boletim 585

Download Boletim 585

Post on 04-Feb-2016

214 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

boletim da Comunidade Caverna de Adulão

TRANSCRIPT

  • Cx Postal 194 - CEP 30161-970 - BH - MG | Aimors 482 | falacaverna@gmail.com | www.cavernadeadulao.org

    CULTOS: Domingo s 18 horas | Quarta-feira s 19h30

    Boletim n 585 | 23.06.2013

    EU DEVERIA SER COMO QUEM SERVEO apstolo Paulo nos fala de fazer o bem e se inclui tambm.

    No cansemos de fazer o bem. Glatas 6:9 e tambm em II Tessa-lonicenses 3:13. Quanto a vocs irmos nunca se cansem de fazer o bem.

    Eu sou como quem serve, estas palavras sairam dos lbios de nosso senhor Jesus. De fato Jesus foi um servo, Ele foi o servo dos servos. Toda sua vida foi vista e conhecida pelo servir. Quanta nobreza, quanta beleza, quanta inspirao na vida de Jesus! Ele andou por toda parte fazendo o bem. E uma coisa impressionante de se lembrar e observar que tudo que Ele fazia era pra glria de Deus. Seus milagres visavam a glria do pai. Sempre ajudando ao seu semelhante.

    Precisamos sempre lembrar que fomos chamados para servir, somos o corpo de Cristo. Igreja diaconia, igreja servio. Todos somos diconos no Reino de Deus, quando servimos ao irmo com certeza estamos servindo ao Senhor Jesus, h tantas reas onde a igreja pode e deve exercer a misso diaconal. Como igreja e como lhos do Senhor, somos luz e sal, e atravs de ns o amor de Deus pode se revelar aos homens (ao prximo).

    Queridos todos ns devemos nos interessar, nos envolver com o ministrio da diaconia, com o servir. Servir pra todos ns que fomos salvos pela graa de Jesus Cristo.

    Vamos meditar juntos: Sempre que o zestes a um destes meus pequeninos irmos, a mim o zestes. Que o Senhor nos abenoe e nos guarde em nome de Jesus.

    Tnia de CarvalhoPastoral da Caverna

  • NOSSA CONFISSO

    No h dois cristos: um acomodado para os cristos acomodados e um

    www.cavernadeadulao.org/blog/cremos

    3. A unicidade e a universalidade de Crist

    oArmamos que h um s Salva

    dor e um s evangelho,

    embora exista uma ampla variedade de maneiras de se

    realizar a obra de evangelizao. Reconhecemos que todos

    os homens tm algum conhecimento de Deus atravs da

    revelao geral de Deus na natureza. Mas negamos que tal

    conhecimento possa salvar, pois os homens, por sua

    injustia, suprimem a verdade. Tambm rejeitamos, como

    depreciativo de Cristo e do evangelho, todo e qualquer tipo

    de sincretismo ou de dilogo cujo pressuposto seja o de que

    Cristo fala igualmente atravs de todas as religies e ideolo-

    gias. Jesus Cristo, sendo ele prprio o nico Deus-homem,

    que se ofereceu a si mesmo como nico resgate pelos

    pecadores, o nico mediador entre Deus e os homens. No

    existe nenhum outro nome pelo qual importa que sejamos

    salvos. Todos os homens esto perecendo por causa do

    pecado, mas Deus ama todos os homens, desejando que

    nenhum perea, mas que todos se arrependam. Entretanto,

    os que rejeitam Cristo repudiam o gozo da salvao e

    condenam-se separao eterna de Deus. Proclamar Jesus

    como o Salvador do mundo no armar que todos os

    homens, automaticamente, ou ao nal de tudo, sero

    salvos; e muito menos que todas as religies ofeream

    salvao em Cristo. Trata-se antes de proclamar o amor de

    Deus por um mundo de pecadores e convidar todos os

    homens a se entregarem a ele como Salvador e Senhor no

    sincero compromisso pessoal de arrependimento e f. Jesus

    Cristo foi exaltado sobre todo e qualquer nome. Anelamos

    pelo dia em que todo joelho se dobrar diante dele e toda

    lngua o confessar como Senhor.

    PACTO DE LAUSANNE:1. O propsito de Deus; 2. A autoridade e o poder da Bblia; 3. A unicidade e a universalidade de Cristo; 4. A natureza da evangelizao; 5. A responsabilidade social crist; 6. A Igreja e a evangelizao; 7. A cooperao na evangelizao;

    8. Esforo conjugado de igrejas na evangelizao; 9. Urgncia da tarefa evangelstica; 10. Evangelizao e Cultura; 11. Educao e Liderana; 12. Conito espiritual; 13. Liberdade e perseguio; 14. O poder do Espirito Santo; 15. O retorno de Cristo.

