folha regional de cianorte - edicao 679

Download Folha Regional de Cianorte - Edicao 679

Post on 08-Mar-2016

255 views

Category:

Documents

30 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

edicao 679 da folha regional de cianorte com circulacao em 25 de abril de 2013

TRANSCRIPT

  • Curso prepara professores para avaliao psicopedaggica de alunos

    Pg. 8

    Quinta-feira, 25 de Abril de 2013 - Ano 12 - Edio 679 - R$ 2,00Fone: (44) 3018-2015 - Site: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com

    Governo e servidores vo

    criar novo plano de sade

    Pg. 2

    O Paran Competitivo um marco na histria da industrializao do Es-tado, na avaliao do se-cretrio da Fazenda, Luiz Carlos Hauly. Ele adiantou que o momento o pro-grama j atraiu 120 em-presas, responsveis por investimentos da ordem de R$ 20 bilhes e a gera-o de 136 mil empregos diretos. Ao falar sobre o programa, nesta tera--feira (23), para auditores fiscais da Receita Estadu-al, durante a abertura do III Seminrio do Fisco Pa-

    ranaense, Hauly enfatizou que o Governo tem obti-do sucesso em levar em-preendimentos para to-das as regies. Do total de investimentos atrados para o Paran at agora, 33% se situam em Curiti-ba e regio metropolitana, enquanto 67% esto dis-tribudos pelo interior do Estado, informou. Para ilustrar o propsito do Go-verno Beto Richa, o secre-trio da Fazenda disse que o maior investimento por empresa o da Klabin, em Ortigueira. Pg. 2

    Paran registra o maior volume de investimento industrial da histriaParan Competitivo j atraiu 120 empresas, responsveis por investimentos da ordem de R$ 20 bilhes

    Governador Beto Richa assina protocolo de intenes para instalao da fbrica de processamento de milho

    Em sua estada em Curi-tiba, o vereador Natal Reis (PPS) esteve no gabinete do deputado estadual Jo-nas Guimares (PMDB). Na oportunidade ele rei-vindicou projetos que jul-ga importante para Cia-norte e os distritos. Pg. 3

    natal reis faz reivindicaes ao deputado Jonas guimares

    Intercambistas do Distrito Rotrio 4940, que engloba estados da Argentina e do Uruguai, visitaram o prefeito Bon-giorno. Alm de conhecer detalhes do municpio, os hermanos puderam tro-car experincias. Pg. 8

    Bongiorno recebe intercambistas uruguaios e argentinos

    diretoria decide por ingresso promocional na ltiam rodada

    O jogo decisivo para o Cianorte. Neste do-mingo o time recebe o j rebaixado Nacional de Rolndia no Estdio Albi-no Turbay, a partir das 16 horas. Um simples empa-te livra o time do rebaixa-mento independente de

    qualquer resultado de Pa-ranava e do Rio Branco. Pelo sim, pelo no a dire-toria do Leo do Vale deci-diu estabelecer preo pro-mocional para este jogo. O preo ser nico de R$ 10. Queremos que o Albi-no Turbay esteja lotado e

    nos ajude a permanecer na Diviso de Elite, destaca o presidente Marco Franzato. E motivao no falta. Afi-nal o Cianorte passou para a segunda fase da Copa do Brasil e agora enfrenta o Atltico-GO em data a ser definida. Pg. 3

    O Deputado Estadual Jo-nas Guimares esteve nes-ta tera-feira (23) reunido em audincia com o Secre-trio de Segurana Pblica Cid Vasques. Na oportuni-dade mais uma vez Jonas Guimares solicitou ao se-

    cretrio que seja agilizada a criao do Batalho da Polcia Militar em Cianorte. Alm do batalho, Jonas tambm falou da criao da Subdiviso da Polcia Ci-vil e sobre a companhia de Corpo de Bombeiros. Pg. 4

    Jonas guimares continua lutando pelo Batalho de Polcia militar de Cianorte

    Cerca de 80 produtores participaram de reunio no salo paroquial da Igreja do distrito de So Louren-o, oportunidade em que tcnicos da Emater-PR e do Sicredi apresentaram o resultado de parceria en-tre as duas instituies para auxiliar micro, pe-quenos e mdios agricul-tores. A parceria conta com a participao da Amafil - uma das maiores inds-trias de farinha de mandio-ca e de derivados do Noro-este do Paran e ainda da Prefeitura por meio da Se-cretaria Municipal de Meio Ambiente. Pg. 8

    emater faz parceria com sicredi para

    favorecer agricultores de so loureno

    A tarde foi movimenta-da no plenrio da Cmara de Vereadores de Cianorte nesta quarta-feira. Dentis-tas e atendentes do CEO (Centro de Atendimento Odontolgico) atenderam dezenas de pessoas vindas das cidades de Jussara, Terra Boa. So Tom, Ta-pejara, So Manoel do Pa-ran e Japur. Logo aps o almoo elas participa-ram de palestra sobre to-dos os procedimentos dis-ponveis pelo CEO quanto a implantes dentrios pelo SUS. Depois os pacien-tes fizeram cadastro com agendamento. Pg. 8

    Ceo faz agendamento para implantes dentrios de pacientes em toda a regio

    O deputado federal Zeca Dirceu entregou ofcio, na ltima semana, ao MDA Ministrio do Desenvolvi-mento Agrrio, solicitando agilidade na entrega das retroescavadeiras para os municpios do noroeste do Paran. O parlamentar tambm levou o pedido de vrios prefeitos da regio, diretamente aos cuidados da Ministra Chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, em funo de muitos deles te-rem decretado situao de emergncia, devido ao gran-de volume de chuvas duran-te o ltimo ms. O investi-mento do Governo Federal faz parte PAC2. Pg. 4

