Durkheim sociologia

Download Durkheim sociologia

Post on 01-Jul-2015

112 views

Category:

Education

4 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

A filosofia de Durkheim - ideias conceitos e proposies

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. A Sociologia de DurkheimProfessorMonahyr CamposCincias Sociais</li></ul> <p> 2. A Sociologia de DurkheimTentativa de emancipar a sociologia das demais teorias da sociedade ( basescientficas);Procura definir o objeto de estudo, o mtodo e as aplicaes das cinciassociais;Busca no positivismo o esprito cientfico ( inspirao ); N o seu livro : As regras do mtodo sociolgico define o objeto de estudo dasociologia, segundo Durkheim, so os fatos sociais. 3. FATOS SOCIAIS Para Durkheim o fato social experiementado pelo indivduo comorealidade independente e preexistente.Caractersticas bsicas que distinguem os fatos sociais:1) a Coero Social ;2) fatores exteriores ao indivduo;3) a generalidade 4. 1) COERO SOCIAL :FORA QUE OS FATOS EXERCEM SOBRE OS INDVDUOS; os indivduos se conformam com as regras da sociedade( essa fora se d atravs da lngua, das leis, das regras morais )A FORA COERCITIVA SE TORNA EVIDENTE PELAS SANES LEGAISOU ESPONTNEASSanesLegais:prescritaspelasociedadeatravs deleis( penalidadee infraodefinidas)Ex.: multasde trnsito,roubo...SanesEspontneas:Resposta auma condutainadequada. olhar dereprovaodaspessoas,pois estferindo osbons 5. O comportamento desviante num grupo social pode no ter penalidadeprevista por lei, mas o grupo pode espontaneamente reagir castigandoquem no se comporta de forma discordante em relao adeterminados valores e princpios. A reao negativa da sociedade acerta atitude ou comportamento , muitas vezes, mais intimidadora doque lei. 6. Educao:Para Durkheim tem um papel importante na conformao do indivduo sociedade em que vivem, seja e educao formal ou informal. A educaotem o papel de ajudar a internalizar as regras sociais. Ex.: uso dedeterminada lngua, gosto culinrio, determinados padres de arte...A arte tambm representa um recurso capaz de difundir valores e adequaras pessoas a determinados hbitos.Exemplo de adequao : riso uma forma de sano social,na encenao ou na vida real. 7. 2) Fatores exteriores ao indivduo:Esses fatores atuam sobre o indivduo independentemente de suavontade ou de sua adeso consciente.Exemplo:Ao nascermos j encontramos as regras sociais , costumes e leisque somos coagidos a aceitar por meio de mecanismo decoero social, como a educao.Obs.: Voc no tem escolha.Os fatos sociais so ao mesmo tempo coercitivos e dotados deexistncia exterior s conscincias individuais. 8. 3) a generalidade social todo fato que geral, que se repete em todos os indivduos ou,pelo menos, na maioria deles; que ocorre em distintas sociedades, emum determinado momento ou ao longo do tempo. Por generalidade, osacontecimentos manifestam sua natureza coletiva, sejam eles oscostumes, os sentimentos comuns ao grupo, as crenas ou os valores.Formas de habitao, sistemas de comunicao e a moral existentenuma sociedade apresentam essa generalidade. 9. Objetividade do fato social: O pesquisador deve manter distanciamento e neutralidade emrelao aos fatos, sendo o mais objetivo possvel; o pesquisador deve, segundo Durkheim, deixar de lado pr-conceitos,valores e sentimentos pessoais; ( busca de uma verdade,conhecimento verdadeiro )Conselho de Durkheim para os cientistas sociais : encarar os fatossociais como coisas (objeto);Durkheim orienta o socilogo a ater-se queles acontecimentos maisgerais e repetitivos e que apresentam caractersticas exteriorescomuns. Ex.: os crimes; 10. Suicdio para Durkheim: Para Durkheim o suicdio um fato social por suapresena universal; fatores exteriores completamente independente aossuicidas. Durkheim verificou que o suicdio depende de leissociais e no da vontade dos sujeitos. Ao estudar astaxas de suicdio percebeu a variao de acordo com ocontexto histrico. 11. Sociedade : um organismo em adaptao: Para Durkheim , a sociologia tinha por finalidade no s explicar asociedade como tambm encontrar solues para a vida social. Encara a sociedade como um organismo que pode estar em estadonormal ou patolgico; Para Durkheim um fato social normal generalidade garante anormalidade representado atravs de um consenso social vontadecoletiva; 12. Sociedade : um organismo em adaptao: Quando um fato pe em risco a harmonia, o acordo, oconsenso e, portanto, a adaptao e a evoluo dasociedade, estamos diante de um acontecimento mrbido e deuma sociedade doente. Portanto, normal aquele fato queno extrapola os limites dos acontecimentos mais gerais dasociedade... Patolgico aquele que se encontra fora dos limitespermitidos pela ordem social e pela moral vigente. Os fatospatolgicos , como as doenas, so considerados transitrios eexcepcionais. 13. A Conscincia coletiva: Para Durkheim os fatos sociais independem daquilo que indivduo pensa efaz em particular; conscincia individual X conscincia coletivaConscincia Coletiva: conjunto das crenas e dos sentimentos comuns medida dos membros deuma mesma sociedade que forma um sistema determinado com a vidaprpriaObs.: A conscincia coletiva no se baseia na conscincia de indivduossingulares ou de grupos especficos, mas est espalhada por todasociedade. A conscincia coletiva define o que imoral ou criminoso. 14. Morfologia social: as espcies sociais: Para Durkheim toda sociedade havia evoludo de uma forma social maissimples para uma mais complexa. Baseando se nessa idia diz que o motorda evoluo das sociedades era a passagem da solidariedade mecnica paraa solidariedade orgnica.Solidariedade Mecnica: Solidariedade orgnica:Predominava em sociedades pr-capitalistas,onde os indivduos seidentificavam por meio da famlia, dareligio, da tradio e dos costumes,permanecendo em geral independentes eautnomos em relao diviso social dotrabalho. A conscincia coletiva exerceaqui todo seu poder de coero sobre osindivduos. tpico da sociedade capitalista, em que,pela acelerada diviso do trabalho social,os indivduos se tornavam inter-independentes.Essa inter-independnciagarante a unio social, em lugar doscostumes e das tradies ou das relaessociais estreitas, como ocorre nassociedades contemporneas. Nassociedades capitalistas, a conscinciacoletiva se afrouxa, ao mesmo tempo emque os indivduos tornam-se mutuamentedependentes, cada qual se especializanuma atividade e tende a desenvolver 15. Agradeo a ateno </p>