construindo competأٹncias ... construindo competأٹncias comunicativas monografia apresentada ao...

Download CONSTRUINDO COMPETأٹNCIAS ... CONSTRUINDO COMPETأٹNCIAS COMUNICATIVAS Monografia apresentada ao Programa

If you can't read please download the document

Post on 04-Jul-2020

3 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • CENTRO DE HUMANIDADES - DEPARTAMENTO DE LETRAS

    ESPECIALIZAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA E LINGUÍSTICA

    CARLA CRISTINA COSTA DA SILVA

    CONSTRUINDO COMPETÊNCIAS COMUNICATIVAS

    GUARABIRA – PB

    2014

  •    

    2  

    Carla Cristina Costa da Silva

    CONSTRUINDO COMPETÊNCIAS COMUNICATIVAS

    Monografia apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Língua e Linguística, da Universidade Estadual da Paraíba – Campus III, em cumprimento aos requisitos necessários para obtenção do grau de Especialista em Língua e Linguística, sob a orientação da Profª. Drª Rosângela Neres Araújo da Silva.

    Guarabira – PB

    2014

  •    

    3  

  •    

    4  

    Carla Cristina Costa da Silva

    CONSTRUINDO COMPETÊNICAS COMUNICATIVAS

    Aprovado em 25 abril de 2014.

    COMISSÃO EXAMINADORA

    Guarabira – PB

    2014

  •    

    5  

    Dedico aos meus pais Sebastião Cícero da Silva

    e Cariozete Costa da Silva; aos meus irmãos José

    Carlos Costa da Silva e Samara Costa da Silva; e

    ao meu esposo Josélio Marinho da Silva.

  •    

    6  

    AGRADECIMENTOS

    A Deus, nosso Supremo Pai, por ter me dado força para enfrentar o desafio

    de chegar ao fim deste Curso.

    A todos os professores que passaram em minha vida até este momento.

    E em especial, à professora Rosângela Neres, por ter aceitado ser minha

    orientadora.

  •    

    7  

    Só aprende aquele que se apropria do aprendido,

    Transformando-o em apreendido, como o que

    pode, por isso mesmo,

    Reinventá-lo;

    Aquele que é capaz de aplicar o aprendido –

    apreendido à situações existenciais concretas.

    Paulo Freire

  •    

    8  

    RESUMO

    Esta monografia tem por objetivo apontar como as competências em Língua Portuguesa, estabelecidas pelos PCNs, estão sendo construídas pelos alunos do 5º ano da Escola Municipal Paulo Brandão Cavalcante Filho, na cidade de Guarabira, Paraíba. A fim de que haja uma adequada compreensão da discussão, o trabalho encontra-se estruturado da seguinte maneira: as causas do estudo, o problema, o objetivo, e a relevância deste estudo; a fundamentação teórica da pesquisa e uma análise dos PCNs na área de Linguagens, códigos e suas tecnologias. Para tanto, a metodologia estabelecida para o desenvolvimento da pesquisa agrupa os dados coletados no 5º ano da Escola Municipal Paulo Brandão Cavalcante Filho, e sua análise, mediante à fundamentação teórica selecionada para embasar a pesquisa, com as abordagens de Allessandrini (2002), Bagno (2001), Macedo (2002), Perrenoud (2002), dentre outros. Os resultados mostram que as competências em Língua Portuguesa, estabelecidas pelos PCNs, ainda não estão sendo construídas pelos alunos e indicam que mudanças significativas no desenvolvimento dessas competências faz-se necessário. Palavras-chave: Língua Portuguesa. Parâmetros Curriculares Nacionais. Competências.

  •    

    9  

    ABSTRACT

    This monograph aims to point out how Portuguese language competences, established by PCNs, have been constructed by the students of 5th grade from Escola Municipal Paulo Brandão Cavalcante Filho, in the city of Guarabira, Paraíba. Intending a proper comprehension of our discussion, this work is divided into: research causes, problem, objective, and the relevance of this study; the research theoretical basis and an analysis of PCNs in languages, linguistic codes and its technology. For this, the methodology selected to its development gathers data collected on the 5th grade of Escola Municipal Paulo Brandão Cavalcante Filho, and its analysis, based on theoretical the approaches by Allessandrini (2002), Bagno (2001), Macedo (2002), Perrenoud (2002), among others. The results show that the Portuguese Language competences, established by PCNs, still have not been constructed by students and indicate that relevant reformulations on their development are needed. Keywords: Portuguese Language. Parâmetros Curriculares Nacionais. Competences.

