rochas sedimentares minerais, formação e classificação

Download Rochas sedimentares  minerais, formação e classificação

Post on 17-Dec-2014

3.000 views

Category:

Education

9 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

TRANSCRIPT

  • 1. ROCHAS SEDIMENTARES Minerais e Formao parte I Isabel Lopes 2012
  • 2. O QUE SO MINERAIS? ametista e gua marinha calcite e muscovitebarite 2 IL 2012
  • 3. MINERAIS - INORGNICOS mbar (exclui-se porque orgnico resina fssil) 3 IL 2012
  • 4. MINERAIS - INORGNICOS prolas (excluem-se porque so de natureza orgnica) 4 IL 2012
  • 5. MINERAIS Ocorrem sem a interveno do Homem. Apresentam estrutura cristalina as suas partculas apresentam uma distribuio regular no espao. mineralides: apesar de slidos, naturais e inorgnicos, as suas particulas no apresentam distribuio regular ex. opala e limonite). limonite opala limonite 5 IL 2012
  • 6. MINERAIS Excluem-se os lquidos e os gases (a gua e o mercrio nas condies normais de presso e temperatura). O mercrio no possui estrutura cristalina nem plano de clivagem temperatura e presso normais, mas quando congelado e submetido a baixas presses, o mercrio forma cristais no sistema rombodrico e no sistema tetragonal se submetido a altas presses. Glaciares gelo considerado um mineral 6 IL 2012
  • 7. MINERAIS - IDENTIFICAO Propriedades qumicas: os minerais tm composio qumica fixa ou varivel dentro de certos parmetros representada por frmula qumica (resultado de anlises quantitativas e qualitativas) Classificao de Dana e Hurlbut (1960). No entanto dados os elevados custos de alguns ensaios qumicos entre outros, em geral no to recomendada 7 IL 2012
  • 8. MINERAIS ALGUNS TESTES QUMICOS Teste do sabor salgado (Halite). Efervescncia produzida por ao de um cido (na presena de carbonato de clcio). Mais exemplos: Calcite e Aragonite so quimicamente CaCO3. Reao com soluo concentrada de nitrato de Minerais cobalto Aps fervida Calcite Fica branca, mudando para azul aps alguns tempo Aragonite Toma a cor lils 8 IL 2012
  • 9. MINERAIS - IDENTIFICAOPropriedades fsicas: reconhecidas vista desarmada ou com recurso a tcnicas simples. Propriedades Fsicas Propriedades Propriedades Densidade Mecnicas pticas Clivagem Dureza Fratura Cor Brilho Trao/Risca 9 IL 2012
  • 10. FORMAO DAS ROCHAS SEDIMENTARES Duas etapas fundamentais Sedimentognese Elaborao dos materiais que as vo constituir at sua deposio Diagnese Evoluo posterior dos sedimentos, conduzindo formao de rochas consolidadas 10 IL 2012
  • 11. SEDIMENTOGNESE Categorias dos materiais que vo entrar na constituio das r. sedimentares Dimenses variadas desde pequeninssimas detrticos dimenses at grandes blocos Resultantes dos afloramentos rochosos Origem Resultam da precipitao de substncias qumica transportadas dissolvidas na gua Origem Restos de seres vivos, como por exemplo: conchas, peas esquelticas, fragmentos de biolgica plantas, plenes. 11 IL 2012
  • 12. FORMAO SEDIMENTOS DETRTICOS Meteorizao das rochas e eroso As rochas so o resultado do ambiente fsico e qumico em que foram geradas. Alteraes neste ambiente provocam alteraes nas rochas. 12 IL 2012
  • 13. METEORIZAOAlteraes (fsicas e/ou qumicas) provocadas pelo vento, gua, variaes de temperatura, pelos prprios seres vivos numa rocha. 13 IL 2012
  • 14. METEORIZAO - GRANITO Compara as condies de Presso e Temperatura na sua gnese com as atuais, superfcie. Granito sujeito a: Descompresso Menor temperatura ambiente Exposio a grandes amplitudes trmicas 14 IL 2012
  • 15. METEORIZAO - GRANITO diaclasesOs minerais primrios, que constituem o granito, ficam emdesequilbrio nas novas condies, sofrendo alteraes profundas.As rochas expostas superfcie vo sendo alteradas e desagregadas 15 IL 2012
  • 16. METEORIZAO - GRANITOArenizao desagregao devido perda de coeso dos minerais converso em areia. Areia removida pelas guas de escorrncia. Arestas dos blocos desaparecem e suavizam. Os blocos tornam-se arredondados caos de blocos 16 IL 2012
  • 17. COMO SE ALTERA O GRANITO? 17 IL 2012
  • 18. METEORIZAO FSICA Atividade biolgica A Esteva Que, a pouco e pouco, perseverante, com uma vontade inquebrvel, nascendo s vezes nos intervalos das rochas, rasgando cho por entre as fendas dos xistos, consegue sobreviver. Crioclastia - gelo 18 IL 2012
  • 19. METEORIZAO FSICA Ao mecnica da gua e do vento A partir da aco erosiva das guas fortes em terrenos detrticos heterogneos, formam-se colunas naturais em forma cnica que sustm no seu topo um bloco de rocha maior, que funciona como protector da eroso Esfoliao Separao da rocha originada por diaclases paralelas superfcie, devidas decompresso pelo alivio do peso das camadas suprajacentes. 19 IL 2012
  • 20. METEORIZAO FSICA

Recommended

View more >