O Terrorismo

Download O Terrorismo

Post on 04-Jul-2015

2.555 views

Category:

Education

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. CRIMINOLOGIA2012/2013O TERRORISMO: ESTUDO DE CASOMaria da Silva PintoA66341Braga, 20 de Maio de 2013</li></ul><p> 2. ndicendice............................................................................................................................................. 2Introduo ..................................................................................................................................... 4O que o Terrorismo?................................................................................................................... 5Origem/Surgimento do Terrorismo............................................................................................... 7Mas quando ser que o terrorismo surgiu mais vincado na Histria da humanidade?.............. 7Causas e Consequncias do Terrorismo........................................................................................ 8Tipos de Terrorismo.................................................................................................................... 11Terrorismo Fsico.................................................................................................................... 11Terrorismo Psicolgico ........................................................................................................... 11Terrorismo Econmico............................................................................................................ 11Bioterrorismo .......................................................................................................................... 11Terrorismo Religioso .............................................................................................................. 11Terrorismo Nacionalista.......................................................................................................... 11Grupos Terroristas....................................................................................................................... 12Al-Qaeda ................................................................................................................................. 12ETA (Ptria Basca e Liberdade).............................................................................................. 12IRA.......................................................................................................................................... 12Brigada Vermelha ................................................................................................................... 13OLP ......................................................................................................................................... 13Hezbollah ................................................................................................................................ 14Atentados Terroristas .................................................................................................................. 15Atentados no de 29 de Maro de 2010 em Moscovo .............................................................. 15Atentados de 7 de Julho de 2005 em Londres......................................................................... 16Atentados de 17 de Julho de 2009 em Jacarta......................................................................... 16Atentados de 11 de Maro de 2004 em Madrid ...................................................................... 17Atentado de 11 de Setembro de 2001 em Nova Iorque........................................................... 18Problematizao do Conceito Terrorismo ............................................................................... 19Ser a guerra uma forma justa de combater o terrorismo?...................................................... 19Poder a poltica antiterrorista, especialmente utilizada pelos EUA, e muitas vezesconsiderada como politicamente correcta, ser tambm ela um acto terrorista? ...................... 20Levantam-se ento diferentes questes!.................................................................................. 21Poder o terrorismo dificultar as relaes entre pases?.......................................................... 23Anexos......................................................................................................................................... 24 3. Morte de Bin Laden ................................................................................................................ 24Bioterrorismo .......................................................................................................................... 25Concluso.................................................................................................................................... 26Bibliografia ................................................................................................................................. 