Mabe 2014 2017

Download Mabe 2014 2017

Post on 28-Nov-2014

4.488 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. Modelo de avaliao da biblioteca escolar 2014-2017 </li> <li> 2. Modelo de avaliao da biblioteca escolar 2014-2017 </li> <li> 3. Modelo de avaliao da biblioteca escolar: 2014-2017 Rede de Bibliotecas Escolares Ministrio da Educao e Cincia Travessa Terras de SantAna, 15 1250269 Lisboa http://www.rbe.mec.pt rbe@rbe.mec.pt novembro de 2013 PORTUGAL. Rede de Bibliotecas Escolares Modelo de avaliao da biblioteca escolar: 2014-2017 / coord. Elsa Conde, Paula Ocha, Rosa Martins ISBN 978972742365-1 CDU027.8 371.64 005.21 </li> <li> 4. Modelo de avaliao da biblioteca escolar 2014-2017 COORDENAO Elsa Conde Rosa Martins Paula Ocha </li> <li> 5. Sumrio Introduo.......................................................................................................................................................................................................7 1 Atualizao do Modelo de avaliao da biblioteca escolar...................................................7 2 Articulao do modelo de avaliao com o documento Programa Rede de Bibliotecas Escolares. Quadro estratgico 2014-2020 e com o referencial Aprender com a biblioteca escolar............................................................9 3 Descrio do modelo de avaliao............................................................................................................. 10 4 Metodologia de operacionalizao ............................................................................................................ 14 4.1 Aplicao do modelo de avaliao.................................................................................................. 14 4.2 Fases do processo de avaliao........................................................................................................ 16 4.3 Aplicao informtica de suporte avaliao...................................................................... 19 5 Relao da avaliao da biblioteca com a avaliao interna e externa da escola...................................................................................................................................................... 19 Domnios........................................................................................................................................................................................................ 21 A Currculo, literacias e aprendizagem.......................................................................................................... 22 B Leitura e literacia............................................................................................................................................................. 29 C Projetos e parcerias..................................................................................................................................................... 35 D Gesto da biblioteca escolar.............................................................................................................................. 41 Impactos por domnio de ao da biblioteca escolar................................................................................ 48 Perfis de desempenho................................................................................................................................................................... 50 Instrumentos de recolha de informao.................................................................................................................... 57 Plano de melhoria................................................................................................................................................................................ 66 Relatrio de execuo do plano de melhoria...................................................................................................... 70 Relatrio de avaliao da biblioteca escolar........................................................................................................ 73 Glossrio........................................................................................................................................................................................................ 79 Bibliografia................................................................................................................................................................................................... 