universidade de sأƒo paulo escola de enfermagem de 2014-01-17آ  (josأ© datrino, o profeta...

Download UNIVERSIDADE DE SأƒO PAULO ESCOLA DE ENFERMAGEM DE 2014-01-17آ  (Josأ© Datrino, o Profeta Gentileza)

If you can't read please download the document

Post on 27-Jan-2020

0 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

    ESCOLA DE ENFERMAGEM DE RIBEIRÃO PRETO

    IARA CRISTINA DA SILVA PEDRO

    Sentidos e significados da prevenção de queimaduras no ambiente doméstico, atribuídos por famílias de crianças

    vítimas de queimaduras: um estudo etnográfico

    Ribeirão Preto

    2013

  • IARA CRISTINA DA SILVA PEDRO

    Sentidos e significados da prevenção de queimaduras no ambiente doméstico, atribuídos por famílias de crianças

    vítimas de queimaduras: um estudo etnográfico

    Tese apresentada à Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

    da Universidade de São Paulo para obtenção do título de

    Doutor em Ciências, Programa de Pós-Graduação

    Enfermagem em Saúde Pública.

    Linha de pesquisa: Assistência à criança e ao adolescente

    Orientadora: Lucila Castanheira Nascimento

    Ribeirão Preto

    2013

  • Autorizo a reprodução e divulgação total ou parcial deste trabalho, por qualquer meio

    convencional ou eletrônico, para fins de estudo e pesquisa, desde que citada a fonte.

    Pedro, Iara Cristina da Silva Sentidos e significados da prevenção de queimaduras no

    ambiente doméstico, atribuídos por famílias de crianças vítimas de

    queimaduras: um estudo etnográfico. Ribeirão Preto, 2013.

    193 p. : il. ; 30 cm

    Tese de Doutorado, apresentada à Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto/USP. Área de concentração: Enfermagem Saúde Pública.

    Orientador: Lucila Castanheira Nascimento

    1. Queimaduras. 2. Prevenção de acidentes. 3. Criança.

    4. Família. 5. Enfermagem.

  • PEDRO, Iara Cristina da Silva

    Sentidos e significados da prevenção de queimaduras no ambiente doméstico, atribuídos por

    famílias de crianças vítimas de queimaduras: um estudo etnográfico

    Tese apresentada à Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

    da Universidade de São Paulo para obtenção do título de

    Doutor em Ciências, Programa de Pós-Graduação Enfermagem

    em Saúde Pública.

    Linha de pesquisa: Assistência à criança e ao adolescente

    Orientadora: Lucila Castanheira Nascimento

    Aprovado em: ____ / ____ / ____

    Comissão Julgadora

    Prof. Dr. ____________________________________________________________________

    Instituição: __________________________________________________________________

    Prof. Dr. ____________________________________________________________________

    Instituição: __________________________________________________________________

    Prof. Dr. ____________________________________________________________________

    Instituição: __________________________________________________________________

    Prof. Dr. ____________________________________________________________________

    Instituição: __________________________________________________________________

    Prof. Dr. ____________________________________________________________________

    Instituição: __________________________________________________________________

  • DEDICATÓRIA

    A todas as crianças vítimas de queimaduras e familiares que

    participaram deste estudo, pela contribuição especial e

    disponibilidade em compartilhar suas histórias. Vocês são

    grandes exemplos de vida e de superação!

    A minha mãe, Rosa, que foi a principal colaboradora da minha

    formação pessoal e profissional. Agradecida por tudo! Sem

    você, eu não teria chegado até aqui!

    A Gê e Gi, minhas ir(mães); Fábio e Robson, meus cunhados; e

    Caique, Bi, Bea e Fe, meus sobrinhos queridos, que, mesmo

    distantes, sempre me apoiaram com muito carinho e

    iluminaram o meu caminho.

    A todos os meus amigos que me deram força durante a esta

    caminhada. Um agradecimento especial à Michelle e Andressa,

    que foram amigas-anjos me abençoando com a verdadeira

    amizade em bons e maus momentos deste difícil percurso.

    Amo todos vocês.

  • AGRADECIMENTOS

    Ensinava com insistência: em lugar de “muito obrigado”, devemos dizer “agradecido” e

    em vez de “por favor”, devemos usar “por gentileza”, porque ninguém é obrigado a

    nada e devemos ser gentis uns com os outros e nos relacionar por amor, e não por favor.

