30/09/2015 - jornal semanário - edição 3169

Click here to load reader

Post on 23-Jul-2016

229 views

Category:

Documents

3 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

30/09/2015 - Jornal Semanário - Edição 3169 - Bento Gonçalves/RS

TRANSCRIPT

  • Empregos

    Construo e Servios seguem em altaContrariando os nmeros gerais no municpio, setores seguem contratando mais pessoas que demitindo Pgina 6

    Pgina 9

    Simples Domstico entra em vigor a partir de amanh e tributos devem ser recolhidos em novembro

    Direitos trabalhistas

    BENTO GONALVESQuarta-feira30 DE SETEMBRO DE 2015ANO 48 N3169 R$ 3,00 www.jornalsemanario.com.br

    Uma nova realidade para as domsticas

    VITRIA

    LOVAT

  • Quarta-feira, 30 de setembro de 20152Opinio

    SEDEWolsir A. Antonini, 451

    Bairro Fenavinho - Caixa Postal 12695 700.000 - Bento Gonalves - RS

    ESCRITRIO CENTRALMal. Deodoro, Centro, 101Galeria Central - Sala 501

    DIRETOR PRESIDENTE HENRIQUE ALFREDO CAPRARA

    DIRETORES ANA INS FACCHIN

    HENRIQUE ANTNIO FRANCIO

    FALE COM A GENTE

    Telefones:Central/Fax: 3455.4500

    Escritrio Centro: 3452.2186Rdio - Estdio: 3455.4530

    Rdio - Coordenao: 3455.4535Noi - 3455.4513 ou 9923.1411

    Atendimento ao assinante: 3055.3073 ou 9971.6364

    E-mails:classificados@jornalsemanario.com.br

    jornal.semanario@italnet.com.brradio@radiorainha.fm.br

    revistanoi@revistanoi.com.br

    Sites:www.jornalsemanario.com.br

    www.radiorainha.fm.brwww.revistanoi.com.br

    JORNALISTA RESPONSVEL HENRIQUE ALFREDO CAPRARA

    Registro Prof. DRT 3321

    CirculaoQuartas-feiras e sbados

    Somos filiados ADJORI / RSEste jornal no se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados e no devolve

    originais que no foram publicados.

    EXPEDIENTE

    Siga-nos no Twitter:@jsemanario

    Curta a fan page:fb.com/jornalsemanario

    Leia tambm no nosso site:www.jornalsemanario.com.br

    Semanrio na Internet

    REPRESENTANTE EM PORTO ALEGRE Grupo de Dirios

    Rua Garibaldi, 659, Conjunto 102Centro - POA - Fone: (51) 3272.9595

    e-mail: fernanda@grupodediarios.com.br

    Trnsito difcilSem dvidas, nunca houve na histria deste Pas tanto as-

    sunto para ser abordado, em todas as reas. Seja no futebol, na poltica, na economia, na administrao, nas artes, no trnsito, enfim, em qualquer setor h algo importante para ser comen-tado. Pelo recorde de mortes no trnsito desse final de semana 26 perderam a vida em acidentes, entendo que devo abor-dar isso. Quem, como eu, est utilizando rodovias com frequ-ncia sabe muito bem da falta de prudncia que constatamos. Muitos motoristas pensam que com eles nada ir acontecer. Assim, rompem todas as barreiras do bom senso, das leis e da prudncia. Ultrapassagens em locais indevidos; excesso de ve-locidade; costuras em pistas duplas por pressa em chegar ao destino ou, mesmo, para mostrar a potncia do carro e, at mesmo, inexperincia (motoristas recebem a habilitao sem a menor noo do que dirigir em rodovias), alm de rodovias sem a devida sinalizao horizontal e, tambm, com erros de engenharia que podem ser notados. Some-se tudo isso e tere-mos uma verdadeira chacina no trnsito, como neste final de semana. Mas, h, inclusive, o problema do trnsito urbano. A fiscalizao nas cidades precria. A falta de noo e respeito por parte de muitos motoristas, motociclistas, ciclistas, skatis-tas e, certamente, de PEDESTRES, colaboram decisivamente para o caos que se v. Aqui, em Bento Gonalves, temos sers-simos problemas com pedestres. Claro que os que esto com veculos tm maior responsabilidade at prevista em lei -,

    mas, pelamordedeus, o descaso com que pedestres andam nas ruas algo fantstico. Eles transferem toda a responsabilidade para os que esto em veculos. O t na minha (art 1 do C-digo de Trnsito Bento-Gonalvense, o nico vlido por aqui) foi adotado at mesmo por pedestres. Atravessam ruas moda diabo, sem olhar para os lados, no local que bem entendem e, no raro, falando ao celular. Causa surpresa aos que no so de Bento quando digo que acontecem poucos atropelamentos por aqui. Segunda-feira um amigo de Porto Alegre chegou a comentar que se muitos deles andassem por l como fazem aqui a populao seriam reduzida diariamente. Nos cruza-mentos de ruas onde h faixas de pedestres e sinaleiras mui-tos abusam, tripudiam com os motoristas. Se algum preci-sa acessar garagem, passando sobre a calada, bem, a um exerccio de pacincia enorme. A convivncia entre veculos e pedestres altamente conflituosa. Falta bom senso para ambas as partes. H quem pensa que deveramos ter cam-panhas permanentes de conscientizao de todas as partes. Dinheiro para isso no faltaria, j que, por lei, o valor das multas deveria ter essa destinao. Resolveria? No sei, mas deveramos, pelo menos, tentar. A continuar assim teremos muitas mortes e acidentes a lamentar. Vejam vem: escrevi este artigo no dia 24 de outubro de 2012. O que, mesmo, pode ser alterado nele? Algo mudou? Pois ... Nem a cabea dos polticos e das autoridades competentes.

