CONHECIMENTOS BÁSICOS ?· 12th grade to high-speed Internet in classrooms and libraries 37 over the…

Download CONHECIMENTOS BÁSICOS ?· 12th grade to high-speed Internet in classrooms and libraries 37 over the…

Post on 05-Dec-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • ||176MPENAP_CB2_01N308949|| CESPE | CEBRASPE MPENAP Aplicao: 2015

    Cada um dos itens das provas objetivas est vinculado ao comando que imediatamente o antecede. De acordo com o comando a quecada um deles esteja vinculado, marque, na Folha de Respostas, para cada item: o campo designado com o cdigo C, caso julgueo item CERTO; ou o campo designado com o cdigo E, caso julgue o item ERRADO. A ausncia de marcao ou a marcao deambos os campos no sero apenadas, ou seja, no recebero pontuao negativa. Para as devidas marcaes, use a Folha deRespostas, nico documento vlido para a correo das suas provas objetivas.

    Nos itens que avaliam conhecimentos de informtica, a menos que seja explicitamente informado o contrrio, considere que todos osprogramas mencionados esto em configurao-padro, em portugus, e que no h restries de proteo, de funcionamento e de uso em

    relao aos programas, arquivos, diretrios, recursos e equipamentos mencionados. Em suas provas, caso haja item(ns) constitudo(s) pela estrutura Situao hipottica:... seguida de Assertiva:..., os dados apresentados

    como situao hipottica devero ser considerados como premissa(s) para o julgamento da assertiva proposta. Eventuais espaos livres identificados ou no pela expresso Espao livre que constarem deste caderno de provas podero

    ser utilizados para anotaes, rascunhos etc.

    CONHECIMENTOS BSICOS

    O conceito de planejamento surgiu no final do sculo1XIX, na Inglaterra, como um conceito vinculado aoplanejamento de cidades. Data dessa poca, por exemplo,o conceito de cidade-jardim (Howard, 1902), segundo o qual4se poderia planejar uma cidade, distribuindo-se espacialmentesuas funes, a fim de tornar o espao mais agradvel a todos.Esse conceito gerou forte impacto na rea de urbanismo do7sculo passado, com o aparecimento de vrias cidades-jardimao redor do mundo. At essa poca, planejamento era funoestritamente tcnica do urbanista ou do arquiteto, considerados10uma espcie de visionrios. Com a criao da Unio Sovitica,no incio da dcada de 20 do sculo passado, outra vertente deplanejamento apareceu: o planejamento econmico13centralizado. Sob essa tica, o Estado teria completo controlesobre os recursos e os distribuiria de acordo com planose metas determinados por polticos ou burocratas. J a partir da16dcada de 70 do sculo passado, o conceito de planejamentono era mais to visto como um instrumento tcnico e, sim,como um instrumento poltico capaz de moldar e de articular19os diversos interesses envolvidos no processo de intervenode polticas pblicas. O planejador deveria ser o mediador dosinteresses da sociedade no processo, e o resultado final deveria22ser encontrado preferivelmente em consenso.

    Jos Antnio Puppim de Oliveira. Desafios do

    planejamento em polticas pblicas: diferentes visese prticas. Internet: (com adaptaes).

    Considerando as estruturas lingusticas e os sentidos do textoanterior Desafios do planejamento em polticas pblicas:diferentes vises e prticas , julgue os prximos itens.

    1 Infere-se do texto que o conceito de planejamento sempreesteve relacionado construo de cidades planejadas.

    2 Mantendo-se a correo gramatical e os sentidos originais dotexto, seu segundo perodo poderia ser assim reescrito: Oconceito de cidade-jardim, por exemplo, proposto por Howard(1902), data dessa poca. De acordo com esse conceito, umacidade poderia ser planejada por meio da distribuio espacialde suas funes, com a finalidade de tornar o espao maisaprazvel para as pessoas.