80 </li> <li> 6. Introduo Without sufficient investment in skills, people languish on the margins of society, technological progress does not translate into productivity growth, and countries can no longer compete in an increasingly knowledge based global economy.1 Andreas Schleicher 1 Atualizao do Modelo de avaliao da biblioteca escolar A avaliao da biblioteca escolar consolidou-se, nos ltimos quatro anos, com a generalizao da aplicao do Modelo de avaliao da biblioteca escolar, que se revelou um instrumento orientador de boas prticas e indutor de uma cultura de avaliao. A atualizao do modelo de avaliao integra-se num plano de adaptao de final de ciclo avaliativo, previamente definido pelo Programa Rede de Bibliotecas Escolares (RBE). Baseia-se na anlise da informao e dos resultados recolhidos ao longo dos anos de implementao e tambm no conhecimento partilhado por painis de especialistas em avaliao, na auscultao da Inspeo-Geral da Educao e Cincia (IGEC), em estudos cientficos produzidos e em linhas de orientao publicadas por instituies responsveis por polticas nas reas da avaliao e das bibliotecas escolares. Esta atualizao tem como objetivo a adequao dos contedos e metodologias do modelo de avaliao s mudanas que se tm vindo a verificar no papel e no funcionamento das bibliotecas escolares: Alargamento das reas de interveno da biblioteca escolar; Adaptao e reforo do papel do professor bibliotecrio; Exigncia de formao para as literacias e para o sucesso das aprendizagens; 1 Sem o necessrio investimento em competncias, as pessoas definham nas franjas da sociedade, o progresso tecnolgico no se traduz em crescimento da produtividade e os pases deixam de conseguir competir numa economia global cada vez mais baseada no conhecimento. INTRODUO 7 </li> <li> 7. Evoluo nos modos, tecnologias e hbitos associados leitura, ao uso da informao e produo de conhecimento; Acompanhamento de medidas e projetos que contrariem a infoexcluso e o abandono escolar; Aproximao aos princpios e s metodologias de avaliao implementados nas escolas e noutras organizaes (CAF2 , EFQM3 , outros); Necessidade de melhoria da eficcia dos processos de gesto, planeamento e avaliao; Adequao dos contedos e das prticas das bibliotecas escolares aos normativos e linhas de orientao publicados pela RBE4. O documento mantm a estrutura, a organizao da informao e a intencionalidade pedaggica que o caraterizavam na anterior edio. Os domnios continuam a ser unidades parcelares de anlise e de avaliao. Correspondem s reas nucleares do trabalho da biblioteca a que se associam fatores crticos de sucesso e toda a informao relativa aos processos avaliativos que se lhes aplicam. Procurou-se, desta forma, garantir a coerncia geral do documento e a rentabilizao de uma cultura de avaliao baseada na familiarizao das bibliotecas com a sua aplicao. Definiram-se os contedos em cada domnio, ajustando-os a novas dimenses do trabalho da biblioteca escolar, com a transio de alguns itens para domnios diferentes. Cada domnio foi estruturado como um bloco nico, evitando-se a diviso em subdomnios. O nmero de indicadores foi substancialmente reduzido, num exerccio de simplificao e sntese que conduziu seleo dos que se consideraram mais representativos do trabalho e dos impactos da biblioteca. Esta configurao do contedo dos domnios procurou refletir as mudanas decorridas na vigncia do modelo, os resultados obtidos e os constrangimentos identificados atravs da anlise da informao recolhida e do acompanhamento das escolas. As alteraes mais significativas ocorrem ao nvel das metodologias de aplicao. 2 CAF (Common Assessment Framework) um modelo de autoavaliao do desempenho organizacional, especificamente desenvolvido para ajudar as organizaes do sector pblico dos pases europeus a aplicar as tcnicas da Gesto da Qualidade Total, melhorando o seu nvel de desempenho e de prestao de servios. 3 A EFQM (European Foundation for Quality Management) a entidade responsvel pelo Modelo de Excelncia. Este modelo tem funcionado ao longo dos ltimos vinte anos como estrutura de suporte para organizaes europeias e de todo o mundo desenvolverem uma cultura de excelncia, acederem a boas prticas, conduzirem a inovao e melhorarem os seus resultados. 