hidrأپulica aplicada ii hidrأپulica aplicada ii parte i hidrologia ipb -l. e.civil hidrأ،ulica...

Download HIDRأپULICA APLICADA II hidrأپulica aplicada ii parte i hidrologia ipb -l. e.civil hidrأ،ulica aplicada

If you can't read please download the document

Post on 14-May-2020

0 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    1IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    HIDRHIDRÁÁULICA APLICADA IIULICA APLICADA II

    PARTE IPARTE I

    HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    2IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    SUMSUMÁÁRIORIO

    HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    1.1. GENERALIDADESGENERALIDADES

    2.2. CICLO HIDROLCICLO HIDROLÓÓGICOGICO

    3.3. BACIA HIDROGRBACIA HIDROGRÁÁFICAFICA

    4.4. PRECIPITAPRECIPITAÇÇÃOÃO

    5.5. INTERCEPINTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO

    6.6. ESCOAMENTO DE SUPERFESCOAMENTO DE SUPERFÍÍCIECIE

  • 2

    3IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    IntercepIntercepççãoão

    Quantidade de precipitação que é retida pelas copas de árvores (folhas, ramos e troncos), pela manta morta vegetal, pelos telhados, estradas, etc. e retorna à atmosfera por evaporação, sendo assim impedida de atingir o solo.

    J = C+L R = P-J = P-(C+L) C = P-(T+S) L = (T+S)-R

    - Nas zonas urbanizadas ter em conta a parcela da precipitação que fica retida nos telhados, nas estradas, etc.

    4IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    IntercepIntercepççãoão

    J=J=CC++LL

    C C –– IntercepIntercepçção pelas copasão pelas copas

    L L –– IntercepIntercepçção pela manta mortaão pela manta morta

    J J –– IntercepIntercepçção totalão total

  • 3

    5IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    IntercepIntercepççãoão

    R=R=PP--J=J=PP--((CC++LL)) R R –– PrecipitaPrecipitaçção eficazão eficaz

    P P –– PrecipitaPrecipitaççãoão

    L L –– IntercepIntercepçção pela manta mortaão pela manta morta

    C C –– IntercepIntercepçção pelas copasão pelas copas

    6IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    IntercepIntercepççãoão

    R=PR=P--J=PJ=P--(C+L)(C+L)

    L L –– IntercepIntercepçção pela manta mortaão pela manta morta

    R R –– PrecipitaPrecipitaçção eficazão eficaz

    P P –– PrecipitaPrecipitaççãoão

    C C –– IntercepIntercepçção pelas copasão pelas copas

  • 4

    7IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    IntercepIntercepççãoão

    Capacidade de retenCapacidade de retençção ão - volume total de água retida nas cavidades da bacia e nas camadas subterrâneas; corresponde pois à água não escoada nem perdida (Rt,Rt’).

    -- PrecipitaPrecipitaçção eficazão eficaz

    R = P – (C+L) - Rt + Rt’

    Q

    Área=S

    Q

    t

    ( )

    S V

    S

    dttQ R

    t

    == ∫ 0

    8IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    IntercepIntercepççãoão

    C=PC=P--(T+S)(T+S)

    S S –– Escoamento pelos troncosEscoamento pelos troncos

    C C –– IntercepIntercepçção pelas copasão pelas copas

    P P –– PrecipitaPrecipitaççãoão

    T T –– PenetraPenetraççãoão

    C C –– IntercepIntercepçção pelas copasão pelas copas

  • 5

    9IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    IntercepIntercepççãoão

    L=(T+S)L=(T+S)--RR

    S S –– Escoamento pelos troncosEscoamento pelos troncos

    LL–– IntercepIntercepçção pela manta mortaão pela manta morta

    T T –– PenetraPenetraççãoãoL L –– IntercepIntercepçção pela manta mortaão pela manta morta

    10IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    EvaporaEvaporaççãoão

    EvaporaEvaporaççãoão - designa o conjunto de fenómenos de carácter puramente físico que transformam a água líquida em vapor de água.

