ensino mdio caderno do aluno de apoio ao currculo do estado de so paulo caderno do aluno arte...

Download ENSINO MDIO Caderno do Aluno  de apoio ao currculo do estado de so paulo caderno do aluno arte ensino mdio – 1a srie volume 1 nova edio 2014-2017 governo do

Post on 06-Mar-2018

235 views

Category:

Documents

8 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1a SRIE ENSINO MDIOCaderno do AlunoVolume 1

    ARTELinguagens

  • MATERIAL DE APOIO AOCURRCULO DO ESTADO DE SO PAULO

    CADERNO DO ALUNO

    ARTEENSINO MDIO 1a SRIE

    VOLUME 1

    Nova edio

    2014-2017

    GOVERNO DO ESTADO DE SO PAULO

    SECRETARIA DA EDUCAO

    So Paulo

  • Governo do Estado de So Paulo

    Governador

    Geraldo Alckmin

    Vice-Governador

    Guilherme Afif Domingos

    Secretrio da Educao

    Herman Voorwald

    Secretrio-Adjunto

    Joo Cardoso Palma Filho

    Chefe de Gabinete

    Fernando Padula Novaes

    Subsecretria de Articulao Regional

    Rosania Morales Morroni

    Coordenadora da Escola de Formao e Aperfeioamento dos Professores EFAP

    Silvia Andrade da Cunha Galletta

    Coordenadora de Gesto da Educao Bsica

    Maria Elizabete da Costa

    Coordenadora de Gesto de Recursos Humanos

    Cleide Bauab Eid Bochixio

    Coordenadora de Informao, Monitoramento e Avaliao

    Educacional

    Ione Cristina Ribeiro de Assuno

    Coordenadora de Infraestrutura e Servios Escolares

    Ana Leonor Sala Alonso

    Coordenadora de Oramento e Finanas

    Claudia Chiaroni Afuso

    Presidente da Fundao para o Desenvolvimento da Educao FDE

    Barjas Negri

  • Caro(a) aluno(a),

    O conhecimento produzido ao longo do tempo o nosso maior tesouro, alm de ser o melhor instrumento que podemos utilizar para compreender o mundo que nos cerca e interagir com ele.

    Para ajud-lo a preservar, ampliar e aproveitar os benefcios desse conhecimento que foi preparado este material. Por meio dele voc ter contato com as diferentes linguagens: oral, escrita, imagtica, sonora e corporal. Elas vo ajud-lo a expressar-se com a competncia necessria para que cada vez mais voc conhea a si mesmo, a sua cultura e o mundo em que vive.

    Neste primeiro volume do Caderno do Aluno, voc vai refletir sobre o tema Arte, cidade e patrimnio cultural, conhecer como alguns artistas se manifestam a respeito desses assuntos e algumas propostas de interveno em arte nas diversas linguagens artsticas, feitas individualmente ou em grupo. Alm disso, ter a oportunidade de conversar com os colegas, compartilhar ideias, discutir possibilidades e propor aes poticas. Voc poder explorar as possibilidades de interveno em arte criando e elaborando projetos na escola.

    Desejamos que o contato com a arte o estimule a frequentar, a agir, a preservar e a reinventar a arte e a cultura que nos cercam!

    Bons estudos!

    Equipe Curricular de Arterea de Linguagens

    Coordenadoria de Gesto da Educao Bsica CGEB Secretaria da Educao do Estado de So Paulo

  • Arte 1a srie Volume 1

    5

    TEMA:

    ARTE, CIDADE E PATRIMNIO CULTURAL

    Comeo de ano letivo. Como estudante do Ensino Mdio, o incio de um novo momento de estudo sobre arte. Para aquecer este comeo, vamos pensar sobre as experincias vividas no Ensino Fundamental?

    Escolha um colega da sala de aula. A proposta vocs escreverem uma carta um para o outro. Na carta, conte ao colega sobre os artistas que voc estudou no Ensino Fundamental; o que ficou de mais significativo das aulas de Arte; as exposies que visitou; os espetculos de dana e de teatro aos quais assistiu; se conheceu alguma sala de concerto; se lembra de ter escutado alguma msica nova; ou qualquer outro assunto que venha sua memria sobre as aulas de Arte. Se quiser, alm de palavras, voc pode usar desenhos na sua carta.

    Concluda a carta, faa um envelope com desenhos, colagens ou letras desenhadas para anun-ciar o nome do destinatrio e entregue a carta a seu colega, que entregar a dele para voc.

    Aps a leitura da carta recebida, reflita sobre as experincias que seu colega viveu nas aulas de Arte do Ensino Fundamental e anote aqui suas reflexes:

  • Arte 1a srie Volume 1

    6

    No espao a seguir, cole a carta que voc recebeu.

  • Arte 1a srie Volume 1

    7

    !

    Converse com seus colegas sobre as imagens das pginas 9 e 10. Depois, volte a esta pgina para registrar suas observaes.

    O que ou no familiar nas imagens? O que chama mais a ateno? Que imagens provocam vontade de saber mais sobre elas?

    O que um espetculo chamado Neuropolis pode indicar? Esse espetculo apresentado pela Orquestra de Msicos das Ruas de So Paulo, formada por msicos de comunidades de migrantes e imigrantes que atuam nas ruas da cidade. Voc conhece algum que seja msico de rua?

    Quais ritmos de salo voc conhece? Seus pais danam ou danavam? Quais ritmos?

    O que faz o grafite de Fefe Talavera em um espao expositivo? Grafite s na rua? Voc conhece algum que seja grafiteiro?

  • Arte 1a srie Volume 1

    8

    O que ficou da conversa?

    Voc j viu um espetculo de circo?

