2. abpmp bpm day campinas leandro jesus

Download 2. abpmp bpm day campinas leandro jesus

If you can't read please download the document

Post on 14-Jun-2015

1.589 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. www.abpmp.org/br BPM como estratgia para o crescimento sustentvel e lucro dos negcios Leandro Jesus Vice Presidente ABPMP Brasil leandro@abpmp-br.org

2. www.abpmp.org/br BPM a bola da vez? Nos ltimos 12 meses mais da metade das empresas investiu em melhoria de processos e gesto. Nos prximos 12 meses, 60% das empresas pretendem melhorar processos e gesto. Fonte: Pesquisa EXAME com as maiores empresas do pas (Out/2012) 3. Ns, profissionais de BPM, conhecemos e estamos convencidos de que nossa empresa precisa do gerenciamento de processos de negcio! Contudo.... 4. ... como as demais pessoas enxergam o gerenciamento de processos e o nosso trabalho? Qual feedback recebemos? 5. 2 Seminrio Internacional de BPM ELO Group & Michael Rosemann 2010 5 NAO AGUENTO MAIS... 6. www.abpmp.org/br Exemplos de Feedback negativos Agora eu tenho que ter todos os meus fluxos atualizados? Isso no prioridade para ns agora L vem a rea de processos novamente nos entrevistar Eu tenho que gerenciar a minha rea e ainda ser dono de processo? 7. www.abpmp.org/br Nossa concluso ingnua... O grande problema de BPM a falta de apoio da alta administrao! A organizao no entende e no quer aplicar o que gesto por processos! 8. www.abpmp.org/br Uma concluso mais provvel... Enquanto BPM no gerar CRESCIMENTO E LUCRO na prtica, ele NO ser uma prioridade para a alta administrao! 9. www.abpmp.org/br QUEM NS QUEREMOS SER? BPM PEQUENO i) Definio e controle de procedimentos; ii) Suporte especificao de requisitos de sistemas. A organizao se transforma e posteriormente utiliza processos para padronizar a nova forma de operar BPM GRANDE Gerao de crescimento e lucro para as organizaes, a partir da entrega de melhores produtos e servios A organizao utiliza a orientao por processos para se transformar 10. www.abpmp.org/br Fonte: Veja, 2012 11. www.abpmp.org/br Produtividade no Brasil A produtividade brasileira a mesma dos anos 70 e isso tem graves implicaes para o pas e para as empresas Fonte: Exame, Out/12 12. www.abpmp.org/br Processos Cliente TIPessoas Transformao conseguida atravs do alinhamento de processos, pessoas e tecnologias para o alcance de resultados significativos para o cliente. Transformando por meio de processos 13. www.abpmp.org/br Ganhos com a Transformao 14. www.abpmp.org/br O que est faltando para chegar l? 15. www.abpmp.org/br 1 ponto: conscincia do que so processos 16. www.abpmp.org/br | 16/16EloGroup| Todos os direitos reservados 2014 Boa noite, No dia 18/02/13 a EMPRESA X me ligou oferecendo uma linha de telefone fixo e internet de 5 Mb mais um modem wifi gratis. A atendente disse que seria instalado ate o dia 25/02/13. No dia 26/02/13 liguei para saber porque no tinha instalado, e fui informado para aguardar 24 horas que rea tcnica entraria em contato comigo, esperei e nada de contato. No dia 04/03/13 liguei novamente mais uma vez a atendente informou para aguardar 24 horas para rea tcnica entrar em contato e nada de contato.protocolo 20131012869771 No dia 19/03/13 liguei novamente mais uma vez a atendente informou para aguardar 24 horas para rea tcnica entrar em contato e nada de contato.protocolo 20131046540988 Hoje j dia 24/03/13 e nada de instalao, se eles no tm o servio porque me ofereceram? Qual o problema a ser resolvido? Fonte: Reclame Aqui 17. www.abpmp.org/br | 17/16EloGroup| Todos os direitos reservados 2014 O QUE O PROCESSO? VISO DO CLIENTE Da Solicitao do servio At servio instalado e em funcionamento Prazo e qualidade 18. www.abpmp.org/br | 18/16EloGroup| Todos os direitos reservados 2014 O QUE O PROCESSO? VISO INTERNA TcnicaComercial Presidente Meta de Venda (quanto maior volume, melhor) Meta de Prazo (quanto mais rpido, melhor) 19. www.abpmp.org/br | 19/16EloGroup| Todos os direitos reservados 2014 ESCOPO FUNCIONAL VS ESCOPO PONTA-A-PONTA Processos desintegrados Cliente o integrador! Processos integrados Ponto nico de contato! 