fisica m09 aluno

Download Fisica M09 Aluno

Post on 02-Aug-2015

962 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

PUERI DOMUSENSINO MDIO

FSICASaber fazer Saber fazer +

MDULO

9

2

Fsica

Saber fazer4. (UFJF-MG) Um estudante de Ensino Mdio, que costuma usar o computador para fazer pesquisas na internet, esquece o computador ligado durante 60 horas, em um final de semana. Sabendo-se que, nessa situao, a potncia eltrica dissipada pelo computador de 240 W, a energia desnecessariamente gasta enquanto o computador esteve ligado foi de: a) 4 kWh b) 14,4 W/h c) 4 J d) 14,4 kJ e) 14,4 kWh

1. (FAAP-SP) Uma casa possui 10 lmpadas, que permanecem acesas 6 horas por dia. Sendo de 100 watts a potncia eltrica de cada lmpada, a energia gasta num ms, em quilowatt-hora, de: a) 10 b) 30 c) 60 d) 120 e) 180

2. (PUC-RS) Apesar do amplo emprego do Sistema

Internacional de Unidades, algumas unidades do sistema ingls ainda so utilizadas, como, por exemplo, btu (btitish thernal unit). Usualmente, a potncia de aparelhos de ar-condicionado expressa em btu/h, sendo 1 btu/h = 0,293 w. Assim, um condicionador de ar de 15 000 btu/h emprega potncia aproximada de 4,40 kw e em 6,00 h a energia eltrica consumida ser: a) 26,4 kwh b) 36,2 kwh c) 48,5 kwh d) 75,1 kwh e) 94,3 kwh

5. Um circuito eltrico residencial tem os aparelhos

eltricos da tabela a seguir, onde aparecem suas potncias mdias. A ddp na rede de 110 V. Calcule a intensidade da corrente que circula nesse circuito quando todos os aparelhos esto ligados.Aparelho Lmpada Lmpada Chuveiro TV Geladeira Ferro Quantidade 4 2 1 1 1 1 Potncia (W) 60 100 4500 150 400 1000

3. (Mack-SP) Em uma certa residncia, existe um chu-

veiro eltrico (A) de indicao nominal (4 400 W / 6 600 W 220 V). Esse chuveiro possui uma chave reguladora que possibilita dispor-se de gua morna na posio "vero" e de gua mais quente na posio "inverno". Entretanto, existe tambm um outro chuveiro (B), de mesma finalidade, que possui a inscrio nominal (4 400 W / 6 600 W 110 V). Comparando-se o consumo de energia eltrica dos dois chuveiros, para dois banhos idnticos, conclumos que: a) o chuveiro A consome o dobro da energia eltrica consumida pelo chuveiro B. b) o chuveiro B consome o dobro da energia eltrica consumida pelo chuveiro A. c) o chuveiro A consome uma vez e meia a energia eltrica consumida pelo chuveiro B. d) o chuveiro B consome uma vez e meia a energia eltrica consumida pelo chuveiro A. e) os dois chuveiros consomem a mesma quantidade de energia.

6. (Vunesp-SP) Na instalao eltrica de uma casa, h

um disjuntor para proteger o circuito de um chuveiro eltrico. Sabendo que a potncia do chuveiro 2000 w e a tenso na rede 220 V, o valor em amperes, mais indicado para a corrente mxima do disjuntor deve ser aproximadamente igual a: a) 0,5 b) 1 c) 5 d) 10 e) 50

MDULO 9

3

7. (UFPE-PE) O grfico a seguir mostra a corrente eltri-

ca i em um elemento x, de um circuito eltrico, em funo da diferena de potencial U sobre o elemento x. Supondo que a resistncia eltrica deste elemento no dependa da diferena do potencial nele aplicada, determine a corrente eltrica, em amperes, que circularia se uma diferena de potencial de 96 V fosse aplicada ao elemento.

c) a voltagem e a corrente eram diretamente porporcionais e a constante de porporcionalidade representa a capacitcia dos condutores. d) a voltagem era inversamente proporcional corrente e a constante de proporcionalidade representa a resistncia dos condutores. e) a voltagem e a corrente eram diretamente proporcionais e a constante de proporcionalidade representa a resistncia dos condutores.

10. Uma lmpada comum, quando ligada em uma rede

8. (UEPA-PA) Os choques eltricos produzidos no corpo

humano podem provocar efeitos que vo desde uma simples dor ou contrao muscular, at paralisia respiratria ou fibrilao ventricular. Tais efeitos dependem de fatores como intensidade de corrente eltrica, durao, resistncia da poro do corpo envolvida. Suponha, por exemplo, um choque produzido por uma corrente de apenas 4 mA e a resistncia da poro do corpo envolvida seja 3 000 . Ento, podemos afirmar que o choque eltrico pode ter sido devido ao contato com: a) uma pilha grande de 1,5 V. b) os contatos de uma lanterna contendo uma pilha grande de 6,0 V. c) os contatos de uma bateria de automvel de 12 V. d) uma carga eltrica produzida por um raio num dia de chuva. e) os contatos de uma tomada de rede eltrica de 120 V.

de 220 V percorrida por uma corrente eltrica de intensidade 1,1 A. Considerando que o filamento da lmpada possa ser considerado hmico, pode-se dizer que sua resistncia eltrica e a corrente que a atravessa quando ligada em uma rede de 110V valem, respectivamente: a) 200 W e 0,55 A b) 200 W e 2,2 A c) 100 W e 1,1 A d) 100 W e 0,55 A e) 50 W e 1,1 A