    3 A locuo capaz de (R.19) poderia, sem prejuzo do sentidooriginal do texto, ser substituda por para.

    4 A correo gramatical do texto seria mantida caso o trechoCom a criao (...) apareceu (R. 11 a 13) fosse assimreescrito: No incio da dcada de 20 do sculo passado, outravertente de planejamento apareceu, relacionada a criao daUnio Sovitica.

    5 Depreende-se do texto que, aps 1970, o Estado planejador

    passou a agir, considerando como premissa o fato de que a

    tcnica propicia o consenso necessrio consecuo de

    polticas pblicas.

    As mudanas polticas, sociais e culturais, nos ltimos1

    vinte anos, fizeram-se sentir no mbito do direito

    administrativo e, mais especificamente, na forma de

    administrar a coisa pblica. Diante dessa nova realidade, para4

    atender s necessidades fundamentais da sociedade de forma

    eficaz e com o menor custo possvel, a administrao pblica

    precisou aperfeioar sua atuao, afastando-se da7

    administrao burocrtica e adotando uma administrao

    gerencial.

    A antiga forma de administrar empregada pela10

    administrao pblica calcava-se essencialmente em

    uma gesto eivada de processos burocrticos, criados

    para evitar desvios de recursos pblicos, o que a tornava13

    pouco gil, pouco econmica e ineficiente. A nova

    administrao gerencial tende a simplificar a atividade do

    gestor pblico sem afast-lo, porm, da legalidade absoluta,16

    uma vez que dispe de valores pblicos que devem ser bem

    empregados para garantir que os direitos fundamentais dos

    cidados sejam atendidos.19

    Assim, implementou-se a administrao gerencial e,

    para isso, foi necessrio que os agentes pblicos mudassem

    suas posturas e se adequassem para desenvolver a nova gesto22

    pblica. O novo gestor pblico precisou lanar mo de tcnicas

    de gesto utilizadas pela iniciativa privada e verificou,

    ainda, que era necessrio o acompanhamento constante da25

    execuo das atividades propostas, para que efetivamente se

    chegasse a uma gesto eficiente, uma gesto por resultados.

    Para levar a cabo o novo modelo de gesto pblica,28

    ser preciso adotar novas tecnologias e promover condies

    de trabalho adequadas, assim como mudanas culturais,

    desenvolvimento pessoal dos agentes pblicos, planejamento31

    de aes e controle de resultados.

    Maria Denise Abeijon Pereira Gonalves. A gesto

    pblica adaptada ao novo paradigma da eficincia.

    Internet: (com adaptaes).

  • ||176MPENAP_CB2_01N308949|| CESPE | CEBRASPE MPENAP Aplicao: 2015

    De acordo com as ideias do texto A gesto pblica adaptada ao

    novo paradigma da eficincia,

    6 o conceito de gesto pblica eficiente relaciona-se ao emprego

    de tcnicas de administrao consagradas pelas empresas do

    setor privado e ao controle constante dos processos e dos

    resultados.

    7 h relao de causa e efeito entre as transformaes polticas,

    sociais e culturais e as mudanas ocorridas no mbito da

    administrao pblica.

    8 a concepo de administrao gerencial apresenta aspectos

    positivos e negativos: por um lado, abre espao para a

    desburocratizao dos processos e, por outro, pode provocar

    o desrespeito legalidade no atendimento das demandas da

    populao pelo gestor estatal.

    Acerca das estruturas lingusticas do texto A gesto

    pblica adaptada ao novo paradigma da eficincia, julgue os

    itens subsecutivos.

    9 A correo gramatical do perodo seria preservada ao se

    substituir implementou-se (R.20) por foi implementada.

    10 Sem prejuzo para a correo gramatical e para os sentidos

    originais do texto, o vocbulo eivada (R.12) poderia ser

    substitudo por repleta.

    11 Na linha 28, a correo gramatical do trecho seria mantida,

    caso se inserisse acento indicativo de crase no vocbulo a

    que compe a locuo a cabo.