  • 6

    11IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    EvaporaEvaporaççãoão

    Ocorre quando algumas moléculas de líquido aquecidas atingem uma energia cinética suficiente para vencer a tensão superficial e assim se libertarem da superfície do líquido.

    Para haver evaporação é necessário: - Energia;

    - Diferença de tensão de vapor entre a camada vizinha da superfície da água e a atmosfera;

    - Vento.

    12IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    A energia provém da radiação solar, do calor transportado pela atmosfera, ou da chegada de água quente (esgotos urbanos, águas de refrigeração das centrais eléctricas ou processos químicos, etc.).

    A tensão do vapor é influenciada pela temperatura do ar, pela pressão atmosférica e pela humidade.

    O vento desloca a camada de ar saturado para zonas não saturadas, para que a evaporação continue.

    Para além destas características, haverá que ter em conta o calor armazenado pela própria massa de água que varia do Verão para o Inverno.

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    EvaporaEvaporaççãoão

  • 7

    13IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    EvaporaEvaporaççãoão

    ESTADO DA ESTADO DA ATMOSFERAATMOSFERA

    ESTADO DA ESTADO DA SUPERFSUPERFÍÍCIECIE

    EVAPORANTEEVAPORANTE

    - Estado higrométrico do ar

    - Temperatura

    - Insolação

    - Velocidade e turbu. do vento

    - Pressão atmosférica

    - Toalhas de água:extensão e

    profundidade

    - Solo: água na camada superfi.

    - Vegetação: transpiração

    Factores que condicionam a evaporaFactores que condicionam a evaporaççãoão

    14IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    EvaporaEvaporaççãoão

    Região Evaporação média anual em mm

    1 - Regiões tropicais 1500 a 3000 2 - Lago Tchad ( H - 4 a 5 m) 2260 3 - França 660 a 700 4 - Sul da França e Espanha 1000 a 1500 5 - Itália 1200 6 - Noroeste da Alemanha e Polónia 450 a 700 7 - Lagos da Suécia meridional 600 8 - Lago de Ercé 835 9 - Lagos Michigan e Huron 643 10 - Lago de Genebra 650 11 - Mar Morto 2400 12 - Lagos de montanha dos Alpes 200 13 - Lagos da Russia 400 14 - Lagos da Ásia média 1500 a 1600

    Região Evaporação média anual em mm

    1 - Regiões tropicais 1500 a 3000 2 - Lago Tchad ( H - 4 a 5 m) 2260 3 - França 660 a 700 4 - Sul da França e Espanha 1000 a 1500 5 - Itália 1200 6 - Noroeste da Alemanha e Polónia 450 a 700 7 - Lagos da Suécia meridional 600 8 - Lago de Ercé 835 9 - Lagos Michigan e Huron 643 10 - Lago de Genebra 650 11 - Mar Morto 2400 12 - Lagos de montanha dos Alpes 200 13 - Lagos da Russia 400 14 - Lagos da Ásia média 1500 a 1600

    ORDEM DE GRANDEZA DA EVAPORAORDEM DE GRANDEZA DA EVAPORAÇÇÃO MÃO MÉÉDIA ANUAL EM DIA ANUAL EM

    GRANDES LAGOS OU ALBUFEIRASGRANDES LAGOS OU ALBUFEIRAS

  • 8

    15IPB - L. E.Civil - Hidráulica Aplicada II José L. S. Pinho - Univ. Minho

    5. INTERCEP5. INTERCEPÇÇÃO, EVAPORAÃO, EVAPORAÇÇÃO E EVAPOTRANSPIRAÃO E EVAPOTRANSPIRAÇÇÃOÃO HIDROLOGIAHIDROLOGIA

    EvaporaEvaporaççãoão

    Mês Evaporação mensal - mm

    Novembro 23 Dezembro 12 Janeiro 15 Fevereiro 2

Recommended

View more >