  •    

    10  

    SUMÁRIO

    1 INTRODUÇÃO

    11

    2 OS PARÂMETROS CURRICULARES E AS COMPETÊNCIAS

    13

    2.1 Focalizando o problema e delimitando o objetivos

    15

    3 CONCEPÇÕES DE ENSINO-APRENDIZAGEM

    18

    3.1 Ensino baseado em competência

    3.2 Competências em construção

    3.3 Caracterização da língua oral e escrita

    19

    21

    22

    4 OS RESULTADOS

    26

    5 CONSIDERAÇÕES FINAIS

    29

    REFERÊNCIAS

    ANEXOS

    31

    32

  •    

    11  

    1 INTRODUÇÃO

    Este estudo trata do ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa, no que

    tange à construção das competências comunicativas, sugeridas pelos PCNs, para

    o primeiro ciclo do ensino fundamental. Nosso principal objetivo geral é identificar

    os meios pelos quais as competências em Língua Portuguesa, segundo os PCNs,

    são constituídas pelos alunos do quinto ano da Escola Municipal Paulo Brandão

    Cavalcante Filho, na cidade de Guarabira, Paraíba.

    O desenvolvimento das competências comunicativas na escola é

    importante, sobretudo no primeiro ciclo da aprendizagem da língua materna, pois

    é dele que partirá toda a aprendizagem e a prática com as habilidades

    linguísticas. Assim sendo, para alcançar nosso objetivo, foram aplicados

    questionários com os alunos e a professora do quinto ano, a fim de investigar a

    prática do ensino da língua materna nessa turma, levando em consideração a

    maneira como as competências básicas da Língua Portuguesa estabelecidas

    pelos PCNs (Parâmetros Curriculares Nacionais) na área de Linguagens, Códigos

    e suas Tecnologias, no que se refere à interpretação da língua e dos diversos

    aspectos que a envolvem, são realizadas.

    Dessa forma, a importância de nossa pesquisa está na necessidade de

    compreendermos certas situações com as quais nos deparamos, ao trabalhar

    com a Língua Portuguesa, identificando como as competências estabelecidas

    pelos PCNs são construídas. Nossa pesquisa busca, assim, um entendimento do

    processo de ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa, na observação direta

    de um contexto real de assimilação das competências.

    Entendemos que o ensino e a aprendizagem da Língua Portuguesa deve

    ocorrer de acordo com as necessidades dos docentes e dos discentes, trocando

    mutuamente os saberes da construção das competências comunicativas. Desse

    modo, apresentamos aqui uma visão reflexiva de tal construção, dividindo nossa

    investigação nas causas do estudo, na delimitação do problema e do objetivo da

    pesquisa, embasados pelos Parâmetros Curriculares Nacionais de Língua

    Portuguesa e nas abordagens de estudiosos como Allessandrini (2002), Bagno

    (2001), Macedo (2002), Perrenoud (2002), dentre outros.

  •    

    12  

    Inicialmente, apresentamos as diretrizes dos Parâmetros Curriculares e os

    conceitos de competência, focalizando o problema detectado na série escolar já

    mencionada e os objetivos de sua análise. Explicitamos as concepções de

    ensino-aprendizagem, o ensino baseado em competência e a caracterização da

    oralidade e da escrita. Prosseguimos com a delimitação de nosso corpus e a

    análise dos dados coletados na escola e, nas considerações finais, discutimos

    alguns aspectos relevantes encontrados nos resultados de nossa pesquisa.

  •    

    13  

    2 OS PARÂMETROS CURRICULARES E AS COMPETÊNCIAS

    Sabendo da competência do ser humano de decidir, julgar e comunicar o

    mundo no qual vive, há, nesta pesquisa, uma reflexão sobre o processo de

    ensino-aprendizagem da nossa língua materna, no tocante à

    construção/desenvolvimento da competência comunicativa.

    Ao longo da experiência como aluna e professora, sempre ouvi

    reclamações sobre a aprendizagem da língua e de como a deficiência nessa

    aprendizagem pode advir do próprio processo de ensino e do não

    desenvolvimento eficaz das competências. Daí, o interesse pela investigação

    do(s) motivo(s) que proporcionam essa lacuna.

    Segundo Almeida(1978):

    Conhecer a língua portuguesa não é privilégio de gramáticos, senão dever do brasileiro que preza sua nacionalidade. É de consequências imprevisíveis acreditar que só os escritores profissionais têm a obrigação de saber escrever. Saber escrever a própria língua faz parte dos deveres cívicos. A língua é a mais viva expressão de nacionalidade (p. 07).

    No entant