    12 As vrgulas empregadas nas linhas 4 e 6 isolam segmento de

    natureza adverbial: para atender (...) custo possvel.

    Com base no Manual de Redao da Presidncia da Repblica,

    julgue os itens a seguir, relativos ao formato e linguagem das

    correspondncias oficiais.

    13 Em correspondncias encaminhadas pelo presidente da

    Repblica, facultativa a apresentao de identificao de

    cargo ou nome do emissor.

    14 A conciso um princpio da redao oficial que tem

    por finalidade dar objetividade ao trabalho da administrao

    pblica.

    15 Na redao de um documento oficial subscrito por funcionrio

    pblico de um ministrio e endereado ao ministro desse

    rgo, deve-se empregar o fecho Cordialmente,, por se tratar

    de destinatrio detentor de cargo hierarquicamente superior ao

    do remetente.

    16 O relatrio um documento que contm informaes sobre

    tarefas executadas e(ou) sobre fatos ou ocorrncias no servio

    pblico.

    17 Em uma correspondncia oficial, dirigida ao presidente da

    Cmara dos Deputados, o vocativo a ser usado deve ser

    Excelentssimo Senhor Presidente.

    The Obama administration announced a program to1connect thousands of public housing residents across the nationto the Internet at low prices or free, part of a broader effort toclose the so-called digital divide and help low-income4Americans succeed in a technology-driven society.

    Appearing at a school in the heart of the ChoctawNation, in Oklahoma, where 32 percent of children live in7poverty, Mr. Obama announced the ConnectHome programand said it was unacceptable for young people not to haveaccess to the same technological resources in their homes that10their wealthier counterparts do. If we dont get these youngpeople the access to what they need to achieve their potential,then its our loss; its not just their loss, he said. Theyve got13big dreams, and weve got to have an interest in making surethey can achieve those dreams, he added.

    While many middle-class U.S. students go home to16Internet access, which allows them to do research, write papersand communicate digitally with their teachers and otherstudents, too many lower-income children go unplugged every19afternoon when school ends, a statement about the report said.This homework gap runs the risk of widening theachievement gap, denying hard-working students the benefit of22a technology-enriched education.

    The pilot program, ConnectHome, will be carried outin different forms in public housing units in 27 cities and in one25Native American tribal area, largely focusing on householdswith school-age children. The program will involve cityofficials, Internet providers, universities, and a large retail28company, which will offer computer training to residents insome cities. The program will offer some residents a chance tobuy tablets with educational software installed for $30 each.31Other communities will receive free help with SAT preparationand free technical support.

    The program is an offshoot of the presidents34ConnectED initiative, which was announced in 2013. It aimedto link 99 percent of the students from kindergarten through12th grade to high-speed Internet in classrooms and libraries37over the next five years.

    It is also part of a renewed vigor in the Obamaadministrations housing agenda coming late in his final term40and recently emboldened by a Supreme Court ruling endorsinga broad interpretation of the Fair Housing Act of 1968, arelevant feat for civil rights. That ruling allows for more43lawsuits that could help fight housing discrimination.

    Dionne Searcey. U.S. program will connect public housingresidents to Web. Internet: .(adapted).

    Based on the previous text, judge the following items.

    18 The governmental program announced intends to aidimpoverished families to have home access to resources whichhave been available only to affluent ones.

    19 The choice of a school as the setting for Obamas speechconcerning the new program may be due to the fact that it willenable the use of Internet resources in education as a means ofchanging ordinary peoples lives.

    20 The new program will be accomplished mainly by the federalpublic sector, although it has been recognized as outstandingby some technology and educational entities.

    21 Helping to avoid housing inequity, the program recentlyadopted by the American government has been inspiredby the final great legislative achievement in the civil rightsera in the United States, which tried to prevent housingdiscrimination.