27 4. IntroduoEste trabalho tem como tema O Terrorismo: estudo de caso, cujo objetivoprincipal reconhecer o terrorismo como um problema do mundo atual, da sociedadeem que vivemos.Como tal, pretende apresentar uma explicao deste conceito e para que possamosperceber quais as suas causas e possveis consequncias.Apresentarei portanto os diferentes tipos de terrorismo, os nomes de algumasorganizaes terroristas (bem como os atentados), e ainda alguns anexos cominformaes complementares. 5. O que o Terrorismo?O terrorismo, ainda que no seja de todo, um acontecimento invulgar na sociedade,tm-se vindo a acentuar como um problema da atualidade, relacionando-se com aeconomia, poltica e sociedade.Imagem 1 Cenrio aps ataque terroristaTerrorismo o uso de violncia, fsica ou psicolgica, atravs de ataques localizadosa elementos ou instalaes de um governo ou da populao governada, de modo aincutir medo, terror, e assim obter efeitos psicolgicos que ultrapassem largamente ocrculo das vtimas, incluindo, antes, o resto da populao do territrio. utilizado poruma grande gama de instituies como forma de alcanar seus objetivos, comoorganizaes polticas de esquerda e direita, grupos separatistas e at por governos nopoder.A guerra de guerilha frequentemente associada ao terrorismo uma vez que dispede um pequeno contingente para atingir grandes fins, fazendo uso cirrgico daviolncia para combater foras maiores. Seu alvo, no entanto, so foras igualmentearmadas procurando sempre minimizar os danos a civis para conseguir o apoio destes.Assim sendo, tanto mais uma ttica militar que uma forma de terrorismo.Conforme definio do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, terrorismo um tipo muito especfico de violncia, bastante til, apesar do termo ser usado paradefinir outros tipos de violncia considerados inaceitveis.Aps a Segunda Guerra Mundial, sobretudo no fim da dcada de 1960 e durantea dcada de 1970, o terrorismo era visto como parte de um contexto revolucionrio. O 6. uso do termo foi expandido para incluir grupos nacionalistas e tnico-separatistas forado contexto colonial ou neocolonial, assim como organizaes radicais e inteiramentemotivadas por ideologia. A comunidade internacional inclusive na esfera das NaesUnidas considerava politicamente legtimas as lutas pela autodeterminao dospovos, legitimando-se portanto o uso da violncia poltica por esses movimentos.Aes terroristas tpicas incluem assassinatos, sequestros , exploses debombas, matanas indiscriminadas, raptos, aparelhamento, linchamentos. uma estratgia poltica e no militar, e levada a cabo por grupos que no so fortes osuficiente para efetuar ataques abertos, sendo utilizada em poca de paz, conflito eguerra. A inteno mais comum do terrorismo causar um estado de medo napopulao ou em setores especficos da populao, com o objetivo de provocar numinimigo (ou seu governo) uma mudana de comportamento.Texto 1: Muitas podem ser as causas que motivam um terrorista suicida: a expulso deestrangeiros, provocar mudanas polticas, realizar retaliao e vingana, ganharprojeo local ou global, construir uma imagem de poder, angariar apoio do pblico,recrutar novos voluntrios, preservar territrio, cultura ou religio, etc.www.cerebromente.org.br/n13/terrorist8.htmlNos conflitos terroristas, a moral assume um papel preponderante na mente dosterroristas que consideram os seus valores fundamentalistas como corretos. Segundoo seu ponto de vista egocntrico apenas os seus valores so corretos e todos os outrosdevem respeit-los, mesmo que para que os mesmos sejam impostos, seja necessrioo recurso violncia.Imagem 2 Atentado TerroristaComo tal, o terrorista encontra na desobedincia civil um meio para atingir os seusfins. As organizaes terroristas iro, portanto, desafiar os governos atravs de 7. atentados (bombistas suicidas, exploses) de modo a faz-los ceder ao seu objetivo ouainda por vingana, uma vez que uma elevada percentagem de atentados terroristasse baseiam em vinganas e ajustes de conta, especialmente entre os Estados Unidos daAmrica e os pases rabes e palestinianos (Iraque, Palestina, etc.).Origem/Surgimento do TerrorismoO terrorismo, ao contrrio de muitos outros temas, no tem um momento precisode surgimento histrico. Alis podemos considerar que o terrorismo se iniciouaquando da origem do Estado, e das sociedades politicamente organizadas, contudoinjustas. Desde sempre, quer consideremos uma origem natural ou contratualista parao origem do estado, que as minorias se sentiam revoltadas por no fazerem valer osseus direitos, mesmo abdicando da sua liberdade tal como todos os outros cidados.Mas quando ser que o terrorismo surgiu mais vincado na Histria dahumanidade?A palavra Terrorismo passou a ser mais largamente empregada na histria a partirde 1793, na Frana de Robespierre. At o inventor da guilhotina, um cidado francsde sobrenome Guilhotan, teve sua cabea ceifada por esse instrumento no perodoque se denominou de terror.Imagem 3 GuilhotinaOutro exemplo foi, no final do sculo XIX, o assassinato do Czar da Rssia AlexandreII, em 1891, que se autodenominava de Vontade do Povo. Os livros de