folha regional de cianorte - edição 853

Download Folha Regional de Cianorte - Edição 853

Post on 07-Mar-2016

239 views

Category:

Documents

6 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Edição 853 da Folha Regional de Cianorte com circulação na Quarta-feira, 27 de novembro de 2013

TRANSCRIPT

  • Quarta-feira, 27 de Novembro de 2013 - Ano 12 - Edio 853 - R$ 2,00Fone: (44) 3018-2015 - Site: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com

    Governo Municipal cobra dos bancos agilidade no atendimento Tempo mximo de espera de 20 minutos em dias normais e 30 minutos em vspera ou aps feriados

    Muitos consumidores tm procurado o Procon de Cianorte para recla-mar da demora do aten-dimento em bancos do municpio. Para solucio-nar o problema, o prefei-to Bongiorno, juntamen-te com o presidente do Legislativo, Dad, con-vocou uma reunio com gerentes de agncias bancrias, na ltima se-gunda-feira (25).

    A conduta dos bancos contraria as disposies do Cdigo de Defesa do Consumidor e da lei muni-cipal n 2.193/2001, por desrespeitar vrios direi-tos ali previstos, entre os quais submeter o consu-midor a tempo de espera em filas que chegam a ul-trapassar uma hora, ex-plicou a coordenadora do Procon, Aline Motta.

    Conforme o Procura-dor Jurdico do munic-pio, Agnaldo Damasceno, a lei clara ao afirmar que as agncias so obri-gadas a manter disposi-o dos usurios, pessoal suficiente, em especial no setor de caixas, para que o atendimento ao cliente seja efetivado em tempo razovel. Pg. 8O prefeito Bongiorno e o presidente do Legislativo, Dad, durante reunio com gerentes de agncias bancrias, na ltima segunda-feira

    BOLSA-AUXLIOEscolas de Cianorte

    recebem o espetculo Heris da

    Reciclagem

    Alunos da rede

    municipal participaro do Proerd

    Os Heris da Recicla-gem, personagens de-senvolvidos pela Sanepar para o projeto de educa-o ambiental, comeam a se apresentar nas escolas de Cianorte. A primeira a receber o espetculo foi a Escola Municipal Castro Al-ves, nesta tera-feira (26). At o dia 6 de dezembro, a pea teatral percorrer 11 escolas municipais e trs particulares. Pg. 2

    O ano de 2013 est che-gando ao fim, mas j es-to a todo o vapor os pre-parativos e projetos que iro compor o prximo ano letivo na rede municipal. Nesta semana, uma reu-nio entre representantes do Governo Municipal e da Polcia Militar firmou parce-rias para o desenvolvimen-to do Proerd. Pg. 8

    Adolescentes vo receber incentivo para atuar como

    Agentes de CidadaniaPg. 2

    CAFE Futsal Feminino est fora dos Jogos Abertos do PR

    Pg. 8

    Prefeito Valter Peres vai

    Braslia em busca de recuros

    Pg. 3

  • Ed. n 853 - Quarta-feira, 27 de Novembro de 2013 - Fone: (44) 3018-2015 - Website: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com - Av. Brasil, 1167 - Sl. 03

    CuritibaagnCia Estadual

    O secretrio estadual da Agricultura e do Abas-tecimento, Norberto Or-tigara, fez uma palestra para cerca de 200 produ-tores rurais no municpio de Rio Negro, regio Sul do Estado, durante o Semin-rio Agricultura do Futuro.

    Ortigara foi regio Sul do Estado, tpica produto-ra de fumo, para apoiar a produo de fumo, ale-gando que uma cul-tura to lcita quanto s demais. No fazemos a apologia do fumo, mas defendemos os agriculto-res e a boa relao deles com as indstrias. O que preciso acrescentou diversificar a proprieda-de para que o agricultor no corra riscos concen-trando seu trabalho em apenas uma cultura.