4 Aprender com a biblioteca escolar: referencial de aprendizagens associadas ao trabalho da biblioteca escolar na Educao Pr-escolar e no Ensino Bsico; Programa da Rede de Bibliotecas Escolares. Quadro estratgico 2014-2020 8 MODELO DE AVALIAO DA BIBLIOTECA ESCOLAR 2014-2017 </li> <li> 8. Neste novo quadro, todos os domnios so objeto de avaliao em simultneo. A biblioteca continua a atribuir um nvel de desempenho a cada um deles, sendo o nvel final obtido pela mdia dos desempenhos parcelares em cada domnio. A conduo do processo de avaliao alterna anos de avaliao e anos destinados aplicao de planos de melhoria, elaborados a partir dos resultados obtidos. Estas mudanas permitem obter uma viso global sobre a qualidade do trabalho realizado e garantir a execuo das aes preconizadas nos planos de melhoria. O Programa RBE definir, no incio de cada ciclo, um conjunto de orientaes relativas ao universo de escolas a envolver no processo de avaliao, fornecer informaes sobre os resultados e acompanhar os processos de melhoria das bibliotecas, prestando particular ateno quelas que apresentem nveis de avaliao inferiores a 3. Cumprido um ciclo de aplicao do Modelo de avaliao da biblioteca escolar, espera-se que as modificaes agora introduzidas se traduzam numa melhoria, com influncia positiva na avaliao e no desempenho das bibliotecas. 2 Articulao do modelo de avaliao com o documento Programa Rede de Bibliotecas Escolares. Quadro estratgico 2014-2020 e com o referencial Aprender com a biblioteca escolar A atual edio do modelo de avaliao foi concebida em articulao com dois outros documentos criados pelo Programa RBE: Programa Rede de Bibliotecas Escolares. Quadro estratgico 2014-2020; Aprender com a biblioteca escolar: referencial de aprendizagens associadas ao trabalho da biblioteca escolar na Educao Pr-escolar e no Ensino Bsico. O referencial produzido pela RBE define um conjunto de padres de desempenho associados s literacias da leitura, dos mdia e da informao, essenciais aprendizagem e formao integral dos alunos, que cabe s bibliotecas escolares desenvolver. O documento visa promover a integrao de conhecimentos, capacidades e atitudes inerentes a estas literacias nas atividades formativas e curriculares desenvolvidas com a biblioteca, dotando-a dos meios de planeamento, operacionalizao e aferio de resultados necessrios a este objetivo. Trata-se, portanto, de um instrumento de trabalho ao servio da avaliao, facilitando a obteno de dados e evidncias que INTRODUO 9 </li> <li> 9. testemunham as aes da biblioteca nestas reas de interveno e atestam os seus impactos na formao global e nas aprendizagens dos alunos. O quadro estratgico produzido pela RBE define um conjunto de padres de qualidade para as bibliotecas escolares a atingir no horizonte temporal de 2014-2020, determinado pela Estratgia Europa 2020 que Portugal e o Ministrio da Educao e Cincia subscreveram. O estabelecimento destes padres, para os quais as bibliotecas devem progressivamente caminhar, serve de guia orientador do rumo a seguir, pressupondo uma ao coordenada e de compromisso entre o Programa RBE e as escolas/ bibliotecas. Os domnios do modelo de avaliao so, por isso, precedidos dos descritores do quadro estratgico indicativos do patamar de excelncia a atingir em cada domnio, pretendendo-se que, at ao final do ciclo avaliativo de 2014-2017, todas as bibliotecas avaliadas apresentem um nvel de avaliao igual ou superior a 3. At 2020, espera-se que as bibliotecas prossigam este percurso de melhoria, atingindo os padres definidos no quadro estratgico. 3 Descrio do modelo de avaliao O modelo de avaliao estrutura-se em quatro domnios que se relacionam com a ao, os resultados e os impactos da biblioteca escolar na prestao de servios, no desenvolvimento curricular e na promoo das competncias e aprendizagens dos alunos. Os domnios em avaliao so os seguintes: A Currculo, literacias e aprendizagem B Leitura e literacia C Projetos e parcerias D Gesto da biblioteca escolar Os domnios representam as reas essenciais que permitem que a biblioteca cumpra, de forma adequada, os pressupostos e objetivos que suportam a sua atividade no processo educativo. Cada domnio integra um conjunto de indicadores representativos da ao da biblioteca. Estes indicadores respeitam a aspetos essenciais de interveno dentro do respetivo domnio, permitindo a aplicao de elementos de medio que iro possibilitar uma apreciao sobre a qualidade da biblioteca. 10 MODELO DE AVALIAO DA BIBLIOTECA ESCOLAR: 2014-2017 </li> <li> 10. A. Currculo, literacias e aprendizagem B. Leitura e literacia A.1 Apoio ao currculo e formao para as literacias da informao e dos mdia. B.1 Criao e promoo da competncia leitora e de hbitos de leitura. A.2 Uso das tecnologias e da Internet como ferramentas de acesso, produo e comunicao de informao e como recurso de aprendizagem. B.2 Atividades e projetos de treino e melhoria das capacidades associadas leitura. C. Projetos e parcerias D. Gesto da biblioteca escolar C.1 Desenvolvimento de atividades e servios colaborativos com outras esc...</li></ul>