    AntnioFrizzoantoniofrizzo@italnet.com.br

    marcelo@jornalsemanario.com.br

    Marcelo DargelioBastidores

    Hoje tarde acontece um de-bate na Cmara de Vereadores para discutir a viabilidade de projetos para as rodovias da Ser-ra Gacha, com a presena do superintendente do DAER, pre-feitos e presidentes de entidades. O encontro tenta responder a pergunta que no quer calar: Por que a Serra, to produtora e cheia de riquezas, no tem uma infraestrutura logstica condi-zente com a sua grandeza?

    Com certeza, ouviremos mais do mesmo. Lideranas polticas e empresariais reclamando da

    falta de condies das rodovias, do entrave da produo, etc, etc. O dirigente do DAER afirmando que o rgo no dispe de recur-sos para fazer tais melhorias, bl, bl, bl. De prtico, quase nada.

    O que eu gostaria de saber por quantos governos mais a Serra Gacha ser enrolada e o problema das estradas no ser resolvido? Porque o Crema-Ser-ra no chega na regio de Bento Gonalves desde 2010? E, por fim, quando a ponte de Santa Brbara servir para alguma coi-sa e a ERS-431 ser recuperada?

    Rodovias da regio

    Nos prximos dias, deveremos ter mudanas em algumas secre-tarias da Prefeitura Municipal. O secretrio de Desenvolvimen-to Econmico, Neri Mazzochin, pode deixar a pasta devido a sua mudana de partido (saiu do DEM e foi para o PMDB). O pre-sidente do DEM, Adroaldo Dal Mas, deve indicar um novo nome para o cargo ao prefeito Guilher-me Pasin at sexta-feira.

    Porm, Mazzochin no deve deixar o governo Pasin. Ele est cotado para assumir a diretoria

    do Instituto de Planejamento Ur-bano (Ipurb). Isso porque o atual diretor, Luciano Cavallet, teria pedido demisso do cargo, aps quase trs anos comandando o rgo, alegando motivos particu-lares. Inicialmente, Cavallet teria acertado sua permanncia at hoje, mas poder ficar mais al-guns dias at que o novo diretor seja empossado.

    Estas seriam as primeiras mu-danas de uma srie que devem acontecer at maro do ano que vem. esperar para ver.

    Mudanas na Prefeitura

    Dana das cadeiras

    Esportivo vai ter presidenteO Clube Esportivo deve ter um

    novo presidente sim e, prova-velmente, no deve ser Marcelo Vignatti, o Palito. Um grupo de lideranas da cidade se reuniu e decidiu que chegou a hora de resgatar o Alviazul do ostracis-mo, colocando-o no lugar de onde ele nunca deveria ter sado.

    A boa notcia, caso se confir-me, deve ser anunciada aps uma anlise das contas do clu-be, o que acredito esteja em dia, conhecendo um pouco do tra-balho realizado pelo presidente

    Lus Oselame. Este o nico empecilho para a divulgao da nova chapa.

    Infelizmente no estou au-torizado a dizer o nome do empresrio, at porque ele no ir confirmar esta possi-bilidade nem por decreto. Po-rm, ele conta com o apoio de empresrios que podem, mui-to bem, ajudar a reerguer o clube, no s financeiramen-te. Parece que, finalmente, bons ventos esto soprando para o lado do Esportivo.

    Como havia dito na coluna ainda em agosto, com o tpico Quando setembro chegar, a dana das cadeiras nos partidos comeou. S no acontece com vereadores porque a janela para mudanas vai acontecer somente no ms de maro, adiando as mu-danas. Mas no se surpreenda se algum dos vereadores do PT ir parar no PP, deixando de ser oposio para virar situao.

    O ex-prefeito Aido Bertuol foi o primeiro nome mais vultuoso a mudar de partido, trocando o PMDB pelo PSDB. Aido jamais

    vai admitir publicamente, mas co-gita, sim, a possibilidade de ser o vice de Guilherme Pasin em 2016.

    Mas ainda acredito que a coliga-o PP-PMDB est muito longe de terminar. Mesmo com Csar Ga-bardo na presidncia e com todos os prognsticos indicando uma negociao difcil, a nica coisa que pode prejudicar a caminhada dos dois partidos juntos em 2016 ser a indicao do nome do vice. Pergunta para refletir: estaria C-sar Gabardo disposto a ser vice de Pasin, mesmo aps ter sido demi-tido, em nome da coligao?

  • PainelQuarta-feira, 30 de setembro de 2015 3Opinio

    At sexta-feira, 2 de outubro, nas de-pendncias da Biblioteca do CARVI, a comunidade de Bento Gonalves e regio pode conferir a exposio fotogrfica A Ditadura Militar no Brasil 1964-1985: A Verdade da Represso. A Memria da Resistncia. Composta por 22 painis com fotos e informaes, a mostra nar-ra o perodo histrico desde a institui-o do regime at o movimento Diretas J, destacando as manifestaes sociais, estudantis, sindicais e eclesisticas de re-sistncia, a ocorrncia de luta armada, os

    episdios de represso, a reorganizao poltica, a anistia e a redemocratizao. A exposio integra o Projeto Direito Memria e Verdade, desenvolvido pela Secretaria de Direitos Humanos da Pre-sidncia da Repblica, e ficou exposta na Galeria Universitria at o ltimo dia 22. A exposio, itinerante, ficar na Uni-dade de Bento Gonalves, Campus Uni-versitrio da Regio dos Vinhedos. A vi-sitao aberta ao pblico e acontece de segunda a sexta-feira, das 8h s 11 e das 13h30min s 22h.

    Marcelo Guindani e Simo-ne Aver so dois professores que se conheceram na escola. Conversa vai, conversa vem, descobri