    Zeca dirceu solicita agilidade

    na entrega de mquinas

    agrcolas para o noroeste

    Paran inicia vacinao de 4,4 milhes de bovinos e bubalinos contra aftosa

    O Governo do Paran lana a primeira etapa da campanha de vacinao contra a febre aftosa na tera-feira (30), em Ma-rechal Cndido Rondon, Oeste do Estado. Para os produtores, a vacinao comea na quarta-fei-ra (1.) e se estende at o dia 31. O secretrio da Agricultura, Norberto Orti-gara, e o diretor-presiden-te da Adapar, Incio Afonso Kroetz, participam da sole-nidade e acompanham a demonstrao do novo sis-tema de comprovao de vacinao on-line. Pg. 3

    Roraty Cinturo Verde faz jantar

    em parceria com o Provopar

    Pg. 3

    Foto: Arquivo AEN

  • Ed. n 679 - Quinta-feira, 25 de Abril de 2013 - Fone: (44) 3018-2015 - Website: www.folharegionaldecianorte.com - E-mail: folhadecianorte@gmail.com - Av. Brasil, 1167 - Sl. 03

    CuritibaagnCia Estadual

    Cerca de 40 mil parana-enses que no pagaram mul-tas vencidas at dezembro de 2011- e j esgotaram todos os recursos de defesa disponveis - esto recebendo notificaes do Departamento de Trnsito do Paran (Detran). So mais de 74 mil infraes no pa-gas no Estado, que somam R$ 22,5 milhes em dbitos.

    Esse recurso deixa de ser investido em melhorias nas estradas, sinalizao urbana, equipamentos policiais, pro-gramas e campanhas de edu-cao para o trnsito. A multa serve para punir e educar os motoristas que desrespeitam as leis de trnsito e a arreca-dao revertida em benefcio de todos, explica o diretor-ge-ral do Detran, Marcos Traad.

    Como podem ser executa-das judicialmente e resultar em bloqueio de bens e dificul-tar a obteno de crdito, por exemplo, o Detran primeiro inscreve os valores no Cadas-tro de Dvida Ativa, permitindo que os devedores regularizem sua situao antes do pro-cesso judicial e sem reajuste. Depois desta fase, os valores so corrigidos pelo ndice Na-cional de Preos ao Consumi-dor (INPC), mais 0,5% ao ano sobre o valor da multa.

    Apenas so inscritos no ca-dastro os dbitos considera-dos lquidos e certos, ou seja, aqueles em que j foram da-das as oportunidades de de-fesa do auto nas esferas ad-ministrativas competentes e houve imposio de penalida-de, dentro dos prazos previs-tos em lei. Sendo assim, no so aceitos recursos adminis-trativos questionando o auto de infrao que gerou a ins-crio. S possvel pedir a reviso da inscrio em Dvida Ativa por falta de notificao.

    CuritibaagnCia Estadual

    A audincia pblica, nes-ta quinta-feira (25/04), vai registrar as sugestes do Pa-ran para as mudanas na Lei de Execuo Penal (LEP 7.210/1984), em debate no Senado Federal. A audincia convocada pelo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Seo Paran, Juliano Jos Breda, e pela Secretria da Justia, Cidadania e Direi-

    tos Humanos, Maria Tereza Uille Gomes. A secretria nica paranaense a integrar a comisso de sete juristas, instalada pelo Senado Fede-ral, para apresentar suges-tes de alteraes na lei.

    Maria Tereza explica que necessrio aprimorar a exe-cuo das penas privativas de liberdade luz da Consti-tuio Federal de 1988, uma vez que a LEP de 1984. Esta uma tima oportuni-dade para a sociedade brasi-

    leira refletir, de forma serena e propositiva, sobre uma de suas maiores chagas: nosso sistema penitencirio, afir-ma ela.Todos os interessa-dos no tema esto convida-dos para a audincia pblica, s 9h, na sede da OAB/PR, Rua Brasilino Moura, 253, Ahu, em Curitiba. As suges-tes colhidas na audincia sero levadas Comisso Nacional de Juristas, na pr-xima semana, no Senado Fe-deral, em Braslia.

    CuritibaagnCia Estadual

    O Paran Competitivo um marco na histria da in-dustrializao do Estado, na avaliao do secretrio da Fazenda, Luiz Carlos Hauly. Ele adiantou que o momen-to o programa j atraiu 120 empresas, responsveis por investimentos da ordem de R$ 20 bilhes e a gerao de 136 mil empregos diretos.

    Ao falar sobre o progra-ma, nesta tera-feira (23), para auditores fiscais da Re-ceita Estadual, durante a abertura do III Seminrio do Fisco Paranaense, Hauly en-fatizou que o Governo tem obtido sucesso em levar em-preendimentos para todas as regies. Do total de investi-mentos atrados para o Para-n at agora, 33% se situam em Curitiba e regio metro-politana, enquanto 67% es-to distribudos pelo interior do Estado, informou.

    Para ilustrar o propsito do Governo Beto Richa, o se-cretrio da Fazenda disse que o maior investimento por em-presa o da Klabin, em Orti-gueira, com R$ 6,8 bilhes na indstria de celulose e mais R$ 1,2 bilho na mquina de cartes. Este o maior in-vestimento privado da hist-ria do Paran, acrescentou.

    Hauly enfatizou que as plantas industriais da Klabin iro beneficiar mais 11 muni-cpios prximos de Ortiguei-ra, na regio que concentra o menor ndice de desenvol-vimento humano (IDH) para-naense. Atrs do investimen-to industrial privado, iro as aes do governo estadual em educao, preparao de mo-de-obra, sade e segu-rana e