quÍmica - operação de migração para o novo data ...· título: química na formação do...

Download QUÍMICA - Operação de migração para o novo data ...· Título: Química na formação do cidadão

Post on 10-Dec-2018

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

QUM

ICA

QUMICA - 2008

Disciplina: QumicaProfessor PDE: AMBROSIO STRUGINSKI

Orientador: Jose Carlos Bianchi

IES: UTFPR

Artigo

Ttulo: Qumica na formao do cidado -Compreendendo tpicos de qumica para se tornar um cidado mais crticoPalavras-chave: Ensino de qumica para a cidadania, cotidiano, solues, solubilidade e misturas.Apresentao: Este trabalho, estudo das solues, tem como objetivo, analisar as concepes dos alunos do 2 ano do ensino mdio em relao ao tema solues e as formas como so construdas as representaes dentro de sala de aula. Aps a execuo do projeto, observou-se um resultado satisfatrio, onde os educandos demonstraram interesse no projeto e procuraram superar as dificuldades encontradas. A anlise do ps-questionrio mostra que os discentes, em sua maioria, perceberam a importncia de compreender conceitos qumicos relativos as solues e conseguem fazer uma associao com situaes problemas vivenciadas no seu dia-a-dia. Conclui-se, de maneira geral, que os alunos compreenderam que, para o aprendizado de qualquer contedo qumico se faz necessrio organizao e motivao.Produo Didtico-pedaggica

Ttulo: A relao entre o assunto solues e a vida cotidiana do educando.Palavras-chave: solues; cotidiano; cidado; rtulos.

Resumo: Considerando que o ensino da qumica deva-se referir participao do cidado na sociedade torna-se evidente que, para o indivduo efetivar a sua participao comunitria necessrio que ele dispusesse de informaes. Tais informaes so aquelas que esto diretamente vinculadas aos problemas sociais que o afetam, os quais exigem um posicionamento quanto ao encaminhamento de suas solues. O conhecimento qumico se enquadra nessas condies. Com o avano tecnolgico da sociedade h tempos existe uma dependncia muito grande com relao qumica. Essa utilizao vai desde o uso dirio de produtos qumicos, at as inmeras influncias e impactos no desenvolvimento da sociedade, em linhas gerais se refere a qualidade de vida do cidado. Neste sentido necessrio que as pessoas conheam como utilizar as substncias no dia-a-dia, bem como se posicionarem criticamente com relao aos efeitos dessas

1

QUMICA - 2008

substncias. O que pretende-se dizer que a prpria qumica no ensino mdio no pode ser ensinada como um fim em si mesmo, seno estaremos fugindo da maior aspirao da educao bsica, que assegurar ao indivduo a formao que habilitar a participar como cidado na vida em sociedade. Isto implica um ensino contextualizado, no qual o foco no pode ser o conhecimento qumico somente, mas sim o preparo e o exerccio consciente da cidadania. Ento presena da qumica no dia-a-dia das pessoas mais do que suficiente para justificar a necessidade de um cidado ser informado sobre qumica

Disciplina: QumicaProfessor PDE: ATAIDE GONCALVES

Orientador: Maria das Gracas Neves Correa

IES: Universidade Estadual do Norte do Paran

Artigo

Ttulo: ALCOOLISMO E TRANSITO: ENFOQUE PARA O ENSINO DA FUNO ALCOOL, DESPERTANDO INTERESSE PELA QUIMICA.Palavras-chave: lcool, Educao, Qumica, Pratica Pedaggica.

Apresentao: Este estudo foi proposto visando estabelecer uma relao entre ingesto de bebidas alcolicas e os acidentes de transito, atravs das aulas de Qumica Orgnica, especificamente nas Funes Orgnicas - Funo lcool, ministradas aos alunos da 3 srie do Ensino Mdio, do Colgio Estadual Prof. Mailon Medeiros EFMP. Objetivando despertar o interesse dos alunos do ensino mdio pelo aprendizado da Qumica, desenvolveu-se um Projeto de Implementao Pedaggica, utilizando-se as metodologias: Questionrio, Palestra, Visita Usiban e A.A. (Alcolicos Annimos) e Desenvolvimento da Produo Pedaggica Material Multimdia no laboratrio de informtica e de cincias, fundamentadas na capacidade que tem o aluno de se organizar e dominar os contedos, com motivao, interesse pessoal e profissional dando nfase a funo lcool. A disciplina de Qumica, espao de ensino e aprendizagem, dever nortear o seu olhar para a preveno ao uso e abuso de bebidas alcolicas e de acidentes de transito, garantindo a valorizao da vida. Os resultados deste trabalho so relevantes para a melhoria da qualidade do ensino atravs da construo do conhecimento adquirido de maneira simples e objetiva.Produo Didtico-pedaggica