    O secretrio deixou claro que o agricultor do futuro, por menor que seja, ser aquele que vai se profissionalizar, bus-car cada vez mais conhe-cimento para a correta aplicao das tecnologias disponveis no mercado e que vai adotar a agricul-tura como qualquer outra profisso, onde tem que se aperfeioar sempre para obter renda.

    O seminrio Agricultura do Futuro foi promovido pela prefeitura de Rio Ne-gro e empresas da regio, e contou com a partici-pao do prefeito de Rio Negro, Milton Jos Paiza-ni, do gerente nacional de produo agrcola da Sou-za Cruz, Helio Moura, e do gerente regional da Ema-ter para a regio de Curiti-ba, Sergio Guarienti.

    PROPRIEDADES Em visita a duas pro-

    priedades de agriculto-res familiares na regio,

    Norberto Ortigara cons-tatou a diversificao e a evoluo na produo de fumo e a capacida-de de gerao de renda em cada uma delas. An-tes a atividade trazia ris-cos sade do agricultor, com aplicaes inadequa-das de agrotxicos, sem qualquer proteo. Hoje, o produtor adota os cui-dados recomendados pela indstria, no deixa os produtos disponveis na propriedade ao alcance principalmente das crian-as e aplica os produtos somente quando h dano econmico cultura.

    A primeira propriedade visitada foi da famlia Ma-zur, em Campo do Tenen-te. Numa rea de 67 hec-tares vive Aleixo Mazur e seis filhos. Eles produzem tabaco, soja, milho, feijo, leite, ovos e tambm reflo-restamento. A receita bru-ta anual est estimada em R$ 407,4 mil, sendo que as atividades mais rentveis atualmente so o fumo, a granja e recentemente o leite, que melhorou de preo, disse Aleixo Mazur.

    O plantio de tabaco ocupa uma rea de 2,2 hectares e produz uma receita anual bruta de R$ 67 mil. Nas demais ativi-dades, so produzidas na propriedade 12 mil ovos por dia com um plantel com 17 mil galinhas, que proporcionam um fatura-mento bruto anual de R$ 192 mil. O rendimento da soja de 54 sacas por hectare; do feijo de 41 sacas por hectare e o leite de 140 litros por dia com um plantel de 34vacas.

    Com esses resultados, Mazur falou da sua sa-tisfao de manter todos os filhos na propriedade, sendo que cada um tem sua casa individual na propriedade e todos cons-tituram famlia, disse.

    CuritibaagnCia Estadual

    A Secretaria da Famlia e Desenvolvimento Social est implantando uma bolsa-auxlio para ado-lescentes que vo atu-ar como Agentes de Ci-dadania nos Centros da Juventude do Paran. A iniciativa acontecer ini-cialmente em Almiran-te Tamandar, Campo Largo, Lapa, Pinhais, Pi-raquara e So Jos dos Pinhais. Sero 240 me-ninos e meninas - 40 em cada municpio - que re-cebero R$150,00 por ms para dedicarem 10 horas semanais reali-zao de atividades de convivncia, formao e cidadania. Em 2014, a ao ser ampliada para todos os Centros da Ju-ventude do Paran.

    A secretria da Famlia e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, explica que o objetivo da ao oportunizar a participao social e cidad dos ado-lescentes e jovens e a in-cluso sociocultural, prio-ritariamente para famlias em situao de vulnerabi-lidade e risco social. As atividades desenvolvidas diretamente na comuni-dade onde eles moram geram um senso de per-tencimento fundamental

    Escolas de Cianorte comeam a receber espetculo teatral Heris da Reciclagem

    Escolas que recebero os espetculos em 2013: ESCOLA MUNICIPAL CASTRO ALVES 26/11 Manh 09h45 Tarde 13h30

    ESCOLA MUNICIPAL JARDIM AEROPORTO 27/11 Manh 10h15 Tarde 14h00

    ESCOLA MUNICIPAL DOM JOO BOSCO 28/11 Manh 09h45 Tarde 13h30 COLGIO DRUMMOND 28/11 Tarde 16h30