20. www.abpmp.org/br | 20/16EloGroup| Todos os direitos reservados 2014 Falta de conscincia de processos e o impacto em TI CRM Legado ERP Mdulo Mdulo Mdulo Mdulo Aplicativos monolticos e funcionais Mltiplas interfaces com usurio Fonte: baseado em Rosemann, 2009 21. www.abpmp.org/br 2 ponto: entendimento da natureza dos processos a serem transformados 22. www.abpmp.org/br Trabalho sistemtico e repetvel Dependente de padres e treinamento Facilidade de automao Trabalho flexvel e subjetivo Dependente de expertise e experincia Maior resistncia a padres e sistemas engessados Trabalho de Rotina Trabalho de Conhecimento Trabalho de Rotina vs de Conhecimento 23. www.abpmp.org/br Peter Drucker A contribuio mais importante que a gesto precisa trazer no sculo 21 similar ao aumento de produtividade do trabalho do conhecimento e do trabalhador do conhecimento. A contribuio mais importante, e de fato a nica verdadeiramente , da gesto no sculo 20 foi o aumento de cinquenta vezes na produtividade do trabalhador manual em fabricao. (...) 24. A maior parte das tcnicas de BPM atuais foram pensadas para o trabalho manual do sculo 20. Elas precisam ser repensadas para o trabalho do conhecimento do sculo 21! 25. www.abpmp.org/br Consequncia para a documentao de processos 26. www.abpmp.org/br Rumo a uma documentao Inteligente Processo (definio e escopo) Processo (definio e escopo) Processo (definio e escopo) Macroprocesso Macroprocesso Processo (definio e escopo) Processo (definio e escopo) Processo (definio e escopo) Arquitetura de Processos Padronizaosob necessidade Gestodescentralizada Padronizaomnima Gestocentralizada Procedimentos e instrues de trabalho Fluxograma Procedimentos e instrues de trabalho FluxogramaFluxograma Fluxograma Sem Fluxograma Sem Fluxograma Sem Procedimentos e Instrues de Trabalho Sem Procedimentos e Instrues de Trabalho 27. www.abpmp.org/br SISTEMAS ENGESSADOS Consequncia para a automao 28. www.abpmp.org/br ORIENTAOTRILHO QUE TIPO DE PROCESSOS QUEREMOS?PADRONIZAO ESTABILIDADE ROTINA FLEXIBILIDADE CASO-A-CASO INCERTEZA Que tipo de processos queremos construir? 29. www.abpmp.org/br 3 ponto: ganhos rpidos com a transformao 30. www.abpmp.org/br Quanto tempo voc leva para conduzir um projeto de transformao hoje? No mapeamento e anlise dos processos atuais? No desenho dos processos futuros? Na implementao de melhorias associadas a pessoas/organizao? No desenvolvimento e implementao de sistemas? Quanto retrabalho existe nesse ciclo hoje? 31. www.abpmp.org/br custo Conhecimento vem na integrao final, ou nos relatrios de uso do sistema Pouco aprendizado durante o projeto Aprendizado Tardio tempo O ciclo tradicional: aprendizado tardio 32. ABORDAGEM GIL Ao invs de apenas Pensar/Planejar o que construir, teste um pouco o conceito de construir para poder pensar/planejar... 33. www.abpmp.org/br Entrega Conhecimento (reduo de riscos) Crescimento do conhecimento com integrao contnua e antecipada Sequencia de desenvolvimento Indiferente (com respeito ao conhecimento) tempo Podemos aprender cedo no projeto 34. www.abpmp.org/br 34 Ciclos enxutos de transformao (Sprints) tempo Nvel de Desempenho Desempenho atual (AS IS) Desempenho ideal (TO BE) 35. www.abpmp.org/br 35 Mnimo Processo Vivel (MVP) Fonte: adaptado de Cooper e Vlaskovits (2010) Cliente Processo Problema, restrio ou oportunidade Soluo Processo/ plataforma Funcionalidades; Desenvolvimento do Processo Customer Development Problema / Soluo Validao Mnimo Processo Vivel (MVP) = processo com as caractersticas mnimas necessrias para testar um determinado conjunto de hipteses. 36. www.abpmp.org/br Em resumo 1 ponto: conscincia do que so processos 2 ponto: entendimento da natureza dos processos a serem transformados 3 ponto: ganhos rpidos com a transformao 37. www.abpmp.org/br Quer saber mais? 38. www.abpmp.org/br Obrigado! Leandro Jesus Vice Presidente ABPMP Brasil leandro@abpmp-br.org