Ttulo: lcool, Sociedade e Tecnologia

2

QUMICA - 2008

Palavras-chave: lcool, direo; transito; educao; qumica; trnsito

Resumo: Confeccionado para dar suporte aos professores, esse material constitudo por Slides que contextualiza o conhecimento sobre o lcool, enfatizando a importncia da informtica como valioso instrumento motivador para a sala de aula. Planejar e organizar contedos de forma que os alunos assimilem e aprendam, tem sido uma das preocupaes e dificuldades dos professores. Considerando que ao construir seu conhecimento o aluno tem um aprendizado mais eficaz, esse material didtico possibilita manipular e visualizar o contedo de forma simplificada e atrativa. Entendendo que as praticas pedaggicas dos professores so influenciadas pela forma de aprendizado dos alunos, esse material aborda conceitos e fundamentao terica sobre o lcool, inclusive sobre a legislao e aplicao desse produto, agregando o conhecimento do cotidiano com o conhecimento cientifico. A produo contemplada com uma Biblioteca que apresenta textos sugestivos, visando o aprofundamento e enriquecimento do contedo da Qumica Orgnica. As Pratica de Laboratrio propostas subsidiam na concretizao do aprendizado e tambm podem ser caracterizadas com forma de avaliao. Espera se que essa produo de Material Multimdia desperte maior interesse e compreenso dos Contedos da Qumica Orgnica.

Disciplina: QumicaProfessor PDE: CLOVIS ABEL GIULIAN

Orientador: Julio Murilo Trevas dos Santos

IES: UNICENTRO

Artigo

Ttulo: Objetos de aprendizagem para a TV pen drive

Palavras-chave: Objeto de aprendizagem colaborativa. Webquest. Televiso multimdia.Apresentao: Este trabalho teve como principal objetivo a criao e utilizao de um objeto de aprendizagem colaborativa (OAC) para a TV multimdia (TV pendrive), baseado no modelo educacional Webquest. Um segundo objetivo foi discutir contedos de Qumica Orgnica a partir de um tema da atualidade e/ou cotidiano (Tema Gerador). A interveno foi realizada em trs turmas de ensino mdio do Colgio Estadual Professor Agostinho Pereira, na cidade de Pato Branco, PR. Na interveno foram adotadas duas metodologias: em duas turmas utilizou-se o objeto produzido e um tema gerador; na terceira turma

3

QUMICA - 2008

aplicaram-se apenas aulas expositivas (tradicional). A partir da comparao das duas metodologias buscou-se avaliar o uso de tema gerador e do OAC para TV multimdia. Dos resultados comprovou-se que a metodologia diferenciada proporcionou uma melhor aprendizagem aos alunos. O OAC, em especfico, permitiu uma maior motivao ao aprendizado e a revelao e aperfeioamento de outras qualidades individuais tanto do professor quanto dos alunos.Produo Didtico-pedaggica

Ttulo: Objeto de aprendizagem para a TV pen drive

Palavras-chave: xisto; apresentao; vdeo; TV pendrive

Resumo: No existem objetos de aprendizagem desenvolvidos especificamente para a TV pendrive, assim est proposta destina-se a criar um roteiro para fazer efetivamente objetos prprios para ela e orientar os professores da rede como fazer a elaborao. Ento a produo do material didtico pedaggico feita neste sentido, o primeiro trabalho sobre o xisto, mas na sequncia farei outros dentro dessa metodologia.

Disciplina: QumicaProfessor PDE: DEJANETE SANTOS

Orientador: Orliney Maciel Guimaraes

IES: UFPR

Artigo

Ttulo: Abordagem por projeto no Ensino de Qumica: Um relato de experincia em uma escola pblica de Antonina-PRPalavras-chave: Ensino de Qumica, Abordagem por Projetos

Apresentao: No presente artigo apresentado um relato de experincia sobre o desenvolvimento de contedos de qumica na abordagem por projeto, realizado durante um semestre com alunos do 1o Ano do ensino mdio, procurando demonstrar a contribuio da Pedagogia de Projetos a partir do problema da poluio da gua do mar de Antonina. A partir de questes, atividades e tarefas tericas e prticas, assim como visita de campo que foram propostas no desenvolvimento do projeto, foi possvel efetivar a aprendizagem dos alunos. Pode-se dizer que com essa proposta de trabalho os alunos puderam construir relaes conceituais mais efetivas ou significativas.Produo Didtico-pedaggica

4

QUMICA - 2008

Ttulo: A Evoluo dos Modelos Atmicos

Palavras-chave: Qumica, ensino-aprendizagem, projeto

Resumo: A execuo da proposta de trabalhar o contedo estruturante Matria sua Natureza no 1 ano do ensino mdio, na abordagem por projetos visa a participao ativa dos alunos de forma interativa e autnoma. No primeiro momento ser proposta aos alunos uma questo essencial que no final da unidade Estrutura da Matria ou do desenvolvimento do projeto eles devem ser capazes de responder. Esta questo essencial deve introduzir idias amplas e persistentes englobando todos os assuntos, fazendo ponte entre diversas unidades. As respostas a essas perguntas no esto em um livro, elas despertam a ateno e desafiam os alunos a raciocinar, aplicar seus valores e interpretar suas experincias. As questes essenciais e relacionadas unidade apresentam os princpios bsicos da aprendizagem ajudando os alun