aféreses transfusionais uso de plaquetas de doadores múltiplos ou de plaquetas … · 2013. 4....

of 22 /22
Aféreses Transfusionais Uso de Plaquetas de Doadores Múltiplos ou de Plaquetas por Aféreses Maria Odila Jacob de Assis Moura Centro de Hematologia de São Paulo [email protected]

Author: others

Post on 19-Nov-2020

2 views

Category:

Documents


0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Aféreses TransfusionaisUso de Plaquetas de DoadoresMúltiplos ou de Plaquetas por

    Aféreses

    Maria Odila Jacob de Assis MouraCentro de Hematologia de São Paulo

    [email protected]

  • Unidades transfundidas nos EUA

    Dados de Wallace et al and National Blood Data Resource Center

    -

    1.000

    2.000

    3.000

    4.000

    5.000

    6.000

    7.000

    8.000

    9.000

    10.000

    1.987 1.989 1.992 1.994 1.997 1.9990

    10

    20

    30

    40

    50

    60

    70

    Total de plaquetas Plaquetas por aférese (% do total)

    Nº de unidades x 103

  • Unidades transfundidas no CHSP

    Considerando uma aférese equivalente a seis UN de CP.

    0

    2000

    4000

    6000

    8000

    10000

    12000

    14000

    16000

    1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 20030

    5

    10

    15

    20

    25

    Total de plaquetas Percentual de aférese (do total)

  • Concentrado de Plaquetas

    • Obtenção à partir de sangue total:– Plasma rico em plaquetas– Buffy coat

    • Aférese:– Fluxo contínuo– Fluxo intermitente

  • Plaquetas de Doadores Múltiplos

    Quantidade: 5,5 x 1010 (75%)

    Leucócitos: 1 a 1,5 x 108 (buffy coat – 107)

    (pool de 6 = 6 a 9 x 108)

    Volume: 50 a 70 mL

    Estocagem: 22 ± 2º C – agitação contínua

    Validade: 5 dias

  • Plaquetas Obtidas por Aférese

    Quantidade: 3 x 1011 (75 - 90%)

    Leucócitos: < 5 x 106

    Volume: 200 a 350 mL

    Estocagem: 22 ± 2º C – agitação contínua

    Validade: 5 dias

  • Características dos Doadores

    • Repetição

    • Contagem de plaquetas pré-procedimento

    • Uso de medicação

    • Selecionados

    Doadores de Aférese

  • Características dos Doadores - CHSP

    9,9712,67

    77,34

    1ª vez Esporádica Repetição

    Doadores de sangue total

    3,255,8

    90,95

    1ª vez Esporádica Repetição

    Doadores de aférese

  • Eficácia Transfusional

    A literatura demonstraeficácia comparável entre os

    dois produtos.

  • Refratariedade - Aloimunização

    Refratariedade ( resposta)

    FebreSepsisSangramento maciçoEsplenomegaliaDrogas e outras

    ABOHPA - trombocitopenia auto imuneHLA

    Imune

    Não imune

  • Estudo TRAP Trial to Reduce Alloimmunization to Platelets

    Desenho do estudo• 530 pacientes com LMA, em 8 instituições• Não tinham alo anticorpos no início• Todos receberam concentrado de hemácias

    leucorreduzidos• 4 grupos

    – CP - SGT (controle)– CP – SGT filtradas– CP – SGT irradiadas (UVB)– Plaquetas por aférese filtradas

    N Engl J Med 1997;337:1861-915

  • Resultados

    Produção de anticorpos:– Grupo controle (CP – SGT):

    • 45% (13% refratários)– CP - SGT filtradas

    • 3%– CP - SGT irradiadas (UVB)

    • 5%– Plaquetas por aférese filtradas

    • 4%

    Estudo TRAP Trial to Reduce Alloimmunization to Platelets

    N Engl J Med 1997;337:1861-915

  • • O risco de transmissão viral vemdiminuindo significativamente nos últimosanos

    • Entretanto, o risco transfusional bacterianomantém-se constante

    Risco Infeccioso

  • • Uma das primeiras complicações reconhecidas nosangue estocado

    • O concentrado de plaqueta é o principal componenteenvolvido, devido à temperatura de estocagem (22º C)

    • Resulta da flora da pele do doador ou por bacteremiaassintomática

    • A reação séptica à transfusão de plaquetas é o riscomais comum e mais sério

    Risco InfecciosoContaminação Bacteriana

  • Goodnough LT – Lancet 2003;361:161-9

    Risco Infeccioso

  • 0,14712Pools de P-WBEnvolvidas emreação febrilBarrett et al (1993)

    0,0317928P-AP

    0,193141Pools de P-WBTodas as unidadesYomtovian et al(1993)

    2,113641P-AP

    2,995005P-WBCQ ou envolvidasem reação febrilAlvarez et al (1995)

    02476P-AP

    0,283584Pools de P-WBEnvolvidas emreação febrilChiu et al (1994)

    0,084995P-WBTodas as unidadesvencidasLeiby et al (1997)

    Taxa decontaminação

    (%)

    Número deamostrastestadas

    PreparaçãoMétodo deseleçãoReferência

    Taxas de contaminação bacteriana em preparações P-AP e P-WB

    Transf Med Rev;1997:311-22

    Risco InfecciosoContaminação Bacteriana

  • Risco InfecciosoContaminação Bacteriana

    Transfusion; 2001: 857-61

    Trabalho realizado no Hospital Johns Hopkins

  • Reações febrisnão hemolíticas

    (1 – 38%)

    Reações alérgicas(1 – 3%)

    Anticorpos leucocitários

    Citocinas

    Reação Transfusional Não Infecciosa

  • Reação Transfusional Não Infecciosa

    0,87%1,27%ReaçãoAlérgica

    1,6%zeroReação FebrilNão Hemolítica

    CP – RandômicaCP – Aférese

    Período de Outubro de 2003 a Setembro de 2004

    Dados do Centro de Hematologia de São Paulo

  • EstoqueÍndice de fracionamento

    Sangue Total

    CH98,3%

    CP71,7%

    67,0%Transfundidos

    33% (65%)Desprezo

  • Considerações

    • Menor número de exposições• Menor taxa de reação febril• Única opção para doadores selecionados

    (HLA compatível)• Menor probabilidade de contaminação

    bacteriana (aguardar maiores estudos)• Viabilidade rápida de grande número de

    unidades

  • Muito obrigada !

    Maria Odila Jacob de Assis MouraCentro de Hematologia de São Paulo

    [email protected]

    Aféreses Transfusionais Uso de Plaquetas de Doadores Múltiplos ou de Plaquetas por AféresesUnidades transfundidas nos EUAUnidades transfundidas no CHSPConcentrado de PlaquetasPlaquetas de Doadores MúltiplosCaracterísticas dos DoadoresCaracterísticas dos Doadores - CHSPEficácia TransfusionalRefratariedade - AloimunizaçãoEstudo TRAP Trial to Reduce Alloimmunization to PlateletsEstudo TRAP Trial to Reduce Alloimmunization to PlateletsRisco InfecciosoRisco InfecciosoContaminação BacterianaRisco InfecciosoRisco InfecciosoContaminação BacterianaReação Transfusional Não InfecciosaEstoqueConsideraçõesMuito obrigada !