    (José Datrino, o Profeta Gentileza)

    Gostaria de dizer que sou muito agradecida:

    A Deus, por ter me dado o dom de conseguir trabalhar com crianças, e em especial, força

    para lidar com tanta dor e sofrimento causados pela queimadura. Sou grata por ter essa

    oportunidade de aprender a ser uma pessoa melhor ao conviver com as experiências de vida

    de outras pessoas.

    À Profa. Dra. Lucila Castanheira Nascimento, por dividir seus conhecimentos comigo,

    servir de exemplo de vida e me incentivar desde o primeiro dia que me acolheu.

    À Profa. Dra. Márcia Maria Fontão Zago, por compartilhar sua imensa sabedoria,

    colaborando muito para a construção desta obra e pela presença no exame de qualificação e

    banca da defesa desta tese.

    À Profa. Dra. Regina Aparecida Garcia de Lima, pelas sugestões no exame de qualificação

    e presença na banca da defesa desta tese.

    Ao Prof. Dr. Jayme Adriano Farina Junior, pelos ensinamentos teórico-práticos acerca dos

    aspectos do cuidado das queimaduras e pela disponibilidade em participar da banca de

    defesa desta tese.

  • Ao Prof. Dr. Edemilson Antunes de Campos, pela disponibilidade em participar da banca de defesa desta tese.

    À Profa. Dra. Lídia Aparecida Rossi e as companheiras do GIRQ Raquel Pan, Natália

    Gonçalves, Marina Caltran e Noélle Oliveira, pela oportunidade de trabalharmos em

    conjunto e aprendermos mais sobre a temática das queimaduras.

    À Camila Bernardes e Juliane Azevedo, por me auxiliarem na transcrição dos dados.

    À Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (EERP-USP),

    pela minha formação profissional.

    A todos os profissionais da Unidade de Queimados do HCFMRP-USP, por dividirem

    comigo a jornada diária de cuidado aos pacientes vítimas de queimaduras e pelo apoio

    oferecido durante a realização deste trabalho. Em especial, à Michelle Daguano, Alessandra

    Cologna e ao Enéas Ferreira, enfermeiros-amigos, dos quais sem o suporte, compreensão e

    momentos de alegria, eu não teria conseguido finalizar esta tese.

  • Mais cultura, mais vida.

    Textos Judaicos

  • RESUMO

    PEDRO, I. C. S. Sentidos e significados da prevenção de queimaduras no ambiente doméstico, atribuídos por famílias de crianças vítimas de queimaduras: um estudo etnográfico. 2013. 193 f. Tese (Doutorado) - Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2013. Diversos tipos de acidentes envolvendo crianças e adolescentes acontecem no ambiente

    domiciliar e, dentre os principais, encontram-se as queimaduras. O objetivo desta pesquisa foi

    interpretar os significados atribuídos à prevenção de queimaduras pediátricas no ambiente

    doméstico, na perspectiva de crianças vítimas de queimaduras e suas famílias. Para tal,

    realizou-se estudo com abordagem metodológica qualitativa, fundamentado no referencial

    teórico da Antropologia Interpretativa e no método etnográfico. Após a aprovação pelo comitê

    de ética, tanto da instituição proponente quanto da coparticipante, foram convidadas a

    participar da pesquisa seis crianças vítimas de queimadura em ambiente doméstico, atendidas

    no Centro de Tratamento de Queimaduras do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina

    de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo e seus familiares, totalizando 20

    participantes. Para a coleta de dados, realizaram-se observações participantes, diário de

    campo, entrevistas em profundidade e a baseada na eliciação da fotografia, prioritariamente

    nos domicílios dos informantes e contexto hospitalar, no período de janeiro de 2012 a junho

    de 2013. Privilegiamos um engajamento prolongado no campo, com a coleta e a análise dos

    dados desenvolvidas concomitantemente. Procedeu-se à análise temática indutiva dos dados.

    Identificaram-se os códigos e quatro unidades de sentidos: Explicação para a ocorrência da

    queimadura, Identificação do perigo, Prevenção de queimaduras, Repercussões da

    queimadura, as quais serviram de base para a construção de três núcleos temáticos, que

    fornecem os significados: “Abrir o olho de verdade”: enxergando a possibilidade da

    queimadura, “Aqui dentro, não!”: o exercício do controle dentro de casa, e “Uma questão de

    cultura do jeitinho brasileiro”: partindo do “acidente que aconteceu” para a “mudança de

    hábito”. Os significados foram explicados pelo conceito antropológico da vulnerabilidade. O

    processo de prevenção de queimaduras no ambiente doméstico é muito amplo e necessita do

    envolvimento de