11. (Fuvest-SP) Estuda-se como varia a intensidade i da

corrente que percorre um resistor, cuja resistncia constante e igual a 2 W, em funo da tenso U aplicada aos seus terminais. O grfico que representa o resultado das medidas : a)10 5 5 10 U (V) i (A)

b)

10 5

i (A)

5

10

U (V)

9. (UEM-PR) George Ohm realizou inmeras experin-

c)

cias com eletricidade, envolvendo a medio de voltagens e correntes em diversos condutores eltricos fabricados com substncias diferentes. Ele verificou uma relao entre voltagem e a corrente. Nesse experimento, Ohm concluiu que, para aqueles condutores: a) a voltagem era inversamente porporcional corrente e a constante de porporcionalidade representa a capacitncia dos condutores. b) a voltagem era diretamente porporcional segunda potncia da corrente e a constante de porporcionalidade representa a resistncia dos condutores.

10 5

i (A)

5

10

U (V)

d)

10 5

i (A)

5

10

U (V)

e)

10 5

i (A)

5

10

U (V)

4

Fsica

12. (Vunesp-SP) Um determinado componente eltrico

tem a equao caracterstica U = 5 i2 onde U a tenso eltrica aplicada em seus terminais (em volts) e i a corrente eltrica que o atravessa (em amperes). Para i = 2 A, a resistncia eltrica deste componente vale: a) 5 W b) 10 W c) 20 W d) 12 W e) 2,5 W

D

D

a) b) c) d) e)

R 1 = R' 4 R 1 = R' 8 R 1 = R' 2 R =4 R' R =2 R'

13. (UFMG-MG) O grfico a seguir mostra como varia atenso eltrica em um resistor mantido a uma temperatura constante em funo da corrente eltrica que passa por esse resistor.

15. (Fameca-SP) A figura a seguir representa as curvas

caractersticas de trs condutores: X, Y e Z. Analisando o grfico, verifica-se que:

Com base nas informaes contidas no grfico, correto afirmar que: a) a corrente eltrica no resistor diretamente proporcional tenso eltrica. b) a resistncia eltrica do resistor aumenta quando a corrente eltrica aumenta. c) a resistncia eltrica do resistor tem o mesmo valor, qualquer que seja a tenso eltrica. d) dobrando-se a corrente eltrica pelo resistor, a potncia eltrica consumida quadruplica. e) o resistor feito de um material que obedece lei de Ohm.

a) b) c) d)

14. (UEL-PR) Para variar a potncia dissipada por apare-

os trs condutores so hmicos. a resistncia eltrica de X 6 . a resistncia eltrica de Z de 0,25 . a potncia dissipada por Y de 150 W, quando submetido a uma tenso de 30 V. e) a potncia dissipada por Z de 4 W, quando submetido a uma tenso de 60 V.

lhos tais como chuveiro, aquecedores eltricos e lmpadas incandescentes so projetados resistores com diferentes resistncias eltricas. Em um projeto, um fio condutor de comprimento L e de dimetro da seo transversal D teve reduzidos metade tanto o seu dimetro quanto o seu comprimento (conforme est representado na figura). O que acontecer com a resistncia R do novo fio, quando compara resitncia R do fio original?

16. (UEL-PR) Deseja-se construir uma resistencia eltricade 1,0 W com um fio de constante de 1,0 mm de dimetro. A resistividade do material 4,8 107 W m e pode ser adotado como 3,1. O comprimento do fio utilizado deve ser, em metros: a) 0,40 b) 0,80 c) 1,6 d) 2,4 e) 3,2

MDULO 9

5

17. (UFSCar-SP) A resistncia eltrica de um fio de 300

m de comprimento e de 0,3 cm de dimetro de 12 W. A resistncia eltrica de um fio de mesmo material, mas com o dimetro de 0,6 cm e comprimento igual a 150 m, : a) 1,5 W b) 6 W c) 12 W d) 24 W e) nenhuma das anteriores.

cho

cho

18. (FEI-SP) Para diminuirmos a resistncia de um fio

condutor, devemos: a) aumentar seu comprimento. b) diminuir sua rea. c) trocar seu material por um de resistividade menor. d) trocar seu matrerial por um de resistividade maior. e) diminuir a camada isolante sobre o fio.

19. (PUC-SP) Dois fios condutores F1 e F2 tm comprimen-

tos iguais e oferecem passagem da corrente eltrica a mesma resistncia. Tendo a seco transversal do fio F1, rea igual ao dobro da de F2 e chamando de r1 e r2, respectivamente, as resistividades dos fios F1 e F2, a razo r1/r2 tem valor: a) 4 b) 2 c) 1 d) e)1 2 1 4

Com base nos dados constantes da figura, imagine que o cientista tenha calculado como ideal para a realizao de seu intento uma noite de tempestade em que a diferena de potencial entre as nuvens e o cho do castelo fosse de 3 109 V. Nessas condies e ligando o resistor R1 em srie com o cadver, a corrente eltrica que deveria passar pelo corpo da criatura para que as funes vitais fossem despertadas seria de: a) 0,5 A b) 100 A c) 20 A d) 0,04 A e) 3 A

22. Entre os pontos A e B da tomada mostrada na figura,

mantida uma diferena de potencial VAB = 120 V. Calcule a corrente que passa na lmpada para as seguintes posies do cursor do reostato:

20. (PUCCamp-SP) Trs resistores de 1 W, 3 W e 5 W estoassociados em srie, sendo aplic