    22 In the text, the words making (R.14), training (R.29) andruling (R.43) are all used as verbs indicating actions.

  • ||176MPENAP_CB2_01N308949|| CESPE | CEBRASPE MPENAP Aplicao: 2015

    23 The expression technology-driven society (R.5) could

    be correctly replaced by technologically oriented society,

    in which case the meaning of the text would not be altered.

    24 In the text, the word offshoot (R.34) means origin.

    Com relao ao sistema poltico brasileiro e s relaes entre

    Estado, governo e administrao pblica, julgue os itens seguintes.

    25 Ao instituir um teto para o preo dos medicamentos, aumentar

    a taxa de juros ou determinar a diminuio de impostos, o

    governo estabelece um controle indireto na economia.

    26 O Brasil uma repblica federativa presidencialista, uma vez

    que o seu chefe de Estado e de governo, o presidente da

    Repblica, eleito democraticamente e por tempo limitado.

    27 O Conselho Nacional de Defesa Civil, assim como outros

    conselhos do Estado, conta com representantes de vrios

    ministrios e rgos do governo.

    28 So formas de governo a federao, a confederao

    e o governo nico.

    A respeito das reformas administrativas no Brasil e da organizao

    administrativa da Unio, julgue os itens a seguir.

    29 A Constituio Federal de 1988 representou um avano

    descentralizao do poder pblico, uma vez que

    acrescentou poderes administrao indireta por meio

    da flexibilizao de suas normas operacionais.

    30 A administrao federal foi o foco do Plano Diretor

    da Reforma do Aparelho do Estado, que tambm incluiu

    as administraes estaduais e municipais.

    31 A reforma administrativa de 1967, realizada por meio do

    Decreto-lei n. 200, ampliou a administrao indireta,

    transferindo atividades para fundaes e empresas pblicas.

    Tendo como referncia as disposies do Cdigo de tica

    Profissional do Servidor Pblico Civil do Poder Executivo

    Federal (Decreto n. 1.171/1994), da Lei n. 8.112/1990

    e alteraes e da Lei n. 8.429/1992, julgue os prximos itens.

    32 Na situao em que se sentir prejudicado, o servidor pblico

    ter o direito de negar-se a atualizar seus dados cadastrais.

    33 Ao servidor pblico que recusar f a documentos pblicos ser

    aplicada a penalidade de advertncia.

    34 As sanes decorrentes de prejuzos ao errio causados por

    servidor que se tenha enriquecido ilicitamente podem recair a

    seu sucessor, at o limite do valor da herana.

    35 Ao negar publicidade a ato oficial, o servidor pblico

    comete ato de improbidade administrativa que atenta

    contra os princpios da administrao pblica.

    36 As competncias da comisso de tica no incluem aplicar

    penalidade a servidor pblico que esteja na condio de

    contratado temporariamente.

    As visitas oficiais de chefes de Estado e altas autoridades

    a um pas normalmente so resultado de relaes cordiais

    entre os pases envolvidos e indicam o propsito e o esforo

    de se manter a cordialidade das relaes. Julgue os itens a

    seguir, acerca de visitas ocorridas recentemente no continente

    americano.

    37 Em visita recente Bolvia, o Papa Francisco defendeu o

    papel desempenhado pela Igreja Catlica em relao aos

    indgenas durante a chamada Conquista da Amrica.

    38 Na visita da presidenta Dilma Rousseff a Washington,

    o presidente Obama declarou que, para o seu governo,

    o Brasil uma potncia global, e no apenas regional.

    Impressiona a velocidade com que surgem novas tecnologias;

    algumas delas, pouco teis; outras, revolucionrias. Julgue os

    itens seguintes, sobre acontecimentos referentes a tecnologias.

    39 O recente voo do avio Impulse, movido a energia solar, atesta

    os avanos tecnolgicos do mundo contemporneo e sinaliza

    para a possibilidade de utilizao...

Recommended

View more >