tbio-fibular distal; - Aumentar a amplitude de movi mento de flexo plantar do tornozelo; - Diminuir a dor na parte lateral inferior da perna; - Aumentar a nutrio para as estruturas articulares.

J P OSICIONAMENTO:1. 2. 3. 4. 5. O paciente est em decbito dorsal, com a perna para fora da maca; A articulao tbio-fibul ar distal est em posio de repouso. O profissional est na ponta da maca, de frente para o tornozelo do paciente. A mo que estabiliza segura a tbia (ou a fbula). A mo que manipula colocada sobre o outro osso (tbia ou fbula).

J TCNICA : 1. A mo que estabiliza mantm um dos ossos na posio; 2. A mo que manipula desliza a tbia (ou a fbula) distal em sentido dorsal.