  • CONHECENDO A COMUNIDADE

    Eugenio Petraconi

    Agradeo pelo meu respirar! Deus tem cuidado da minha vida todos os dias, me livrado constantemente. Agradeo muito, s tenho que agradecer e esperar em Deus, pois Ele sabe os desejos do meu corao. O autor deste belo, e realmente belo, agradecimento quem vamos apresentar neste boletim. A vai: trata-se de Jos.Estudante de Letras, Jos nasceu num lar praticamente cristo. A infncia teve seus sobressaltos: tivemos problemas com o meu pai, que no era cristo e tinha envolvimento com bebidas e drogas, mas graas a Deus hoje ele cristo e frequenta a mesma igreja que a minha me. A adolescncia, apesar de todas as questes e crises normais, foi se tornando um tempo de converso e relacionamento com Deus. Foi neste perodo que me dei conta do que realmente representava o cristianismo na minha vida, diz, na medida que fui conhecendo sobre Deus e como era um viver cristo, fui me identicando cada vez mais.Jos est na Caverna h cerca de 5 anos. O encontro se deu atravs do 'Rock F', um trabalho iniciado por ele na Igreja do seu bairro. O 'Rock F' era um evento que

    contava com bandas, do hardcore ao metal, cuja proposta era evangelizar as pessoas que faziam parte da cena. A identicao com a Caverna era mesmo natural. Eu j tinha ouvido falar da Caverna, declara Jos, e at consegui convidar vrias pessoas da Caverna para participar da terceira edio do Rock F. Achei fantstico, completa, muitas pessoas quiseram participar, e inclusive o Pr. Geraldo levou uma palavra super bacana no dia do evento; a partir disso, comecei a frequentar a Caverna com maior frequncia e quando dei por mim j estava mais que envolvido.Junto com a Bruna, com quem namora h dois anos, Jos est sempre ali disposio para ajudar no que for necessrio. Seu sonho casar com a Bruna e construir uma famlia. Um pedido de orao especial, e mais urgente, pelo seu pai, que est enfrentando um momento difcil devido a uma doena. No mais, pede pelo futuro: casar, ter a minha famlia e conseguir conciliar isso minha carreira acadmica, que est s comeando. E, que, acredita-mos, ainda vai dar muitos frutos. Amm!

    Trata-se de JosJos

    Jos Gomes Juniortratasedejose@hotmail.comCel.: 9258-3643Aniversrio: 28/09

  • SOLTANDO O VERBO

    EU TESTEMUNHO

    GRUPOS DE CRESCIMENTO

    EVANGELISMOS: S. Dumont (Esther: 9242-7953) | Guaicurus (tila: 8747-5694)

    Reflexo feita por Estevo no domingo

    passado (16/06) aps a aula dos Juniores

    ESTEVO W. DIAS

    REUNIO DE ORAOTodos os domingos s 17h

    2 feira s 20h - Sta Amlia (Pampulha)Casa de Junior e Michele (9304-2514)Estudo do livro Cristianismo Bsico

    5 feira s 20h - Sta EfigniaCasa de Eduardo e Norinha (8861-1305)Estudo do livro de Filipenses

    5 feira s 20h - Retiro das PedrasCasa de Daniel e Beatriz (8833-2873)Estudo sobre orao (atravs dos Salmos)

    5 feira s 19h30 - CachoeirinhaCasa de tila e Fabiana (8747-5694)Estudo sobre a reforma protestante

    6 feira s 20h - LagoinhaCasa de Miraildes (9338-2213)Estudo do livro "Comunidade do Rei".

    O Ministrio Infantil est precisando de

    professores! Se voc congrega conosco h

    mais de um ano, se voc gosta de crianas e

    adolescentes ou mesmo se voc j deu aula em escolas ou em outra igreja, venha

    adorar e servir a Deus no Ministrio Infantil

    com este dom que Ele lhe deu. Me procure aps o culto ou me ligue durante a semana (7110-3850).

    TEM UM RECADO PRA DAR?MANDA PRA GENTE DIVULGAR!

    "Hoje eu aprendi que cada um tem um dom e temos que pratic-lo usando esse dom para adorar a Deus!"

    ARRAI da CAVERNASbado (06/07 s 18h)

    BAZAR de INVERNOSbado (06/07 s 10h)Entregue suas doaes ao Delor.

    VENHA SERVIR!!!

    Michele Costa21/06/2013

    AGENDA

    REUNIO de MEMBROSPrximo Sbado (29/06 s 17h)A sua presena muito importante! Programe-se desde j para esta reunio.

    JUNHO

    JULHO