histria geral 8. do como certo que o incio e o estopim da I Guerra Mundial foi o assassinato doArquiduque Francisco Fernando, perpetrado pelo estudante.Imagem 4 Arquiduque Francisco FernandoGavrilo Prinzip, integrante do grupo que se intitulava Mo Negra, de origemsrvia. Poderemos ento reconhecer o terrorismo na origem de conflitos baseados nosentimento de injustia. esta portanto a principal catalisadora do terror. devidoao medo, aflio, insegurana que as pessoas se manifestam, tendo como objetivoa sua prpria preservao.Causas e Consequncias do TerrorismoTexto 2: De onde vem este dio? No se trata de uma guerra do Leste contra o Oeste, ou doIslo contra o Cristianismo. A extrema pobreza o lar onde nascem todos os tipos deextremismos, (). Todo o fundamentalismo produzido pela misria, peloobscurantismo, pelo analfabetismo. O dio o fruto das contradies do nosso Mundo().Jean Ziegler, Terrorismo e fome, in AAVV, O Imprio em Guerra e o Mundo depois do 11 de Setembro,Campo de Letras, pp. 135Segundo a anlise cuidada do texto 2, poderemos elucidar-nos sobre algumas dasprincipais causas iniciais do terrorismo. Reconhecemos, ento, a extrema pobrezacomo lar de todos os extremismos, ou seja, a revolta, o medo, a insegurana e ainjustia sentida pelas minorias ir lev-las a rebeliarem-se, de modo a atinigr os seusobjetivos. O dio ser um sentimento dominante nestas pessoas que vm na violnciauma forma de fazer valer os seus principios, recm adquiridos, que funcionaro paraeles como uma base cultural, normas ou leis morais que os ajudaro a terem um 9. sentido de pertena, no sentido em que se identificaro com pessoas nas mesmassituaes. Surgiro ento extremismos baseados em ideias de revolta e vinganacontra os que so, segundo estas pessoas, os principais causadores da sua situaodesfavorvel na vida.Imagem 5 PobrezaTexto 3: Na raiz da guerra e em particular do terrorismo esto questes de que a comunidadeinternacional ainda no tratou: as injustias sofridas, as legtimas aspiraes dospovos, a pobreza abjeta, a intolerncia e a explorao de milhares de pessoasdesesperadas que no tm esperana de melhorar a sua vida ,Observador permanente da Santa S na ONUNa atualidade, e ainda que os problemas anteriormente referidas se continuem amanifestar, a principal causa da difuso do terrorista o sistema capitalista,segregador, elitista que visa apenas promoo dos mais ricos sobre os mais pobres,que sero considerados inferiores. Diante disso, no resta outra opo que no a decausar impacto para que o Estado/Governo se lembre da existncia dos excludos daglobalizao mundial, o que levar desobedincia civil, ainda que seja possivelproblematizar: Se o Estado no faz valer os direitos dos cidados que abdicaram da sualiberdade natural, devero estes manter-lhes obedincia? 10. Imagem 6 InjustiaH tambm outras causas, como xenofobia e racismo (Ku-Klux Clan), desagrado comum governo (Brigadas Vermelhas), conflitos por territrio (OLP) e questes religiosas(Al-Qaeda). Quando os problemas polticos num pas so grandes, e as foras nacionaisno conseguem resolver, tambm comum ver o terrorismo a agir como sistemamilitar.Imagem 7 Kun Klux KlanAps o acontecimento de um ato terrorista, seja a exploso de uma bomba, morte decivis ou sequestros, a primeira consequncia que a populao sofre pnico, incertezae ainda um medo coletivo, que levaro a desajustamentos emocionais, incluindo stressps trumtico , depresso e aumento no consumo de substncias. Entredesajustamento no se limita apenas s pessoas que experienciam diretamente estetipo de acontecimentos. Entre os afetados incluem-se igualmente os familiares dasvtimas e dos sobreviventes que bem como as pessoas que, na comunidade, so 11. confrontadas com o perigo do terrorismo diariamente, atravs dos meios decomunicao social e, ainda, os tcnicos que desenvolvem a sua interveno duranteeste tipo de crises. Depois de um atentado, a longo prazo, existe ainda xenofobiacontra a nacionalidade dos terroristas ( o que foi uma das grandes causas da invasodos Estados Unidos ao Oriente Mdio aps os Atentados de 11 de Setembro ).Mas isso no acontece s entre pases: o grupo IRA, que procura a libertao polticada Irlanda do Norte, possui um grande preconceito contra os habitantes da Irlanda doSul e vice-versa, mesmo ambos sendo do mesmo pas.Consequncias maiores tambm podem acontecer, como o incio de uerras. Quandoum ato terrorista ocorre, seja num pas desenvolvido como os Estados Unidos, ou numsubdesenvolvido como o Iraque, as causas e as consequncias so sempre as mesmas,o que torna o terrorismo um ato de pnico universal.Tipos de TerrorismoO fenmeno do terrorismo pode assumir variadssimas formas, consoante ascondies em que os indivduos se encontram. Podem-se portanto enumerardiferentes tipos de terrorismo.Terrorismo Fsico: Uso de violncia, assassinato e tortura para impor seus interesses.Temos diversos exemplos deste tipo de terrorismo como a Tortura do Sono,bastante utilizada na ditadura de Salazar, em Portugal;Terrorismo Psicolgico: Induo do medo por meio da divulgao de notcias embenefcio...</p>

Recommended

View more >