    Voc conhece os B-boys Muxibinha e Pelezinho e seus movimentos de breakdance? Conhece outros grupos de breakdance ou street dance?

    Como voc percebe a presena do pblico nessas imagens?

    Poderamos dizer que essas prticas culturais pertencem ao nosso patrimnio cultural? Por qu?

  • Arte 1a srie Volume 1

    9

    Orquestra de Msicos das Ruas de So Paulo. Neuropolis. Direo musical: Livio Tragtenberg. So Paulo (SP).

    A

    dria

    na E

    lias/

    Pref

    eitu

    ra d

    a C

    idad

    e de

    So

    Pau

    loDana de salo. So Paulo (SP).

    Street dance.

    F

    erna

    ndo

    Favo

    retto

    M

    arce

    llo C

    asal

    Jr/A

    Br

    P

    aulo

    Bar

    buto

    Grupo Namakaca. nis na xita, projeto Mostra Lino Rojas, 2010. Vale do Anhangaba, So Paulo (SP).

  • Arte 1a srie Volume 1

    10

    A

    cerv

    o da

    s aut

    oras

    Forr.

    F

    efe T

    alav

    era

    Fefe Talavera. Graffiti, 2007. Grafite. Exposio A conquista do espao: novas formas da arte de rua, 2007. Sesc Pinheiros, So Paulo (SP).

    Zfrica Brasil. Show de inaugurao do Projeto Vertentes, 2004. Sala Olido, So Paulo (SP).

    A

    dria

    na E

    lias/

    Pref

    eitu

    ra d

    a C

    idad

    e de

    So

    Pau

    lo

  • Arte 1a srie Volume 1

    11

    Uma pequena expedio cultural

    Para se preparar para uma pequena expedio, observe a obra Buenos Aires tour, um livro-objeto composto por caixas, folhetos, postais, mapas, CD-ROM e selos.

    Agora, leia o que diz o artista Jorge Macchi:

    [...] apenas ao concentrarmos o olhar sobre algo que parece insignificante que o seu significado csmico e a sua capacidade de desestabilizar expectativas ganham vida.

    Jorge Macchi. Apud PREZ-BARREIRO, Gabriel. Jorge Macchi: exposio monogrfica. Porto Alegre: Fundao Bienal do Mercosul, 2007. p. 37.

    Jo

    rge

    Mac

    chi

    Jo

    rge

    Mac

    chi

    Jo

    rge

    Mac

    chi

    Jorge Macchi. Buenos Aires tour, 2004. Livro. Jorge Macchi em colaborao de Mara Negroni (textos) e Edgardo Rudnitzky (sons). Edies Turner Libros, Madri, Espanha. Fotos Francisca Lopez.

  • Arte 1a srie Volume 1

    12

    Estimulado pela obra e pelo pensamento do artista, voc vai realizar uma pequena expedio! O objetivo descobrir aspectos que, em determinado trajeto, passam despercebidos ou no so observados pelas pessoas em seu cotidiano. Para isso, responda:

    Qual o pequeno trajeto delimitado para essa expedio?

    Quem so os parceiros de sua expedio? H funes especficas para cada integrante?

    Faa suas anotaes, registre sons, gestos, movimentos, palavras dos transeuntes etc.

    Depois da expedio, responda:

    Como foi sua experincia? Voc realizou uma coleta sensorial?

    O que o seu grupo encontrou? Algumas heranas culturais da cidade? O que chamou a ateno em relao esttica do cotidiano? Como possvel classificar os elementos encontrados?

  • Arte 1a srie Volume 1

    13

    Com seu grupo, faa um mapa expressivo coletivo ou um flder abordando o que descobriram na expedio que realizaram e cole-o no espao a seguir:

  • Arte 1a srie Volume 1

    14

    SITUAO DE APRENDIZAGEM 1 ARTES VISUAIS

    !

    Observe as imagens a seguir:

    !?

    Grupo OPNI. Grafite. Projeto Os muros tm vida. Vale do Anhangaba (23 de Maio/Terminal Bandeira), 2012. So Paulo (SP).

    M

    ateu

    s Silv

    a/G

    rupo

    OPN

    I

  • Arte 1a srie Volume 1

    15

    Alexandre rion. Ossrio, 2004-2006. Interveno urbana realizada por meio da limpeza seletiva da fuligem depositada nas paredes de tneis da cidade de So Paulo (SP).

    A

    LEX

    AND

    RE

    OR

    ION

    OSS

    RIO

    200

    4-20

    06

    ALE

    XAN

    DR

    E O

    RIO

    N O

    SSR

    IO 2

    004-

    2006

  • Arte 1a srie Volume 1

    16

    Com dezenas de pedaos de pano, rion desenhou caveiras limpando as paredes internas de alguns tneis da cidade de So Paulo. S no tnel Nove de Julho foram 13 madrugadas de trabalho intenso. So mais de 3 mil caveiras em 250 metros de extenso.

    Trabalho intenso tambm tem sido realizado pelos integrantes do Grupo OPNI, trazendo um olhar potico para os muros da cidade.

    Quais relaes voc pode fazer entre os trabalhos de rion e do Grupo OPNI e os grafites que voc v em sua regio?

    Como so feitos esses e outros grafites? O que voc conhece sobre seus procedimentos? Qual teria sido sua origem?

    Que outras obras em sua cidade podem ser consideradas arte pblica?

    Agora, observe, na pgina seguinte, duas imagens de um mesmo local, a Estao da Luz, na cidade de So Paulo, e converse com seus colegas sobre elas.

    Para voc, o que patrimnio cultural? Que diferena voc percebe entre as duas imagens da Estao da Luz?

Recommended

View more >