    ESCOLA MUNICIPAL JORGE MOREIRA DA SILVA 29/11 Manh 08h00 Tarde 13h30

    ESCOLA M. GONALO MORENO GUTIERREZ 2/12 Manh 09h45 Tarde 13h30 ESCOLA ADVENTISTA 2/12 Tarde: 16h30

    ESCOLA MUNICIPAL LIDIA USUY OHI 3/12 Manh 09h45 Tarde 13h30

    CEC CENTRO EDUCACIONAL DE CIANORTE 3/12 Tarde - 16h30

    ESCOLA MUNICIPAL MARIA MONTESSORI 4/12 Manh 09h45 Tarde 13h30

    ESCOLA MUNICIPAL OVDIO LUIZ FRANZONI 5/12 Manh 10h15 Tarde 13h30

    ESCOLA MUNICIPAL VICENTE MACHADO 6/12 Manh 09h45 Tarde 13h30

    Alunos da Escola Castro Alves foram os primeiros a assistir a pea. Espetculo vai percorrer outras escolasCuritibaagnCia Estadual

    Os Heris da Recicla-gem, personagens de-senvolvidos pela Sanepar para o projeto de educa-o ambiental, comeam a se apresentar nas esco-las de Cianorte. A primei-ra a receber o espetcu-lo foi a Escola Municipal Castro Alves, nesta ter-a-feira (26). At o dia 6 de dezembro, a pea tea-tral percorrer 11 escolas municipais e trs parti-culares. S neste ano, as apresentaes sero leva-das a aproximadamente 6 mil alunos.

    Em 2014, logo depois do perodo de frias es-

    colares, as apresenta-es sero reiniciadas. O espetculo ser levado a um total de 17 mil alunos de 53 escolas da cida-de. As crianas recebero ainda o gibi dos Heris da Reciclagem e um jogo de memria.

    A apresentao tem nfase na coleta seleti-va do lixo e dirigida a crianas em idade esco-lar. O objetivo do projeto conscientizar a popula-o sobre a importncia de separar o lixo orgni-co do reciclvel. O proje-to de educao ambien-tal ser reforado com anncios em jornais, mensagens nas rdios, outdoors e busdoors.

    At o dia 6 de dezembro, a pea teatral percorrer 11 escolas municipais e trs particulares

    Adolescentes vo receber incentivo para atuar como

    Agentes de Cidadaniapara a transformao da realidade e para que, jun-to com comunidade, es-crevam uma nova hist-ria, disse Fernanda.

    Para participar do pro-grama os adolescentes e jovens em situao de vulnerabilidade e ris-co social devem ter en-tre 14 e 18 anos, renda familiar per capta de at um salrio mnimo e es-tar matriculado no siste-ma de ensino. Todas as atividades desenvolvidas por eles sero acompa-nhadas por profissionais que atuam nos Centros da Juventude.

    A bolsa-auxlio para os Agentes de Cidadania foi aprovada pelo Conselho Estadual dos Direitos da Criana e do Adolescente (Cedca), que deliberou R$

    2 milhes do Fundo Esta-dual para Infncia e Ado-lescncia (Fia) para reali-zao da ao.

    IMPLANTAO A implantao da bol-

    sa-auxlio para municpios da Regio Metropolita-na de Curitiba foi trata-da na ltima quinta-feira (21) em reunio tcnica entre a Coordenao de Proteo Social Bsica e o Escritrio Regional de Curitiba da Secretaria da Famlia, com os seis mu-nicpios que recebero o programa na fase inicial. O andamento dos proces-sos administrativos para o incio dos pagamentos prev que os primeiros repasses devem aconte-cer em dezembro, confor-me consta em lei.

    Centro da Juventude de Borda do Campo

    Secretrio diz que futuro da agricultura est na diversificao

    Curiti